Google+ Badge

sábado, 17 de setembro de 2011

Mistérios de ÓRION

ÓRION



Fonte :Google imagens.



Órion (mitologia)



Origem das Plêiades e de Oríon (Astronomia)

Quando Pleione estava atravessando a Beócia com as Plêiades, suas filhas com Atlas, Oríon tentou atacá-las.[1] Pleione escapou, mas Órion a procurou por sete anos, sem encontrá-la. Zeus, então, apontou um caminho nas estrelas para elas, o que passou a ser chamado por alguns astrônomos da cauda do Touro.[1] Assim, até hoje Oríon parece estar seguindo as Plêiades conforme elas se movem para o oeste.[1]

 Familia

Órion era filho de Poseidon, o Deus dos mares, com uma mortal, sendo assim tinha grandes habilidades para a caça e um vasto conhecimento, porém não era considerado um Deus.Após ser morto foi colocado como constelação no céu, a conhecida constelação de Orion que fica perto da constelação do seu amigo Sirius conhecida como a estrela Sirius.

 Lenda

Diz a lenda que Órion era um gigante caçador, amado por Artemis, com quem quase se casou. O irmão de Artemis, Apolo, por sua vez, se aborrecia com tal aproximação entre os dois, chegando a censurar diversas vezes sem nunca obter resultado. Certo dia Apolo teve a oportunidade de se ver livre de seus aborrecimentos, percebendo que Órion vadeava pelo mar apenas com a cabeça fora d’água desafiou sua irmã, outra exímia caçadora, a acertar o alvo que distante se movia.
Impecável em sua pontaria ela atingiu em cheio seu amado, que fugia de um escorpião que Apolo havia enviado para matá-lo. O corpo, já moribundo, de Órion foi conduzido à praia pelas ondas do mar. Percebendo o engano que havia cometido, Artemis, em meio às lágrimas, pediu para Zeus colocar Órion e o escorpião entre as estrelas: o gigante trajado com um cinto, uma pele de leão, armado de uma espada e de sua clava, acompanhado por Sírius, seu cão, fugindo de seu inimigo escorpião.(Sírius ou Sírio é a estrela mais brilhante do céu e encontra-se na constelação Cão Maior, perto da constelação de Órion ou Orionte).
Outra versão é a de que Órion tentou violentar a deusa Ártemis. A fim de castigá-lo, Ártemis mandou um escorpião gigantesco morder-lhe o calcanhar, matando-o. Pelo serviço prestado à deusa, o escorpião foi transformado em constelação, simbolizando a raiva de Artemis por ter sido ameaçada de estupro ou, segundo algumas versões, por ter tido sua oferta afetiva e sexual rejeitada.

Referências

  1. a b c Higino, Astronomica, XXI, O Touro

Fonte: Wikipédia


Órion Astronomia


Orion constellation map.png Nome latino
Genitivo

Orion
Orionis
Abreviatura Ori  • Coordenadas Ascensão reta
Declinação 5 h
5° Área total 594° quadrados  • Dados observacionais Visibilidade
- Latitude mínima
- Latitude máxima
- Meridiano  
-75°
+85°
25 de Janeiro, às 21h Estrela principal
- Magn. apar. Rigel (β Orionis)
0,12 Outras estrelas
- Magn. apar. < 3
- Magn. apar. < 6  
6
-  • Chuva de meteoros

 • Constelações limítrofes Em sentido horário:

Orion, Oríon, Órion ou Orionte, o caçador Órion, é uma constelação do equador celeste. As estrelas que compõem esta constelação podem ter como elemento do seu nome o genitivo "Orionis".
Órion é uma constelação reconhecida em todo o mundo, por incluir estrelas brilhantes e visíveis de ambos os hemisférios.
A constelação tem a forma de um trapézio formado por quatro estrelas: Betelgeuse (Alpha Orionis) de magnitude aparente 0,50, Rigel (Beta Orionis) de magnitude aparente 0,12, Bellatrix (Gamma Orionis) de magnitude aparente 1,64 e Saiph (Kappa Orionis) de magnitude aparente 2.06.[1][2]
É uma constelação fácil de ser enxergada pois, dentre as estrelas que a compõem, destaca-se a presença de três, Mintaka (Delta Orionis) de magnitude aparente 2,23, Alnilam (Epsilon Orionis) de magnitude aparente 1,70 e Alnitak (Zeta Orionis) de magnitude aparente 2,03, popularmente conhecidas como "As Três Marias", que formam o cinturão de Órion e estão localizadas no centro da constelação.[1][2]
Nesta constelação também encontra-se uma das raras nebulosas que podem ser vistas a olho nu, a Nebulosa de Órion que é uma região de intensa formação de estrelas.[2]
As constelações vizinhas são Gemini (Gêmeos), Taurus (Touro), Eridanus, Lepus (Lebre) e Monoceros (Unicórnio).

Fonte :Wikipédia


Os Mistérios de Órion - Yuri Mendes


Muitos adventistas acreditam que Jesus voltará através de uma abertura em Órion. O que há de verdade nisso? Teria Ellen White realmente dito que a comitiva de Jesus passará por essa constelação? É possível, em termos científicos, viajar através de Órion? O autor discute essas e outras questões. Além de informações, você encontrará inspiração e motivação espiritual, além de iniciar uma viagem rumo a Órion e entender seus mistérios.


Yuri Mendes


Acesse: www.yurimendes.com.br


Fonte Youtube



Órion é com certeza uma das estrelas(constelações) mais famosas da história humana.

Sua mitologia é usada e abusada por inúmeros povos do planeta desde remotas eras.

Como vimos nos textos acima, Órion é associado na mitologia grega ao caçador, filho de Poseidon o deus dos mares com uma mortal.

Órion não foge assim à regra dos semideuses como Héracles(inclusive na indumentária ao vestir-se de pele de Leão) e se assemelha por demais aos icônicos Sargon,Sansão,Ninrod e Gilgamesh.

Órion era um gigante ou seja; um Nefilin filho de deus(a) com mortal.

Os nefilins eram uma raça de gigantes que segundo estudiosos bíblicos teriam vivido na Terra antes do diluvio(mas também há registros dos tais pós diluvio, como  Og e Golias).

A indumentária leonina era o simbolo universal do herói de força descomunal e régia.

Quando não são as vestimentas, algo relativo ao Leão era sempre associado a estes tipos de heróis.

Em terras onde Leões eram raros ou inexistentes animais primos dos tais eram geralmente associados aos heróis como Tigres e Jaguares.

Também pode ser um indicativo do signo ou ascendente astrológico da maioria destes seres e também da época onde se deu grande parte das gestas dos tais...

A ERA DE LEÃO...

Que vigorou em torno do ano 10.000 AC. sendo encerrada com o fim da era glacial e tudo indica com um tremendo dilúvio que inundou terras circundantes sendo também a Era que pôs fim a mítica Atlantis.

O termo caçador também define como vimos no caso do Ninrod bíblico mais o contexto de liderança de povos de tais entidades que o de apenas  meros caçadores de animais.

Ninrod descrito na Bíblia como um poderoso caçador diante de Deus é visto construindo um império...assim o termo pode na verdade focar mais o lado predador de tais entidades que o tipo de presa.

Muitos destes gigantes de outrora eram tidos como imensamente rebeldes e de índole ditatorial.

Segundo os escritos de Enoch foi por causa do que eles faziam entre os humanos corrompendo-os a torto e a direito que teria vindo o dilúvio universal.

Órion é também associado tanto as Plêiades quanto a Sírius outras constelações estelares extremamente famosas.

Quanto a Sírius a ligação advém do fato de que este seria o cão de caça de Órion , já quanto as Plêiades(e aqui entra bem o contexto HUMANO do objetivo de caça de Órion)a ligação é calcada no desejo de posse e domínio deste sobre elas.

Claro, isto se ficarmos somente na mitologia grega.

Entretanto existe uma mitologia em que Órion recebe um mito mais glamuroso e divino.

A Egípcia!

Ali Órion é associado ao mais popular dos grandes deuses do Egito antigo...OSÍRIS!

Órion seria o trono de Osíris, o paraiso egípcio, para onde iam os faraós renascidos e para onde se encaminhava a barca solar de Amon-rá.

Segundo esta visão as 3 Marias ou 3 Reis magos desta constelação são representadas na Terra pelas próprias 3 pirâmides de Gize.

Já sua associação tanto com o Sol tanto com Sírius é explicada pelas seguintes motivações:em primeiro lugar Osíris era um Sol Negro ou seja; um deus do oculto, dos mistérios solares, depois era pai de Hórus uma das hipóstases mais famosas do deus Sol e era marido de Ísis a grande deusa mãe de Hórus associada a Sírius. Por fim Anúbis o deus da morte era também associado a Sírius e este era juntamente com Thoth o deus do conhecimento e sabedoria(Sírius B) responsável por todo o processo de julgamento dos mortos antes dos mesmos poderem ser admitidos diante do grande deus Osíris!

Assim sendo O Sol,Sírius e Órion eram os 3 objetos celestes mais venerados pelos antigos egípcios.

Achei por outro lado interessante este vídeo acima que fala sobre a possibilidade de Órion ser um portal por onde viria o Cristo em seu retorno.

Se assemelha muito a visão Maia sobre esta constelação, que é vista como um dos grandes portais estelares do céu.

Órion também é reconhecido como o berço de estrelas de nossa galáxia.

Assim o tema morte, nascimento e renascimento parece constantemente associado a ele.

Como filho de Poseidon o deus dos mares Órion evoca o mundo do telúrico, dos sonhos, da fantasia, do inconsciente coletivo humano, da intuição e da mitologia.

Como amante da deusa da caça e da Lua Ártemis, Órion aparece numa ligação ainda que nublada de certa forma similar a egípcia e aos relatos de Isis e Osíris(se bem que nesta ambos são deuses).
Como Osíris ele é morto e pranteado pela deusa e ressuscitado em uma forma divina e sagrada.
Lá era Seth irmão tanto de um quanto de outro aqui é Apolo irmão da deusa e senhor do Sol o autor da morte do deus; aquele de forma direta e Apolo usando de estratagemas, fazendo da própria irmã a assassina do amante.

Órion assim surge como um dos grandes mitos  humanos do passado que parece ter se fundido com conceitos metafísicos e astronômicos/astrológicos muito cedo e gerado uma figura híbrida de homem poderoso/objeto celeste/conceito espiritual dos mais significativos em nossa História.

Em sua tragédia pessoal no contexto egípcio(Osíris) podemos apreender um pouco do próprio inconsciente coletivo humano, dos anseios de nossas sociedades do passado, o desejo por iluminação, salvação, redenção, libertação e ascensão.

Em seu contexto grego vemos a tragédia do humano e do divino dentro deste humano.
A dubiedade gerada por nossas origens terrestres e celestes.
A guerra interior que é desencadeada quanto este humano/divino(Órion) se defronta definitivamente com este divino(Ártemis) e Apolo surge como o fiel da balança, o julgador cósmico que definirá se estamos ou não aptos a vivenciarmos esta divindade de forma plena e inequivoca em vida!
Ao não ser reconhecido por sua própria divindade(Ártemis) Órion perece mas apenas para renascer ainda mais glorioso e imortal como estrela e constelação das mais sagradas!

É assim tanto na mitologia egípcia quanto na grega um dos maiores simbolos e metáforas da vitória sobre a morte que temos!

Os antigos egípcios anelavam por estar junto a seu pai Osíris, no mundo celeste onde este tinha seu trono...desejavam ser como ele um deus renascido...

Órion o portal de onde virão o Cristo e  os seus !?

Bem, segundo a mitologia não seria nem um pouco implausível, pois Cristo e Osíris tem semelhanças que pouca gente abalizada gosta de tocar né?

E todo contexto Órion prova que estes mitos não são fortuitos!


Órion tem também uma função importantíssima na mitica extraterrestre sendo que muitos dos chamados etês viriam desta região do céu segundo os ufologistas!


Tem um site por outro lado onde o contexto Órion não seria tão benéfico assim...sob o tema CONSPIRAÇÃO ÓRION o autor do site defende  que existe uma conspiração global com este nome e seus objetivos seriam extremamente sinistros ...http://www.dominiosfantasticos.xpg.com.br/id647.htm


Seja como for Órion ainda hoje mexe DEMAIS com o imaginário coletivo humano a ponto de livros e livros serem escritos tendo ele como tema!


Um tema sempre recorrente e presente....





Agora um vídeo com uma bela canção sobre Órion...NIGHT SKY OF ÓRION...DE DAVID WAHLER...

Fonte Youtube


Abraços


Pax e Lux


VALTER TALIESIN





3 comentários:

  1. Não sei se é por Órion a volta de Jesus, oque sabemos é que essa passagem ja está sendo aberta desde 1844 quando GUILHERME MILHER errou na profecia Biblica mencionando a volta de Cristo neste ano, sei que ele não precisa de passagem para voltar, mas como tudo é determinado, e profetizado, creio sim que o veremos no céu uma abertura antes de sua volta.

    ResponderExcluir
  2. http://pt.scribd.com/doc/3832300/A-constelacao-de-Orion-e-a-profecia-de-Ellen-G-White
    Interessante o que achei nesse site sobre Órion e Ellen

    ResponderExcluir
  3. Pois é prezada....realmente não sabemos e creio tb que ele não necessitaria objetivamente disto...mas sei lá, dizem que Órion esta praticamente no centro da galáxia(na direção do centro) e seria uma via para o buraco negro central da mesma... e se este for um caminho dimensional de repente que leve até céu via buraco negro....bom...o negócio é esperar para ver rs...

    ResponderExcluir