Google+ Badge

sexta-feira, 14 de dezembro de 2012

AS VESTES FESTIVAS para o casamento de CRISTO e de SOFIA...



Sentado em frente a este lago medito...

Contemplo uma frondosa e frutífera árvore bem diante de mim na outra margem do lago...

Entro em contato com cada partícula que forma esta robusta amiga dos homens...

O vento me toca o rosto e percebo na pele o poder das energias que me envolvem...

Nada é supérfluo...

Nada é dispensável...

Tudo pode ser aproveitado, abençoado e abençoar no bale da vida.

Na superfície do lago o vento forma pequenas ondas que se quedam uma sobre as outras na medida em que  este passa sobre elas...

Pássaros voam cantando em alegre algazarra completamente alheios ao humano que lhes observa.

É o baile do mundo, o baile da vida.

Gotas de chuva começam a  cair!

Apesar de ainda um pouco quente hoje choveu um bocado e contemplar a natureza sentado na beira do lago é um luxo que achei não teria hoje.

A cidade foi inundada por um mar de água...

Nós humanos construímos nossas cidades sem nenhum tipo de planejamento e manutenção e quando a natureza chega causa um alvoroço do tamanho de nossa inconsequência.

A culpa não é da chuva 'inconveniente' e 'insensível' mas de entidades que ousam continuar o baile da vida sem usar as devidas vestes de festa.




Vejam...

Então Jesus, tomando a palavra, tornou a falar-lhes em parábolas, dizendo:
O reino dos céus é semelhante a um certo rei que celebrou as bodas de seu filho;
E enviou os seus servos a chamar os convidados para as bodas, e estes não quiseram vir.
Depois, enviou outros servos, dizendo: Dizei aos convidados: Eis que tenho o meu jantar preparado, os meus bois e cevados já mortos, e tudo já pronto; vinde às bodas.
Eles, porém, não fazendo caso, foram, um para o seu campo, outro para o seu tráfico;
E os outros, apoderando-se dos servos, os ultrajaram e mataram.
E o rei, tendo notícia disto, encolerizou-se e, enviando os seus exércitos, destruiu aqueles homicidas, e incendiou a sua cidade.
Então diz aos servos: As bodas, na verdade, estão preparadas, mas os convidados não eram dignos.
Ide, pois, às saídas dos caminhos, e convidai para as bodas a todos os que encontrardes.
E os servos, saindo pelos caminhos, ajuntaram todos quantos encontraram, tanto maus como bons; e a festa nupcial foi cheia de convidados.
E o rei, entrando para ver os convidados, viu ali um homem que não estava trajado com veste de núpcias.
E disse-lhe: Amigo, como entraste aqui, não tendo veste nupcial? E ele emudeceu.
Disse, então, o rei aos servos: Amarrai-o de pés e mãos, levai-o, e lançai-o nas trevas exteriores; ali haverá pranto e ranger de dentes.
Porque muitos são chamados, mas poucos escolhidos. 
Mateus 22:1-14




A parábola que Cristo nos conta vem bem a calhar para o assunto que estou a tratar.

Percebam que o rei da parábola é uma figura de Deus.

Assim como o rei Deus tem gastado tempo e paciência enviando gurus, profetas, emissários de luz, avatares, Jesus Cristo, para este mundo para notificar ao homem que ele esta num traçado evolutivo errado e que se ele não mudar terá que arcar com as consequências.

Cada emissário de luz, cada profeta, cada guru, cada avatar, inclusive o Cristo, que aqui vieram trouxeram consigo uma mensagem ESPECÍFICA da parte da divindade para um mundo decaído, perdido em meio a ilusão que se afasta mais da luz da revelação na medida em que o humano se torna mais e mais egoísta e materialista.

A parábola diz que não só eles não deram ouvidos as vozes de alerta como fizeram troça destas e mais...MATARAM muitos destes emissários de luz...inclusive o próprio Cristo.

Os exércitos do rei que vão e destroem estas pessoas e sua civilização são os executores do carma.

Na verdade estas pessoas atraem o mal sobre si mesmas, mal este aliás que elas mesmas criaram por sua atitudes completamente anti vida.

Assim vivemos hoje em dia neste mundo...

Uma civilização não só alienada da verdadeira vida quanto completamente inconsequente com o que faz com o arremedo de vida que tem.

Para onde olhamos vemos descaso, miséria, vazio existencial...

Os poucos e raros emissários sagrados que temos em nosso meio tratamos como loucos, ou quando eles vão embora interpretamos seus ensinamentos de forma egoísta,equivocada,sectária, exclusivista tornando verdadeiramente o bem em mal.

Transmutamos sim as energias... mas luz em trevas.

Num quadro assim admirável não é aquilo que se entende por 'Deus' tomar a iniciativa de permitir que os humanos recebam o que semearam através de suas escolhas equivocadas mas se ele não o fizesse...

O interessante é que o rei convida tais pessoas para a festa de seu filho, de seu casamento...

Ele explicita todas as coisas boas que vai ter na mesma mas o descaso é total...

Vejam que absurdo...estamos falando de um REI...alguém régio, real, nobre, rico, poderoso...não um zé mané...

Mas aquelas pessoas estão tão renitentes tão enfronhadas no seu egoísmo que perderam completamente a noção do perigo.

E reparem agora no nosso mundo...

Não é assim que esta agindo nossa atual civilização?

Além de rejeitarmos o convite divino para participarmos da festa da vida, do baile de núpcias do Cristo cósmico com Sofia a virgem cósmica( a nova era que virá), enxotamos seus emissários, matamo-os e tudo isto sabendo que teremos que prestar contas de nossos atos.

Alguns se achando 'espertos'  vão mais longe ainda e não só rejeitam a nova era, as bodas do Cristo e de Sofia, mas rejeitam o próprio conceito de Deus, de Fonte de vida, de Criador.

Rejeitam portanto a hipótese do prestar contas...

E nem entro no mérito se isto fazem porque não viram com os olhos que a terra há de comer a deidade mas pela forma como tratam a si mesmos, o próximo....

A forma como tratamos a nós, ao próximo e todos os seres vivos definem o que somos...

Se descressem de Deus mas tivessem uma vida MELHOR do que os que creem lhes daria um desconto mas o que fazem com esta descrença? Criam novas formas de torturas... mentais, emocionais e físicas que tornam ainda mais insuportável a vida.

Revoltado o rei não só pune estas pessoas como convida TODO TIPO DE PESSOA...inclusive BOAS E MÁS para participarem do banquete....a única exigência é que... VISTAM ROUPAS FESTIVAS.

Não lhes é exigida...RELIGIÃO, RAÇA, NACIONALIDADE, SEXO, ESTADO CIVIL, IDADE...NADA...a não ser que aceitem o convite e vistam roupas festivas.

Para a festa não é exigida mudanças drásticas de comportamento mas o mínimo...apenas convite e uma peça de roupa nova e festiva .

Percebem o sentido?

PARA A NOVA ERA QUE VIRÁ PRECISAMOS TÃO SOMENTE DE ...BOA VONTADE...DE DESPOJO...DE QUERERMOS UM MUNDO NOVO!!!

Cada um de nós , dentro de sua religião ou sem nenhuma, de sua raça, de seu povo, de sua ideologia política e filosófica...com acertos e erros...virtudes e defeitos....e até alguns caracterizados como maus, pessoas que cometeram crimes hediondos contra si mesmos, a natureza, o próximo e a vida...todos estes SE OUVIREM O CHAMADO...E VESTIREM AS VESTES FESTIVAS...serão convidados a participarem das festas.

Este aceite e este vestir-se é que define o novo grau de consciência destas pessoas não o que fizeram ou deixaram de fazer para trás...

O que o texto basicamente quer dizer é que da nova era que vira TODOS OS TIPOS DE HUMANOS e não só seres ASCENSIONADOS e encarnados terão oportunidade de participar se ACEITAREM O CHAMADO...

Aceitar o chamado é você parar um dia ; olhar dentro de si, dentre seus acertos e erros, dentre suas virtudes e defeitos e dizer BASTA...quero o que o rei me oferece...QUERO UMA VIDA DIFERENTE...cansei de depredar a terra, de matar meus irmãos, de ser um facínora(pego logo os exemplos mais gritantes, aqueles que Jesus define como maus) quero ser alguém novo, QUERO VIDA NOVA, para mim e para meus semelhantes...

ESTE É O MOMENTO CRUCIAL DA NOVA ERA...

Este desejo de despojar-se do antigo, do velho, do gasto e este abraçar do novo que esta chegando...

E este novo é as novas vestes, as vestes festivas...

Assim cada convidado que aceitou o convite, deve vestir esta nova roupagem...

É VERDADEIRAMENTE DE UMA ILUMINAÇÃO EM MASSA, UMA QUEIMA DE CARMA COLETIVO, INCALCULÁVEL QUE ESTAMOS FALANDO AQUI...

Algo só disponível em épocas específicas, momentos sínteses da humanidade e seguramente por ajuda e mérito de muitos emissários de luz, profetas, gurus e avatares que pagaram alto preço para que a mesma pudesse um dia vir existir.

Naquele momento ao aceitar as vestes festivas( a iluminação, o perdão incondicional, a libertação do poder do carma e seus efeitos) cada um dos convidados terá assumido por livre vontade( o aceitar o convite e desejar o mundo que virá) este novo estado para si e para a terra e ao vestir as novas vestes ele se tornará APTO para o mundo que virá...

Ai o rei olha e lá no meio esta um camarada se fingindo de sonso...acha que engana todo mundo, disfarçando que mudou de vida e quer participar da festa...mas....ele esta sem as vestes adequadas...

Ele não foi iluminado, ele não foi cristificado ele permanece o mesmo que foi sem mudança alguma.

De fato ele foi chamado mas não escolhido...

E A ESCOLHA QUEM FAZ É O PRÓPRIO SER...

É A PESSOA QUEM PROVIDENCIA SUA VESTE FESTIVA...

É CADA UM DE NÓS QUE DEVEMOS PROVIDENCIAR NOSSA ILUMINAÇÃO AO ACEITARMOS DE VERDADE O CONVITE E VIBRARMOS COM SINCERIDADE NA ENERGIA DO NOVO QUE ESTA CHEGANDO....

Assim ele foi chamado, atendeu o convite por motivos egoístas e isto o impediu de vestir as roupas festivas...dai o porque de sua mudez diante da pergunta do rei...

Falar o que?

O próprio fato de pessoas que na vida antiga eram piores do que ele estarem vestidas e ele não já diz tudo.

Ele não foi iluminado...ele não se permitiu mudar de vida...ele só esta ali por medo de morrer como morreram os demais que foram alcançados pelos executores reais.

E diante disto ele é retirado da festa, retirado do reino, da era que virá e vai para o mesmo contexto evolutivo que deixara...de choro e ranger de dentes ou seja; de carma negativo na cabeça junto com aqueles que fizeram troça do rei e de seu banquete.

Assim a mensagem é clara...não preciso ser perfeito para ENTRAR no reino mas preciso ser perfeito para nele FICAR...

Não preciso ser perfeito para ser iluminado...basta me abrir AQUI E AGORA e aceitar o convite para a era que virá mas quando aceitar o convite devo aceitar também a responsabilidade de vestir as novas vestes, de aceitar a mentalidade deste novo reino, de ser iluminado para as verdades do mesmo...só isto me garantirá um lugar no futuro da terra ascensionada...MAIS NADA!!!

A hora esta chegando...protelar o desejo de mudança no mundo, rejeitar o convite para aquilo que se aproxima é dar literalmente um tiro em si mesmo, em sua evolução pessoal.

Abrir-se ao convite e aceitar as vestes de festa é aceitar o futuro magistral que a espiritualidade tem para nós e que é definitivamente O DESEJO DE DEUS MORANTE EM TI ATRAVÉS DE SUA CENTELHA DIVINA..

ACEITE, VISTA-SE E SEJAMOS FELIZES JUNTOS NO BANQUETE DA ERA QUE VIRÁ!!!




Abraços

Paz e Luz

Valter Taliesin


OM TAT SAT


Vídeos sagrados


MESTRES ASCENSIONADOS - Mensagem -

Um caminho para quem anda perdido mensagem de Saint Germain

Fonte Youtube




Fonte de imagens Google imagens

Nenhum comentário:

Postar um comentário