Google+ Badge

segunda-feira, 28 de fevereiro de 2011

O REINO DAS FADAS





elfos e unicórnios


A capacidade de sonharmos e nos inspirarmos em mitologias e lendas, paraisos perdidos é o que nos mantém ainda com um pé na sanidade por mais paradoxal que isto seja....

Não é por mero acaso que neste momento negro da História humana, talvez o mais complexo e perigoso jamais visto, uma série de produções sobre seres sobrenaturais tem invadido as livrarias, os games, as têves, o cinema , o Youtube etc....

Avatar,Como treinar seu Dragão,Eragon, Crepúsculo,Shrek,A viagem de Chihiro,A princesa Mononoke, Deixe ela entrar,Toy Story,O labirinto do fauno,Supernatural,True Blood , A batalha do Apocalipse,Enrolados, a princesa e o Sapo,The Vampires diaries,Lost,Fringe,O evento,V,Aprendiz de feitiçeiro,Santuário,Battlestar Galáctica,A guerra dos tronos,Cáprica,Heaven,Stargate,A bússula mágica, os infindáveis livros sobre conspirações envolvendo segredos ancestrais e os megapesospesados... Batman ,Spiderman,Superman,Homem de Ferro e tds os heróis de quadrinhos, um novo Sherlock Holmes mais cheio de mistério e misticismo,O senhor dos anéis, O Hobbit e Harry Potter dentre outras tantas obras fantásticas que encantam e nos levam para um mundo interno onde buscamos soluções mágicas, poderosas para os dilemas de nossas vidas....

Estamos diante de um mundo acinzentado onde a divisa, o limite, entre luz e trevas, bem e mal,tem se tornado cada dia mais tênue e fragilizada...

Alguns podem ver nesta busca pelo numinoso, pelo fantástico...escapismo, mas eu vejo como uma redescoberta do homem moderno do sonhar, do imaginar, do redescobrir mundos interiores onde podem beber da fonte de mitos ancestrais ali ocultos só esperando para manifestarem-se e trazerem mais luz a este mundo....

Os contos de fadas encerram verdades profundas sobre a natureza humana que se fossem meditadas e assimiladas poderiam trazer um novo frescor de criatividade a cultura humana e conseguentemente nossa sociedade...

Frank Herbert escreveu um livro soberbo sobre a capacidade de sêres idmaginarem(este era o termo usado por ele) universos inteiros...será que não esta faltando esta capacidade para a humanidade atual se autorregenerar e gerar criando assim um mundo novo de possibilidades transformadoras...imaginar, novas filosofias, novas formas de governo, de relações maritais, de convivência,de liberdade política, de convivência lado a lado...

Nós somos a geração X.... acreditem nisto!

Em nossas mãos esta o viés que determinará tudo o que virá depois....de bom e de ruim...

Boa terça feira

Pax e Lux 

Valter...

domingo, 27 de fevereiro de 2011

As feridas curam-se no Silêncio

Frase profunda não?

Pois então, eram os idos de 1988, mais especificamente o mês de Junho e eu estava em frangalhos interiormente...havia acabado um relacionamento com uma mulher a qual investira todas as esperanças e expectativas de um futuro luminoso...e pior; ela terminará tudo(partira dela rs) na semana do dia dos namorados no Brasil...

Hoje passados mais de 23 anos toda a situação parece patética e em alguns momentos até cômica mais que trágica(e reconheço que muito deste patético e deste cômico eu fui o protagonista hehehe)mas naquela época era algo do estilo....MEU MUNDO CAIU...!

Não é fácil você investir e transferir seus sonhos e felicidade para as mãos de outrém....

VOCÊ SE ESQUECE QUE O(A) OUTRO(A) TAMBÉM TEM SEUS SONHOS E SUAS EXPECTATIVAS e de repente pode ser que elas(es) não batam nem um pouco com os(as )seus(suas)!

Enfim; voltando a minha tragédia grega particular....comi o pão que o 'Caramulião' amassou naqueles dias...

Sofri,chinguei, chorei,fiz papel de tolo, corri atrás,engordei, me descabelei(literalmente, foi a partir dai que começei a perder cabelo e um especialista dermatologista consultado foi categórico em dizer que isto estava associado a fatores psicológicos já que os testes dermatológicos deram todos negativos),fiz cenas patéticas de ciúmes usando outras garotas as quais não estava nem um pouco interessado no sentido sério do termo(esta é a parte não engraçada da História td até hj, já que 'usar' um outro ser humano é ERRADO seja qual for o motivo se este não tiver ciência que esta sendo 'usado' ) enfim, gastei todo o meu repertório de dramalhão e NDA!

A garota estava irremovível em sua decisão!

Bem, foi quando fiz amizade com uma garota especial e maravilhosa do lugar em que trabalhava na época(Banco Itaú)aliás; agora percebo que naquele período VÁRIAS mulheres fantásticas a PROVIDÊNCIA colocou em meu caminho e crêio que cada uma delas tem uma parcela de 'culpa' santa no processo de cura pelo qual eu passei a partir de então...

Mas esta garota , Cristina(chamarei-a de angolana para diferenciar de outra Cristina que lá havia e também se tornou muito próxima a mim,a angolana havia escapado na década anterior com a familia de Angola... devido a guerra civil... por ser branca e de ascendência lusitana a vida dela e dos seus correu sério risco) , foi uma amiga especial e particularmente abençoada e abençoadora que entrou na minha vida então...não tivemos nada além de uma amizade forte, intensa e verdadeira mas foi este tipo de relacionamento que me ajudou no processo...

É interessante como cada uma destas mulheres especiais que apareceram naquele período ficaram marcadas de modo indelével em meu coração...

Havia a outra Cristina,a Rejane,a Luci, a Marizete, a Ana,a Celinha e mais 6 garotas que hoje não me recordo o nome mas não consigo esquecer suas fisionomias e tudo o que fizeram de bom por mim naquele período; umas como confidentes outras, como amigas e algumas despertando algo mais que mostravam que eu ainda era uma carta BEM dentro deste baralho as vezes 'insano' e 'indecifrável' do amor...

Tinha uma que nunca chegamos nos falar pelo fato de sermos ambos tímidos mas que nos olhavamos constantemente; parecia haver uma atraçao,uma cumplicidade entre os dois mas devido ao fato de só nos vermos na hora em que o onibus do Itaú fazia o percurso ida e volta e pela timidez evidente dos dois(e um pouco também porque a outra estava muito forte  ainda dentro de mim)nunca nos falamos...mas como é estranho você se lembrar nitidamente da imagem de uma pessoa que você nunca trocou um A mas você recorda o semblante como se fosse ontem...

Outro fato interessante deste processo é que anteriormente ao rompimento de meu relacionamento eu tinha amigas mulheres mas os amigos homens eram muito mais....tanto os que vieram da infância e colegial, quanto outros da religião que frequentava(os da faculdade vieram depois do processo) na época... enfim;era um cara como outro qualquer; com uma quantidade de amigos homens de farras e folguedos de mocidade, poucas amigas mulheres e a mulher que supostamente achava ser a da minha vida , que amava e fazia planos de casar pensando que também era amado...

Entretanto neste período de dor, de separação, misteriosamente as coisas se inverteram; os amigos homens sumiram(a exceção de 3...Joaquim,Abraão e Daniel) depois de me aconselharem td tipo de coisa 'de macho' para fazer para me vingar da cuja e que eu relutantemente lutei para não fazer(à exceção daquilo que já citei lá em cima e que abandonei rapidinho por que me causava um mau lascado) e as mulheres começaram a aparecer em maior número, parecia que eu era um chamariz para o sexo feminino, não sei se é o natural instinto maternal da mulher que parece direcioná-las para os 'carentes' de afeto da vida rs, ou se meu sex appeal ficou mais evidente ou se(o mais provável) que o Divino tenha visto o quanto eu precisava daquilo naquele  momento e pôs estas criaturas fantásticas no meu caminho.....

Com elas eu ria, chorava, brincava, debatia temas filosóficos, ou falavamos de abobrinhas mesmo, confidenciavamos nossas dores(sim o processo todo me fez mais flexível e atencioso para a dor de outrém) e assim os dias, meses e dois anos se passaram...

Voltando a frase do titulo, foi a angolana que me deu num destes dias em que estava mais 'atacado' pela deprê um marca livro que continha esta simples frase embaixo de um motivo floral...ela não disse nda a não ser ...Valter , isto é para você... e me olhou com aqueles olhos misteriosos e aquele olhar cúmplice que ela tinha com aqueles que gostava...

Também não falei nda mas o impacto da frase dentro de mim repercute até hoje!

Afirmo taxativamente que foi a partir dali que começei realmente a me curar....foi um tratamento de choque rápido, silencioso mas decisivo...

Pouco a pouco nos dias que vieram depois fui sentindo uma paz, um senso de direção, de propósito, de lucidez que havia de há muito deixado de sentir dentro de mim....

Reparem que é uma frase curta mas reparem também quanto tem de verdade nela...

O Silêncio aqui não é o mero fechar de boca, ou a ausência de som ao redor....mas o Silêncio DA PRESENÇA....aquela presença interna , sagrada, de nosso EU MAIOR que tudo sabe e tudo conhece pois é Centelha é partícula da FONTE de toda Ciência e Bem!

Esta Presença inquestionável que esta em cada humano tem um modo peculiar de se comunicar conosco....NO SILÊNCIO...somente quando silenciamos nossos desejos, nosso medos, nossas inquirições, nossas certezas, nossas razões, nossos isso ou nossos aquilo e PRINCIPALMENTE qdo paramos de ver a culpa de td em tds e não a vemos TAMBÉM em nós mesmos ...Dai então,ouvimos sua voz nítida e clara...e o Silêncio tornasse o verdadeiro marulhar do oceano trazendo até nós a musica das esferas e nos curando integralmente das chagas que o egoismo nosso e de outrém fez à nós....

As feridas....sejam elas quais forem curam-se no SILÊNCIO da Presença do Divino em e além de nós ,quem já teve esta experiência como eu tive sempre que se encontra numa situação de risco lembra-se deste detalhe e procura tentar de novo ouvir a ÚNICA VOZ que realmente vale a pena e paradoxalmente se manifesta...SILENCIOSAMENTE!

Pax e Lux

Valter




sexta-feira, 25 de fevereiro de 2011

Os Tiranos da Consciência

Desejo e Culpa....

Duas palavras,duas manifestações do humano em nós que podem transformar nossas vidas em verdadeiro inferno....

O desejo em si nada tem de ruim, negativo enquanto a culpa pelo contrário carrega na própria palavra o sentido do ruim.

Mas obviamente em um mundo dual as coisas NUNCA são ou serão o que parece...

Existem desejos destrutivos assim como existe a contrição positiva que é a culpa usada em benefício próprio quando ao sabermos ter pisado na bola damos meia volta e ajeitamos as coisas da melhor forma possível....

O desejo como entidade espiritual encontra arquétipos em alguns deuses e deusas das mitologias antigas...Afrodite grega e a romana Vênus deusas do amor, os greco-romanos Eros,Cúpido deuses do desejo,o indiano Mara o senhor da morte e das ilusões,o grego Dioniso o senhor das festas e das libações,o grego Pan o deus campestre do prazer e do deleite,a sumero-hebraica Lilith a senhora de íncubos e súcubos que assediam homens e mulheres em seus sonhos com todo o tipo de desejo e imagens eróticas,Dalila o simbolo máximo de mulher sedutora e independente na Bíblia,Helena o simbolo máximo da beleza e do desejo na mitologia grega,Ishtar a senhora do prazer e amor babilônicos e sua contraparte cananita Astarte,Adônis o belo deus amante cananita- babilônico,enquanto no Egito Hathor exemplifica melhor o desejo no panteão...

Mas nenhum simbolo mitológico é mais presente que a Serpente do Éden e o fruto da Árvore do Conhecimento do Bem e do Mal...

A própria dualidade contida no tipo da árvore mitológica ou em seu fruto, a dubiedade contida na Serpente e no duplo sentido de suas palavras trazem um conteúdo mitológico poderoso do quanto o Desejo pode ser encarado como as duas faces de uma mesma moeda e a Culpa como algo intrínseco a ele quando ao invés de dominarmos o mesmo somos por ele dominados...

Desejo implica no agente ativo atuando no agente(ou objeto) passivo...na verdade é a teoria quântica trazida à compreensão da filosofia e da psicologia...Deve haver o agente que deseja e o agente(ou objeto) que é desejado...O que observa e o que é observado, O que influi e o que é influenciado.

Entretanto existe um paradoxo ai....será que enquanto desejo e observo não sou também desejado e observado pelo ser  ou objeto que desejo e observo?

Seria o OUTRO tão passivo assim?

Sabemos que nas relações humanas isto nem sempre é veraz!

E crêio, nem no contexto espiritual já que O Divino quando cria, cria de SI  mesmo, A SUA IMAGEM ou seja; assim como ele deseja a Criação , a observa...é desejado por esta, observado por ela...
Ainda que ELE ou ELA seja a Origem de todas as coisas estas coisas tem EM SI a mesmíssima capacidade de desejo e observação DELE(A) porque de lá vieram ,se é que podemos falar em ir ou vir quando se trata destas questões metafísicas.....

Entre agentes conscientes, ou sencientes não existe agente e objeto mas AGENTES INTERATIVOS!

E quando então o Desejo se torna em tirano da consciência?

Quando ele se associa a Culpa mitologicamente simbolizada como Pecado, descrita como um monstro pronto a abocanhar...por YHVH a Caim quando este começava a desejar matar Abel seu irmão,  na teologia judaico-cristã ou como uma sedutora Mulher como Circe da mitologia grega que atrai suas vitimas para depois transformá-las em seres inumanos ao seu bel-prazer e mais que tudo Satan ou o Acusador na mitologia judaica(transferida por simbiose para a cristã e a islâmica),ou as tais 30 moedas de prata que custaram a vida do Cristo para Judas...

Desejo e Culpa quando associados transformam a vida da pessoa em um verdadeiro caos....

Nem sempre a Culpa é lógica, racional, verdadeira....nem sempre realmente erramos ao fazer tal e tal coisa....

O ser humano tem 'razões' que a própria Razão desconhece...

Existem desejos nocivos sim e a culpa advinda deles se bem administrada é um remédio não um veneno para o humano....

Geralmente tais desejos ditos nocivos prejudicam a vida de quem deseja e de quem esta ao redor....é um câncro social, que emperra a evolução do agente da ação e detona com a vida de quem ele atinge...

Mas toda culpa advinda de dogmas, tradições,normas,ensinos,imposições,frustrações alheias quanto a idealizações destes em relação ao agente e vice e versa, que ferem a liberdade de ir e vir, de ser e de existir do agente e que não tem origem em nada egotíco e apenas foca no livre-arbítrio...se torna tirânica e nociva quer o desejo seja ou não nocivo em si....

A benção humana é neste caso o discernimento....a capacidade de sentir em si quando uma coisa pode ou não ser prejudicial a si e a outrém....quando algo por mais desejado que seja trás mais dor, separação, inimizade,destruição que o oposto...mas mesmo nestes casos nem toda destruição poderia ser entendida como nociva...a queda de regime ditatorias, de religiões fundamentalistas e exclusivistas,de sociedade racistas e preconceituosas(vide aqui o que aconteceu entre o Sul e o Norte americanos...naquela guerra o conceito de sociedade ideal do Sul barrava NO DIREITO de liberdade dos escravos assim por mais utópica e idealizada que poderia ser a vida para os brancos de lá com certeza os negros não deveriam partilhar desta visão) ou de visões estagnadas que um dia funcionaram mas hoje são anacrônicas.... não podem ser encaradas NUNCA como nocivas....

A dinâmica da vida se encarrega de trazer situações e desafios onde somos dia a dia testados se agimos egoticamente ou holisticamente...

Assim Desejo e Culpa deixam de ser os tiranos da Consciência quando esta transmuta seu egoismo natural em humanismo evolucional....

Quando EU E TU se tornam UM SÓ a consciência se vê livre para saber escolher O QUE DESEJA e COMO DESEJA, livre dos entraves que cerceiam os moralistas incorrigíveis mas sensata o suficiente para perceber quando um limite entre o que se quer e o que se poder ter é traçado pelo bom senso e pela liberdade que existe entre todos os humanos envolvidos na questão....

Sejamos livres; o DESEJO pode ser um Deus do Bem ou do Mal neste mundo dual....pode ter a bela face de Afrodite ou a carranca de Medusa....e a Culpa que pode ou não se seguir a ele é mera consequência de nossas escolhas ou seja; ESCOLHEMOS NOITE E DIA SE QUEREMOS SER TIRANIZADOS POR ELES!!!

Vídeo para meditação....
CÂNTICO DE DEUS EM NOSSO INTERIOR ABIUZZI.wmv 




http://www.youtube.com/watch?v=AZO0DssfzHo

Pax e Lux


Valter






quinta-feira, 24 de fevereiro de 2011

As estranhas evidências conspiratórias...

Segue por todo mundo, em vários países onde governos ditatoriais comandam, revoltas e insurreições que nos deixam boquiabertos....

Sem entrar no mérito da legitimidade ou não ante a Verdade de tais movimentos, não há como não entendermos que algo ou alguém esta por trás movendo os fios dos bonecos que encenam no palco....

A necessidade LEGÍTIMA de mais liberdade, mais igualdade, mais progresso de tais povos ante uma série de governantes que primam pelo ego e por beneficiar uma elite escolhida a dedo é algo inquestionável.

Aliás; a séculos os povos tem aprendido a duras penas que não é salutar , nem benéfico entregar o mando de seus destinos para meia duzia de pessoas.

Mas nestes casos específicos do Oriente médio surge a questão: 

Quem estará realmente se beneficiando com tudo isto?

O povo cansado de ser massa de manobra de alguns ou grupos fundamentalistas, radicais que querem estabelecer outro tipo de poder ditatorial?

Mais fundo ainda poderiamos ir....estaria uma elite secreta usando tanto um lado quanto o outro para obter benefícios de toda esta situação?

Sabemos de toda a conjuntura que construiu o 11 de Setembro, de todo o cenário que levou a invasão do Iraque,como certos fatos, certas evidências parecem nos direcionar a pensarmos que temos debaixo do palheiro mais coisas que supõe nossa vã filosofia....mas mesmo assim relutamos em entender desta forma.

Raríssimos são os estudiosos 'respeitáveis' que defendem tais coisas!

O medo do ridículo, de ser alijado dos círculos restritos do saber força muitas vezes as análises a ficarem no 'evidente', no 'óbvio', no 'real' e qualquer outra coisa mais ligada a coisas obscuras tendem a nem ser pronunciadas e quando o são acontecem nos termos da chacota.

Mas cada vez que olhamos os fatos diante dos nossos olhos parecemos estar sendo enganados pelo que vemos como se olhassemos uma realidade virtual onde tudo é possível e provável,mesmo enchergar tudo o que esta acontecendo como mero desejo de liberdade pelos jovens destes países em questão sem nenhum interesse nem nada por trás.

Não penso todavia que devamos fechar os olhos a tais anseios mas tentarmos entender que não é um processo simples com explicações simplistas....

E se num futuro não muito distante vermos em tais paises governos mais radicais ainda ou governos ainda mais submissos as grandes potências, polos opostos eu sei,mas realidades que elites trevosas adoram instalar, não será nem um pouco de se admirar!

Os anseios legítimos de liberdade, justiça social, progresso de tais povos só poderão serem respeitados e não usados por a ou por b ao seu bel prazer se os homens e mulheres de boa vontade tanto de lá quanto de cá assumirem as rédeas deste processo, mesmo que o mesmo seja aleatório ou secretamente dirigido....ainda que legítimo em suas aspirações!

QUANDO OS BONS SE CALAM O MAL IMPERA!

A nossa necessidade em atuarmos como força benéfica de luz e bem, transcende nosso solo, nossa casa, nosso povo, nossa nação, nossa familia, nossa vida pois estamos vivendo um ligação simbiótica mundial doente que precisa ser curada, saneada, libertada!

Precisamos sim de empatia, de sintonia, de holismo mas nunca de ligações vampíricas onde uma elite destrutiva usa e abusa do atual contexto de globalidade para fomentar sua visão de mundo e nos tornar cada dia mais escravos desta visão.

Liberdade....Igualdade....Fraternidade....

Precisamos sermos sim livres mas precisamos também sermos iguais, sem diferenças elitistas de maiores e menores, pequenos e grandes, ricos e pobres mas para isto precisamos sermos fraternos também....sem um senso real de irmandade, de fraternidade NUNCA será possível verdadeira liberdade nem muito menos igualdade.
E não falamos aqui do sentido de nivelar a todos e a tudo com se fossemos produtos manufaturados, etiquetados,estereotipados e produzidos em fórmula, receita e escala massificada...

DE FORMA ALGUMA!

Falamos de chances iguais para todos de serem o que quiserem na vida sem cerceamento de outrém e desde que também não firam o direito de outros...

De deveres e direitos alicerçados na ENTIDADE HUMANA e não na identidade racial, social,ideológica ou religiosa....

Porisso que antes da igualdade vem a liberdade e depois desta a fraternidade pois a igualdade só é entendida de forma correta quando vem antecedida por uma e seguida por outra...Devo ser livre dentro e fora de mim para me sentir humano e com os mesmos direitos e deveres de outros e só posso respeitar tais direitos e deveres e agir verdadeiramente com liberdade NA IGUALDADE se AMAR as pessoas como entidade livres e humanas como eu....enfim; se for fraterno...não existem atalhos....

O lema iluminista não foge nem um pouco do lema crístico..."O QUE QUEREIS QUE OS HOMENS VOS FAÇAM FAÇAIS VÓS TAMBÉM" ou "AMAI AO PRÓXIMO COMO A TI MESMO".

Ou seja; toda nossa liberdade deve vir calcada no senso de que somos todos um , ligados em responsabilidades individuais e coletivas pelo bem de cada um de nós e de toda nossa sociedade e meio ambiente!

Assim, devemos neste momento apoiar o movimento libertário que sacode os países totalitários mas nunca apoiarmos qualquer coisa que venha a substituir os que deverão sair...

O Ocidente e demais paises que primam pela liberdade(mesmo com todas as falhas que possamos ou não ter neste processo)devem apoiar tais movimentos libertários e cuidadosamente se cercar e incentivar líderes locais que tenham mais interesse no bem comum do que nas ideologias e fundamentalismos outros que só são um outro tipo de ditadura de corpo e consciência!

Oremos, vibremos e trabalhemos dentro do nosso possível para que em todos estes lugares o BEM prevaleça sobre o MAL!

Vídeos salutares sobre o assunto....será que seriam mera ficção!?
Pensem a respeito diante dos fatos que estamos observando mundo afora...

http://www.youtube.com/watch?v=coavk6VwXuk
http://www.youtube.com/watch?v=oM_fWhbHqNw
http://www.youtube.com/watch?v=dYwQ5FTtKqo
http://www.youtube.com/watch?v=3al7sNLL168
http://www.youtube.com/watch?v=p30pmEROQVk

Pax e Lux

Valter...











quarta-feira, 23 de fevereiro de 2011

Um estranho mundo....

Quedamos nos dias que hora correm a tentar entender o que se passa em nosso pequeno plâneta.

A humanidade olha de um lado ao outro se perguntando o que significa tudo isto....

Guerras, rumores de guerras, insurreições, aquecimento global, explosões solares, asteróides passando perigosamente rente a Terra,a criminalidade cada vez mais crescente, a desigualdade social, os confrontos: ideológicos, religiosos, raciais...

Aquilo que nos limita, que nos separa, que nos afasta daquilo que entendemos como uma vida digna , boa , útil parece cada vez mais forte, intenso ,potente em lugar das coisas que deveriam nos unir.

Estudiosos, pensadores, filósofos, religiosos de todas as vertentes e origens tem se debruçado milênios a fio sobre tais questões,diagnosticando problemas, dando soluções mas... o certo é que parece que estamos cada vez mais distantes da tal solução que outrora....

Enquanto como socidade tecnológica nos tornamos evoluidos e cada vez mais distantes da vida simples do homem de outrora como sociedade HUMANA nos tornamos cada vez mais distantes do bem coletivo e individual.

Sendo assim .....esta 'evolução' na prática o que significa?

O que realmente significa ser ou não ser evoluido?

Celulares, tv a cabo, computadores cada vez mais potentes,armas de destruição cada vez mais 'limpas' e poderosas,carros maravilhosos, naves de ultima geração?

Ou ter paz de espirito, amor no coração, sabedoria na alma e conhecimento do Divino em e além de nós?

A pergunta que mais faço hoje é....Seria possível aliarmos a evolução tecnológica com a evolução espiritual e consequentemente social?

Sim, pois uma sociedade realmente evoluida tem que pensar no todo e no indivíduo também, tem que criar limites mas também permitir a livre iniciativa, tem que pensar no bem comum mas também se abrir para o problema interno de cada um...

Uma sociedade evoluida de fato não só terá avanços fantásticos proporcionados pela ciência mas também evoluirá nos direitos e deveres humanos,terá igualdade racial,permitirá que o mínimo para que um humano sobreviva signifique; Ter trabalho digno e nele ganhar o suficiente para ter casa própria, bem mobiliada, seu veiculo de locomoção, alimentação farta e equilibrada, direito a tratamento de saúde gratuito, educação e segurança ídem,transporte público bom e barato,horas e dias de recreação e tudo isto da melhor qualidade e equalizado a TODOS...

E crêio que isto só será possível ante a união dos avanços científicos com a profundidade espiritual...

Uma espiritualidade sadia, que vê a humanidade de forma inclusiva, holítica e Deus(a) como presente de fato e de direito dentro e ao redor de cada coisa aliada com uma ciência ética não terá limites diante de si tentando barrar nossa ascenção rumo ao Propósito Divino para nós, muito pelo contrário;terá toda a natureza e além dela a nosso favor neste Propósito....

Enquanto isto perdemos tempo e pior....oportunidades num mundo estranho forjado por egos doentes...

Hoje várias séries de tv ou filmes de cinema trabalham com a hipótese de toda a humanidade poder um dia correr perigo de extinção devido alguma praga ou doença transmissível etc...Séries como The Walking Dead ou filmes como 2019 o ano da extinção vêem em lendas profundamente arraigadas na mitologia humana(Zumbis e Vampiros) material inspirativo para imaginar o fim de nossa sociedade...

Entretanto o maior mal de todos que contamina o ser humano a milênios e continua a fazer isto de tal forma que hoje perdemos completamente o limite do que seja ou não bom, verdadeiro,justo e correto é o ego humano inflado e ensimesmado em visões unilateralistas, fundamentalistas, racistas,preconceituosas, exclusivistas e totalitárias...

Falamos de paz mas nosso coração esta cheio de violência....

Falamos de amor mas não paramos de agir e reagir por meio do ódio....

Falamos de unidade mas cada um de nós vive como se fosse a única pessoa do mundo com direitos e as demais com deveres...

Falamos de igualdade mas não paramos de nos sentir e agir como se melhores que todos fossemos....

Somos enfim um poço de contradições ambulantes....

E isto, este mal que vem de DENTRO de nós esta destruindo cada vez mais nossa sociedade e o nosso meio ambiente!

Somos a única espécie viva aqui que causa isto!

Que dicotomia estranha é esta?

Que nos divide e separa ao mêio como sêres tão únicos e especiais que até hj não encontramos iguais mas no mesmo instante os mais destrutivos,homicidas e suicidas?

Como resolver este paradoxo?

Estaremos diante de fatos e situações construidas por nós que podem apressar nossa extinção ou estaremos meramente passando por um processo depurativo que nos tornará(tudo indica quem sobrar claro,)mais luminosos, abençoados e abençoadores?

Estamos a se levar a crédito tudo o que tem acontecido, perto do fim....mas....

FIM DE QUE!?

Isto crêio eu,decidiremos com nossos pensamentos,palavras e ações individuais e coletivas!


PAX E LUX

Valter....