Google+ Badge

domingo, 9 de junho de 2013

O NASCIMENTO DA CRIANÇA ESTRELA!!!

Vós olhais para cima, quando ansiais por elevação. E eu olho para baixo porque estou elevado. Quem é, entre vós, aquele que pode ao mesmo tempo rir-se e estar nas alturas? Quem sobe às mais altas montanhas ri-se de todas as tristezas, lúdicas e graves. — NietzscheAssim Falou Zaratustra


A CRIANÇA ESTRELA

Uma das cenas mais lindas e poderosas do filme 2001 uma odisséia no espaço(e do cinema em geral) a clássica obra prima de Stanley Kubrick a maior Sci Fi de todos os tempos e um dos 10 maiores filmes da História de todos os gêneros é o momento em que nasce ou renasce....a criança estrela...uma visão do astronauta transmutando-se em um novo sêr...

Esta imagem que postei acima evoca justamente isto!

O nascimento da criança estrela!


Reparem que embaixo esta uma mulher representando Gaia a grande Mãe cujo ventre é toda a Terra e sobre ela pairando no ar entre ela e o Céu(Urano o grande Pai)...um bebê...uma criança pairando entre as estrelas do cosmos circundante!

UMA CRIANÇA ESTRELA!!!

Acima desta um outro símbolo do Pai(ou do Filho se preferirem sendo a Lua da Filha), O Sol brilha qual uma corôa, como um avatar iluminando a cabeça da criança, como uma auréola sagrada!

A mensagem é clara!

CHEGOU O MOMENTO DO NASCER E DO RENASCER DE UMA NOVA HUMANIDADE!

O nascer literal de crianças cada vez mais evoluídas, especiais é um fenômeno que começou principalmente no pós segunda grande guerra e foi se acentuando a cada década.
Hoje termos como índigos, dourados, cristais, prateados circulam mundo afóra além de outros mais técnicos tipo geração x , y etc...para tentarem definí-las, definir os mistérios de suas vidas e suas vindas á Terra, uma tentativa de  compreender o que se passa!

Por outro lado há o renascer espiritual!

O nascimento da criança estrela DENTRO de muita gente que antes era prêsa deste mundo, deste sistema caótico, algumas até índigos, cristais, dourados, prateados em potencial mas restritos e presos a todo um sistema que os(as) sufocava.
Outros nem tanto, mas por buscarem ACHARAM...por baterem A PORTA SE LHES ABRIU...por pedirem RECEBERAM e viram dentro de si nascer um novo Sêr...um Sêr advindo do CENTRO DO SÊR através do renovar da alma e do transfigurar do ego...
Um novo e maravilhoso Sêr que testemunha a grandeza do humano em meio a toda a miséria do sistema que ele próprio construiu no seu tempo de cegueira e insensatez!!!

A glória em meio a escuridão! 

A luz em meio às trevas! 

O novo nascido ou renascido do velho! 

O futuro nascendo aqui, agora, no presente, de um passado de dor de gestação plena!

EIS A CRIANÇA SAGRADA!!!!

EIS A FILHA, O FILHO DA MÃE TERRA E DO PAI SOL/CÉU unificando em si todas as coisas!

A criança estrela é não o futuro da humanidade mas a SÍNTESE presente de passado e futuro e mais; dimensional....unificando em si TODAS as dimensões da Terra numa vibração única e sagrada não mais de iniciado(a) mas de ASCENSIONADO(A)!

A criança estrela são nossos sonhos mais caros e mais sagrados!

A criança estrela é 'o tubo de transporte' evolutivo para outras esferas do sêr e do espaço!

No grande filme de Kubrick dois astronautas saiam da Terra praticamente desumanizados...ambos 'acordados' em meio a uma tripulação dormente(animação suspensa)...podemos ver aqui uma metáfora do dito; 'em terra de cego quem tem um olho é rei' ou seja; apesar da frieza que vemos em ambos eles ainda estão despertos no sentido físico do termo, podem fazer alguma coisa, interagir com o ambiente - no caso a nave - com os parentes via comunicador na Terra e com HAL a inteligência artificial que tudo controla na nave e que paradoxalmente ao longo do filme vem a se revelar mais 'humana' que os humanos... Desnaturalizados ambos seguem uma rotina enfadonha quase que robotizados e pouco a pouco entram em conflito com HAL a inteligência artificial que tudo controla...No fim ao chegarem ao suposto destino de onde vinham os misteriosos monolitos negros descobertos na lua e que os fizeram empreender a grande aventura um deles, o único que sobra ao embate com HAL é pouco a pouco levado ao envelhecimento e morte...mas esta não era o fim...não encerrava o filme...o que encerrava o filme nos magistrais acordes de Assim falou Zaratustra de Richard Strauss(baseada na grandiosa obra homônima do grande filósofo Nietzsche) era...
a criança estrela...o renascimento do personagem em um novo Sêr, uma nova entidade, distante tanto do humano frágil de outrora que povoou a Terra por tanto tempo quanto do desumanizado como ele que começou a viagem sideral.

Um humano DIVINIZADO...sagrado...pleno...
em pura perfeição de todo o seu Sêr! 

Um sêr que era um verdadeiro portal ao infinito...à vida e possibilidades infinitas de manifestar-se!

O grande idealizador desta história, o roteirista e depois autor do livro; Arthur C. Clarke(além de escritor era um inventor científico) é, conjunto a Kubrick o grande visionário desta nova humanidade que transparece no filme,
mas as inspirações nietzschiana são claramente visíveis !

Aliás; C. Clarke foi um dos maiores INICIADOS não conhecido como tal que tenho notícia na História humana ele e Frank Herbert autor da não menos monumental saga sci fi...DUNA!

Em suas obras de Sci Fi vemos um homem profundo, complexo, plenamente convicto não só da pequenez visível e manifesta mas do potencial infinito e oculto dentro da raça humana!

Assim sua(dele e de Kubrick) criança estrela surge como um dos maiores e mais belos enigmas primeiro cinematográfico, depois literário de todos os tempos!

E acena para nós, para cada um de nós e nossa IMENSA possibilidade de sermos maiores e melhores do que temos sido até agora e isto em uma escala incomensurável pois é visualizada através, do EU MAIOR, do centro sagrado do Sêr!

A semente do que somos acreditem...já esta dentro de nós!

O que o monolito faz ao personagem é o que cada guru e mestre(a) deveria fazer por seus discípulos e discípulas ou seja; ser um CANAL do despertar, do manifestar o que de fato se é no Sêr e não motivo de adoração e veneração!

Somos a ilimitação encarnadas na limitação....

Somos a semente divina dentro da massa de barro da carne...

Somos filhos e filhas da grande Fonte da vida de onde tudo procede e para onde tudo retornará!

Este 'MOMENTUM' presente é o grande criador de momentos transmutadores, transformadores em nossas vidas e se deixarmos, e se permitirmos, perceberemos nos mesmos a oportunidade de há muito almejada por nosso ancestrais de tornarmos a Terra no paraíso de outrora perdido por nossa própria egocentricidade e insensatez!

Olhe-se agora com calma!

O que vês?

Entenda...

DEUS(A) não te vê com os olhos limitados de suas fraquezas, com a miopia e o astigmatismo de suas fracas vistas conscienciais e físicas...Deus(a) te vê a partir do ponto onde Ele(a) esta dentro de ti...do centro do Sêr...do Eu maior e o que Ele(a) vê?

VÊ A SI MESMO CAMINHANDO NA TERRA ATRAVÉS DE SEUS PASSOS, DE SUAS EXPERIÊNCIAS, APRENDENDO COM SEUS ERROS E ACERTOS, EVOLUINDO, CRESCENDO, SE TORNANDO MAIS CONSCIENTE DE SÊR...ENFIM; SE TORNANDO O PRÓPRIO SÊR A CADA DIA!

Assim desta perspectiva privilegiada Ele(a) te vê, pleno...completo...perfeito...como Ele(a) é...

Desta forma não foi nenhuma incoerência, erro, equívoco do escritor ou maldade Dele dirigir-se a Abraão o pai da fé monoteísta recente(dos últimos 4 mil anos pelo menos) e dizer...
'ANDA NA MINHA PRESENÇA E SE PERFEITO'...nem muito menos do Cristo ao dizer....'SEJA PERFEITO COMO É PERFEITO VOSSO PAI DO CÉU'!!!

Tanto o(a) Deus(a) manifesto(a) a Abraão quanto o Cristo viam da perspectiva privilegiada do EU MAIOR no humano...daquele ponto onde somos UM em nós, entre nós, com todas as coisas e com DEUS(A) EM NÓS!!!

Daquele ponto privilegiado podemos dizer como Deus(a) e como Cristo...POSSO SER PERFEITO COMO PERFEITO É DEUS(A)!

Como sugeri neste texto...este é um momento forjador de divindades ou melhor dizendo; de manifestação da criança estrela, do Sêr sagrado em nós!

Como dizia Paulo ...'AS TRIBULAÇÕES(provas) DESTE MOMENTO PRESENTE(encarnações) NÃO PODEM SER COMPARADAS COM A GLÓRIA(Eu maior) QUE EM NÓS(alma e ego) HÁ DE SER REVELADA(ascensão)...'

E não há como negar que chegamos num ponto de nossa encarnação onde as tribulações, as provas desta vida presente(desta atual ronda evolutiva) chegaram num ponto de maturação e saturação sem precedentes, pelos menos na atual civilização começada em torno de 5000 A.C!

E dizem os iniciados que estas são épocas de COLHEITA!

Épocas em que separam-se joio de trigo mas com UM ADENDO muito importante que até agora nenhuma outra civilização já existida e extinta sobre a Terra teve:

ESTAMOS PRÓXIMOS DE UM EVENTO CONHECIDO NOS MEIOS INICIÁTICOS COMO ASCENSÃO PLANETÁRIA...SIM, ASCENSÃO DA TERRA À POSIÇÃO DE PLANETA SAGRADO...DE MUDANÇA DE VIBRAÇÃO, DE DIMENSÃO PLANETÁRIA!

Sendo assim, de todos os grandes momentos de crise até hoje vividos este pode ser o pior e ao mesmo instante melhor momento para nós como coletividade humana!

Pior porque a dor de libertar-se da carne velha e gasta é tremenda ...melhor porque este é o momento não só da COLHEITA mas da completa MUDANÇA na e da Terra!

Um evento esperado e manifestado por todos os grandes avatares e iniciados de todas as eras humanas passadas!!!

Como este momento ME encontrará? TE encontrará?

A resposta temos que dar dentro de nosso Sêr e se não o fizermos nos candidataremos a repetirmos de ano e termos que ir para OUTRA escola pois ESTA... a Terra em todas as suas dimensões do sêr já estará em OUTRO patamar!


Paz profunda!

In Lak' Ech!

OM TAT SAT...

Valter Taliesin

Vídeos sagrados

A obra prima 2001 uma odisséia no espaço... roteiro de Arthur C. Clarke e direção de Stanley Kubrick...



Cena do nascimento do bebê estrela...

Assim falou Zaratustra de Richard Strauss uma das mais belas, brilhantes e famosas peças musicais de todos os tempos e que serviu de trilha sonora ao filme...

Fonte de vídeos Youtube







Fonte de imagens Google




2 comentários: