Google+ Badge

segunda-feira, 19 de fevereiro de 2018

( I Can't Get No) SATISFACTION - Eu não consigo me satisfazer - Meditando neste hino clássico dos STONES -



A música de rock mais crítica e profética de tds os tempos... reflete BEM o mundo, nossa civilização nos últimos 70 anos.

( I Can't Get No) SATISFACTION
THE ROLLING STONES



Eu não consigo me satisfazer
Eu não consigo me satisfazer
Pois eu tento e eu tento e eu tento e eu tento
Eu não consigo
Eu não consigo
Quando estou dirigindo meu carro
E um homem chega no rádio
Ele está me contando mais e mais
Sobre algumas informações inúteis
Para pôr fogo na minha imaginação
Eu não consigo, oh, não, não, não
Hey, hey, hey, é o que eu digo
Eu não consigo me satisfazer
Eu não consigo me satisfazer
Pois eu tento e eu tento e eu tento e eu tento
Eu não consigo
Eu não consigo
Quando eu estou vendo minha tv
E aquele homem aparece para me contar
O quanto as minhas camisetas podem ser brancas
Mas ele não pode ser um homem, porque ele não fuma
Os mesmos cigarros que eu
Eu não consigo no, oh, no, no, no
Hey, hey, hey, é o que eu digo
Eu não consigo me satisfazer
Eu não consigo a reação de uma garota
Pois eu tento e eu tento e eu tento e eu tento
Eu não consigo
Eu não consigo
Quando eu estou andando ao redor do mundo
E eu estou fazendo isso e assinando aquilo
E eu estou tentando transar com uma garota
Que me diz, querido, melhor voltar depois na próxima semana
Pois você vê que eu estou perdendo a minha marca
Eu não consigo não, oh, não, não, não
Hey, hey, hey, é o que eu digo
Eu não consigo. eu não consigo
Eu não consigo ter safisfação
Nenhuma satisfação, nenhuma satisfação, nenhuma safistação
Eu não consigo



Ao fim da Segunda Grande Guerra o mundo se viu às pressas envolto em um novo tipo de conflito que passou a ser conhecido como " Guerra Fria " ... era como um tira teima entre as grandes potências vencedoras EUA e URSS e seus aliados para ver quem ser armava mais, quem chegava na frente nas grandes descobertas, quem vencia mais nos esportes etc...

Foi neste cenário que surgiu em torno de 1948 aquilo que no Ocidente ficou conhecido como " A Era do Consumismo " ! Ora, e veja você; a tal Guerra Fria acabou quase 30 anos atrás mas a Era do Consumismo esta no seu pico máximo e pior; engoliu até os países não ocidentais. Com o fim da URSS em 1990 pouco a pouco Rússia e demais países do bloco se viram tão consumistas quanto os ocidentais e paradoxo dos paradoxos....A China ainda politicamente comunista é contudo de ecônomia capitalista e extremamente comunista!

Esta música dos Stones nos fala exatamente disto...

DO CONSUMISMO!

DO TER PARA SER!

Neste mundo em que vivemos se existe uma  ideologia que parece engolir gregos e troianos é o tal do consumo. Neste rolo desce ladeira abaixo o socialista esquerdista de carteirinha e o ultra direitista conservador de agremiação!

NINGUÉM ESCAPA!

E se repararmos na letra os Stones reconhecem escrachadamente que NEM ELES ESCAPARAM!

Com o sucesso cada vez maior da banda o ter para ser ia mais e mais se tornando a realidade em que viviam...logo vieram as drogas para amenizar o conflito entre o que sentiam antes e o que sentiam então...Logo Brian Jones viraria uma vítima deste consumismo...deste TER PARA SER e hoje podemos dizer que Mick Jagguer, Keith Richards e cia se tornaram os grandes sobreviventes deste mundo que engoliu mais que qualquer outro tanta gente!

O mundo do show business é o porta bandeira da Era do Consumismo!

Ele cria modas e tendências comportamentais cujos efeitos são sentidos a curto, meio e longo prazo com efeitos muitas vezes danosos e até letais em toda a sociedade humana.

O TER PARA SER tem feito mais marginais no mundo do que qualquer outra coisa!

Todo tipo de criminalidade, principalmente o das drogas ilícitas cresceu em cima dos efeitos da Era do consumismo! 

UMA INSATISFAÇÃO QUE NÃO SE REFREIA COM NENHUMA SATISFAÇÃO É O QUE GANHAMOS COM A ERA DO CONSUMISMO!

Quanto mais se tem mais se quer, quanto  mais se tem mais somos reconhecidos pelo grupo. E dai toca a fazer-se de tudo um tanto para que este tipo de reconhecimento venha.

Mesmo em grupos espiritualistas o TER MAIS QUE O SER esta  na moda! A pessoa apresenta um curriculum de cursos de mestre disto e daquilo e logo os melhores lugares de púlpitos, palcos, palanques, templos, igrejas, espaços etc... abrem-se de par em par....Mestres e Gurus são  medidos pelo sucesso que fazem nas mídias, no isto ou nos aquilos! 

Somos medidos pela roupa que vestimos, o perfume que usamos, as marcas que ostentamos, os lugares em que vamos, as pessoas que nos cercam enfim....absolutamente tudo...

Veja bem, NÃO SOU CONTRA MARCAS!

Longe disto, até tenho celular de marca favorita, TV, algumas roupas....mas QUANDO isto se torna uma necessidade maior do que o bem que possuímos....aqui esta o problema! Se tenho condições de com meu dinheiro fazer TODO O ESSENCIAL e com o excedente compara uma coisa ou outra de que realmente necessito e tenho condições de comprar da marca X reconhecidamente  melhor que as outras.....então compro....mas se não compro do que posso comprar SE REALMENTE PRECISO E DESENCANO!

SE HÁ ALGO QUE NÃO ME ENCANO É COM ESTAS COISAS! 

SE POSSO E PRECISO COMPRO; SE NÃO, COMPRO O QUE POSSO E FICO EM PAZ!

FICAR EM PAZ EM UM MUNDO CONSUMISTA É O VERDADEIRO DESAFIO DA ALMA!

A Palavra já diz consumo....TUDO É CONSUMIDO...ENGOLIDO...DEVORADO!

E sobre a Besta esta uma mulher embriagada do sangue dos inocentes e quando não....A BESTA LHE DEVORA...



Então o anjo me levou no Espírito para um deserto. Ali vi uma mulher montada numa besta vermelha, que estava coberta de nomes blasfemos e que tinha sete cabeças e dez chifres. A mulher estava vestida de azul e vermelho, e adornada de ouro, pedras preciosas e pérolas. Segurava um cálice de ouro, cheio de coisas repugnantes e da impureza da sua prostituição. Em sua testa havia esta inscrição:
MISTÉRIO:
BABILÔNIA, A GRANDE;
A MÃE DAS PROSTITUTAS
E DAS PRÁTICAS REPUGNANTES DA TERRA.
Vi que a mulher estava embriagada com o sangue dos santos, o sangue das testemunhas[a] de Jesus.
A besta e os dez chifres que você viu odiarão a prostituta. Eles a levarão à ruína e a deixarão nua, comerão a sua carne e a destruirão com fogo...apenas estes versos de Apocalipse 17




Veja, sei MUITO bem que o significado deste texto cabe em diversos tipos de leituras e literalmente fala de uma grande cidade que se apoia em um poder nefasto para sobreviver e se dá muito mau no final.

Mas uma das leituras que podemos fazer é realmente esta A MULHER(Nossa sociedade atual) embriagada pelo sangue DOS INOCENTES(aqueles que não pactuam com estas coisas) senta-se sobre BESTA DO CONSUMISMO até que esta se volta contra ela....E A DEVORE!

Este será o fim desta sociedade se não houver arrependimento e mudança!

SERÁ DEVORADA PELA PRÓPRIA BESTA QUE ADORA E VENERA A PONTO DE CONFIAR SUA VIDA!

SATISFACTION dos Stones é um hino exatamente que faz mea culpa...com nosso lado inocente quando nos vendemos para esta bandalheira toda!

Paz Profunda!

VALTER LUIS


Danzed and Confused - Led Zeppelin


Helter Skelter - The Beatles

Another Brick In The Wall - Pink Floyd



quarta-feira, 14 de fevereiro de 2018

GUINEVERRE - A RAINHA DO ETERNO VERÃO -






Rainha Estrela
Beleza Radiante
Surge faceira no horizonte.

Arthur lhe estende a mão
e lhe recebe. Olha para Lancelot
que a trouxe e vê algo esquisito
em seu olhar. Naquele momento
de êxtase tão grande esta plantada
a semente da futura ruína.

Guineverre - Genebra - Gwenhwyfar -




Seu nome eternizado em tons e cores
diversos....sua história contada em
prosa e verso....

Naquele momento nada sente,
nada percebe a não ser um amor
imenso por rei e cavaleiro. Um desejo
de ser feliz naquele recanto único.
Naquela Camelot dos sonhos mais loucos,
tecida da mistura da tecnologia humana
e da magia das fadas...

Morgan lhe recebe como irmã,
Morgause lhe olha desconfiada;
Vivian tem nos olhos um tom triste
e alegre ao mesmo tempo...as bruxas
sabem algo mas nada dizem...afinal
tem coisas que simplesmente precisam
ser deixadas a ser para que algo maior
que o correto estenda seus véus por
sobre os dramas humanos?
E o que pode ser maior que o correto?
A liberdade de escolha entre este e o erro,
pois o certo fazer-se na marra nada mais
é que escravidão e o correto sem o desejo
de correto se ser nada mais é do que ilusão.




Assim o festim se desenrola,
dramas são esquecidos,
palhaços e bobos fazem a alegria da côrte,
Merlin gargalha num canto ouvindo
o bispo romano, seu possível rival, contar
uma piada de taverna das mais picantes.

Nas mesas estão diversos companheiros
de armas do rei e também belas damas
das côrtes dos rei tributários do grande rei.
Homens e mulheres festejam o momento
único, as promessas de futuro, o desejo
de perenidade de um ato único de uma 
mulher e de um homem. 

Quem pode dizer hoje que ali não havia amor?

Quem conhecia de verdade o coração de Guineverre?

Quem poderia entender o novelo de sentimentos
que ali se formou e se fixou pelo rei e pelo cavaleiro?

Arthur tudo sabia?

Era um triângulo?

Era traição?

Porque algo tão distante é tão presente ainda
hoje no imaginário popular?

É a força do amor ou a força do seu oposto?


Será o ódio capaz de perpetuar tão bem
3 almas nobres?

Creio que não!




Assim o que anima Guineverre naquele
começo de vida é alegria de amor...
Alegria por amar e sentir-se amada.

Amar seu rei, seu homem que sonhará
deste infante; amar seu amigo, seu
protetor, seu cavaleiro...

Talvez foi o fuxico que nos trouxe
a versão que conhecemos....

Talvez foi a calúnia que enfeitou
a lenda mais que a verdade!

Quem realmente pode ler o coração
de Guineverre?

Talvez...talvez só ela mesma!

Talvez nem ela!


Valter Luis




Música Sagrada

Llewellyn - Guineverre


Enaid - Guineverre's Tears



Emotional Music - Luna

David Arkenstone - The Mummer's Dance

Rick Wakeman - The Sad Dream

segunda-feira, 12 de fevereiro de 2018

QUE VENHAM DIAS MELHORES....

Que venham dias melhores...

Dias melhores nascidos no coração.
Dias que não se façam vãos.
Passados em madornas sem fim,
ou passados em desequilíbrios sem nexo.

Que venham dias melhores...

Dias que falem de emoção
sem se perder do chão.
Dias que falem de sentimentos
sem perder o discernimento.

Que venham dias melhores...

Que eles surjam no horizonte,
que eles nasçam de almas livres.
Que eles falem de histórias
novas, de novidade de vida.



Que venham dias melhores...

Dias de Paz e não de Guerra...
Dias de Vida e não de Morte...
Dias de Amor e não de Ódio...
Dias de Esperança e não de Depressão.

Que venham dias melhores...

Onde a criança caminhe livre,
e possa falar com adultos sem medo.
Onde os jovens sonhem,
e veja o fruto de seus sonhos.

Que venham dias melhores...

Onde os idosos destilem sabedoria 
e não insanidade.
Onde a idade seja sempre um
complemento do Bem que há em nós.



Que venham dias melhores...

Onde não haja mais medos....
Onde não haja mais carências...
Onde não haja mais tristezas...
Onde não haja mais angústias.

Que venham dias melhores...

E que este melhor seja 
A Grande Revelação de Deus
para um mundo que esqueceu
sua Fonte e sua Origem de Ser.

Que venham dias melhores...

Dias divinos, dias sagrados.
Dias que nunca nos deixem faltos.
Dias que abram nossos caminhos...
Dias de Deus...forever....




Que venham dias melhores...

Valter Luis


Música Sagrada

Peter Cetera

Glory Of Love



You're The Inspiration


with Amy Grant - The Next Time A Fall



sexta-feira, 9 de fevereiro de 2018

PÉROLAS - Quando a Alma fala -


Com o Coração inspirado TUDO é mais fácil. 
Valter Luis



Frases se tornam eternas quando o coração é Infinito.
Valter Luis




As maravilhas de Deus refulge em toda sua beleza ante nosso olhar. Quem tiver OLHOS 👁 verá.
Valter Luis




Não deixe entrar no teu santo lar( externo e interno) nada que denigra a comunhão divina contigo .
Valter Luis




O Leão de Judah um dos maiores símbolos do Cristo. Símbolo régio e de sua proteção àquela(e) que tem fé.
Valter Luis



Livre, Leve e Solta a Alma ruma ao Infinito, para Deus, e NADA lhe irá impedir pois a Vontade de Ser lhe preenche totalmente.
Valter Luis





Nós não conhecemos nem um dedo das maravilhas divinas; nem um cisco para sermos realmente sinceros. 

Valter Luis



Regar o coração com lágrimas sinceras e em conformidade com a Vida de Deus em nós é o que faz germinar os ditos frutos do Espírito! 
Valter Luis



O que vês primeiro? A Porta ou os pés dourados das pequenas Árvores? A Porta amplia os sentidos para o Caminho além da entrada para o Coração do recinto e as pequenas Árvores para os mistérios que ali, no Coração do recinto se encontram. 
Valter Luis




Nos dias em que estamos não temos que lutar contra humanos, mas contra miríades de entidades cascões, miríades de trevosos que usam estes cascões para fazer do mundo o que se vê. Não se engane, tem MUITO trevoso encapado de humano nos tempos que ora correm assim como tem SIM Mestras e Mestres entre nós prontos para cumprirem suas missões... EXCALIBUR, A ESPADA DO ESPÍRITO NUNCA SE FEZ TÃO NECESSÁRIA QUANTO AGORA!
Valter Luis

Eu me apequeno quando julgo sem provas, quando tomo medidas minhas para medir outros, quando uso minha religião como massa de manobra, quando uso minha raça como desculpa para não cumprir meus deveres e querer mais direitos que os outros, quando uso e abuso do direito de ir e vir sem nunca ficar e perceber o estrago que faço. Eu me apequeno sempre que meu coração esta travado, fechado num olhar só meu, sem deixar de perceber que possa haver outros olhares, olhares tímidos, olhares que me temem, temem minha prepotência em só olhar enviesado, atravessado e sem misericórdia. Eu me apequeno sempre que não me submeto ao escrutínio de Deus, quando não permito sua direção,sua iluminação naqueles pontos obscuros em mim que me fazem fazer sofrer minha irmã e meu irmão sem outro motivo que não minha fome imensa de ocupar espaços sem medidas. Isto sim me faz pequeno mas VOLTAR ATRÁS, RECONHECER MEUS ERROS, MUDAR, SER MAIS FELIZ E FAZER FELICIDADES..isto? Isto não me apequena mas SIM me engrandece.
Valter Luis



Música Sagrada

Ashana





sexta-feira, 2 de fevereiro de 2018

ALMAS QUE SE RECONHECEM




Almas que se reconhecem em uma brisa...um leve sussurrar do vento...

Seres cujos olhos são como dois portais que eleva-os aos momentos sagrados de outrora...

Duas almas que ao se tocar despertam cores, tons e sons na natureza em torno de si...

Entidades sagradas de um mundo que já não existe mais mas que persiste no amor que as une...

Amor este que consegue dizer o indizível até por telepatia...

Duas almas, dois destinos, dois caminhos que se tornam um só...ontem....hoje....sempre...

Dois sonhos que se fundem quando percebem que na realidade sempre foram um só...

Dois corações cujo termo enamorados ainda soa pobre e apaixonados não atinge a essência do que sentem um pelo outro...

Simbiótico, sintônico, são termos que apenas resvalam na verdade que os une...

Verdade...por falar nela quem define o que quando duas almas simplesmente ...SÃO?



Elas não precisam nem de juri, nem de juiz, promotor não lhes prejudica e nem precisam de advogados para se defenderem...

O amor este mistério central da vida é a única coisa em que se alicerçam, confiam e se firmam...

Amor....a única Verdade que tais entidades sentem e pressentem dentro e em torno de si...

Olhar desta forma dentro uma da outra...somente almas deste porte podem fazê-lo...

Nada na terra se compara com a energia que une estas duas vidas...

Simplesmente são o que são....sem tirar e nem por...

Simplesmente são... amor em manifestação...

Valter Luis

Música Sagrada

Diane Arkenstone com David Arkenstone em 3 albúns