Google+ Badge

sexta-feira, 17 de julho de 2015

O CAMINHO DOURADO: A JORNADA DA INICIAÇÃO E ASCENSÃO HUMANA!

TANGERINE DREAM

O CAMINHO DOURADO É O CAMINHO DA(O)INICIADA(O), DAQUELA(E) QUE, COMO DIZ O CRISTO; VENDE TUDO O QUE TEM, TODOS OS SEUS BENS TERRENOS, TODOS OS QUERERES PERSONALÍSTICOS, PELA PÉROLA DE GRANDE VALOR, POR AQUILO QUE JAMAIS PERECE, QUE JAMAIS DEIXA DE SER MAS QUE CONSTANTEMENTE SE RENOVA E SE REVELA EM MIRÍADES DE FACES!!!

VALTER LUDWIG TALIESIN

DEAD CAN DANCE


O CAMINHO DA LUZ É COMO RESPIRAR...
NATURAL, APESAR DE NÃO VISTO.
SÓ DEIXA DE RESPIRAR QUEM MORRE.
SÓ DEIXA O CAMINHO DA LUZ QUEM
DEIXA-SE MORRER PARA A VERDADEIRA VIDA,
E NÃO PERCEBE O CAMINHO DOURADO EM SI.

VALTER LUDWIG TALIESIN

FAUN

O CAMINHO DOURADO É O TEMA DE TODAS AS GRANDES TRADIÇÕES ESPIRITUAIS GENUÍNAS DO PLANETA, AINDA QUE MUITAS VEZES CONHECIDO SEJA POR OUTROS NOMES.
QUEM TEM OLHOS PARA VER E OUVIDOS PARA OUVIR EM TODAS AS GRANDES CORRENTES ESPIRITUAIS HUMANAS PERCEBE CLARAMENTE DO QUE ESTOU FALANDO E SABE DETECTAR O CAMINHO DOURADO NELAS, EM MEIO AS CRENDICES E DOUTRINAS MERAMENTE PERSONALÍSTICAS.

VALTER LUDWIG TALIESIN

ELOY

O Caminho dourado é mais que uma metáfora,
é uma realidade da alma que encontra na Terra o
sentido e a direção para sua vida.
No Caminho dourado nosso lado luz e nosso lado
trevas se percebem não antagônicos mas complementares
dentro de nós.
Definitivamente nele tudo coopera para o bem dos que amam
a Deus, daqueles que são chamados pelo seu decreto...como
diz o texto sacro.
Não é que os erros tem o mesmo valor sagrado que os acertos,
mas os mesmos são enxergados como matéria a ser transmutada,
transformada num Fiat de Lux poderoso e potente do Ser.
Os erros assim não são descartáveis, mas como esterco servem
para adubar uma nova personalidade, esta agora associada com a
alma na expressão do Eu Sou no mundo.
O Caminho dourado se tornará permeado de joias brilhantes a cada
nova etapa que tu vences, que tu o palmilhas, e faz dentro de si o
melhor que podes rumo ao Sagrado UM.
Valter Ludwig Taliesin

PENDRAGON

O(A) caminhante do Caminho dourado não tem etiquetas.
Ele(a) é livre de rótulos.
Claro, quando começa, quando principia caminhar ele ainda traz consigo os vícios de outrora. Das estradas que trilhou, erigidas sobre o Caminho as quais nascem dos delírios, da ilusão dos sentidos.
Mas quando percebe entre as miragens das estradas o raio dourado luminoso do Caminho, ele(a) vê que até ali foi uma vítima de si mesmo(a), ou melhor; de suas ilusões personalísticas que olhava e mirava no Caminho apenas o que os desejos e fantasias dos humanos constroem e deixam para tentar os(as) caminhantes que se guiam pelas mesmas formas de ver e sentir a vida.
Livre contudo destas escamas dos olhos, o(a) caminhante a princípio claudicante vai pouco a pouco percebendo que um(a) caminhante do Caminho tem que sobretudo ser e se sentir livre, leve e solto,..
Nada aferrado(a) a isto ou aquilo, mesmo as mais caras doutrinas, tradições etc.. pois deve sempre estar disposto(a) a ouvir, ver, sentir, perceber, com um olhar renovado todas as coisas, todas as relações, todas as manifestações de vida.
O(A) caminhante assim sabe que não é perfeito(a) mas é livre para experimentar, criar, entrar e sair, e fazer em si e de si mesmo(a) o metal que deverá ser transformado no ouro fino, dourado e brilhante que então deverá pouco a pouco se revestir das mais perfeitas e finas jóias em si.
Estas jóias são os dons, talentos e virtudes que o(a) caminhante vai então manifestando de seus novos corpos de luz descobertos e manifestos cada vez mais plenamente na esfera da matéria, revelando nele(a) o que já era em outras dimensões mas estava ocultado pelo véu do esquecimento.
Ai, neste novo contexto de Ser e de Existir o(a) caminhante passa a Fazer coisas absolutamente sagradas com o material bruto que for encontrando diante de si pois o dourado do caminho esta basicamente nisto; de trazer ao(a) caminhante o material bruto para que este refaça em oitavas superiores de manifestação.

Valter Ludwig Taliesin

EMERSON, LAKE & PALMER

O Caminho sagrado é aqui e agora...
Não espere diante de si um facho de luz dourada aparecer.
Este dourado esta na forma com que encaras tua vida.
No forma como vês os dias.
Falamos que o caminho dourado não é metafórico mas real
várias vezes, ao longo dos anos. E isto é verdade pois é a sua
vida!
SIM!
A sua vida!
Ela é o caminho dourado que ainda não percebeste!
O dourado é o que define a iniciação e a ascensão!
Portanto um desafio constante aos teus limites, àquelas coisas que
dizem para si não enquanto percebes Deus em tudo dizendo: SIM!
Este sim de Deus e esta disponibilidade tua em ouvir é que torna
dourado o caminho, é o que desperta em ti e através de ti a transmutação
dos elementos, o fazer do metal comum o dourado da iniciação e depois
o luminoso e crivado de jóias processo da ascensão.
Esotericamente falando o caminho dourado da vida é estreito, parece acanhado
quando visto com os olhos carnais enquanto o outro, o da perdição consciencial
e evolutiva é largo, repleto de neons e luzes fosforescentes que encantam os 
sentidos...todavia quando realmente começam a ser trilhado e mais ainda;
quando chegamos no epicentro destes caminhos é que um se revela verdadeiramente
sagrado e o outro numa tremenda furada. Alguns neste último acordam e voltam atrás.
mas a grande maioria infelizmente não tem mais forças e continuam seguindo adiante,
como uma presa enfeitiçada por uma cobra até ser tarde demais. Ao menos nesta vida.
Enquanto isto o caminhante do caminho estreito vê alargar-se diante de si o horizonte
e percebe que aquele estreito caminho, tão restrito de início é o verdadeiro ilimitado em
seu fim...

Valter Ludwig Taliesin

YES



O fogo vermelho, rubro, aquece o fundo do grande caldeirão místico do qual eleva-se ondas de calor.
Dentro, um líquido dourado, repleto de brilho anuncia que A Grande Obra foi feita!
E tudo começou naquele dia em que tu deixaste teus quereres, teus desejos, que como meninos ranhetas e insaciáveis clamavam por atenção e saciedade de caprichos.
Veja bem, não falo da criança interior, inocente e repleta de luz desejando que tu a percebas. Falo daquele traquinas, que nada faz a não ser bagunçar tua vida e que em diversas tradições espirituais ganha feição de espíritos brincalhões e entravadores de caminhos.
Estes são os seus desejos, os seus quereres dissociados do Querer sagrado e quando não atendidos põem-se a boicotar tua vida, para que nada que verdadeiramente amas, nada que verdadeiramente percebas real, verdadeiro, se manifeste a partir de ti para toda a tua esfera de influência.
Assim, naquele dia em que disciplinastes estes traquinas, naquele dia em que vistes diante de vós o Caminho sagrado, dourado, radiante de luz, naquele dia em que tu te dispusestes a trilhá-lo, ali começou o processo que te trouxe a este momento sagrado em que como o grande arquiteto de tua própria vida, tu, agora no centro deste templo empreendes o ritual que te torna Um com Deus!
Tu sois a(o) caminhante deste caminho desde sempre, todavia nem sempre percebestes ser isto uma realidade. Muitas vezes fostes cegada(o) pelas dificuldades ou pelas tentações que te assediavam sem freios e sem fim. E quem sabe, por eras, ficaste presa(o) a um mesmo tom e som, sem dar um passo para frente ou para trás. Ou mesmo até para trás e não para frente andaste, recriando cenários que mais nada tinham a ver com sua real vontade e com teu ponto de caminhada.
Agora que percebeste a realidade do que sois, a realidade do Caminho dourado,  e trilhastes todas as iniciações que ele te pôs como teste...agora te encontras diante do grande momento, do grande pico desta jornada como humano. Este metal que se torna em ouro é tua vida e este caldeirão tua própria alma, e este fogo que faz a obra o Espírito divino, o Eu Sou em ti.
A partir de então acaba o conceito humano e começa o divino e nada mais podemos falar.
Valter Ludwig Taliesin

FONTE DE VÍDEOS YOUTUBE
DE IMAGENS GOOGLE...





Nenhum comentário:

Postar um comentário