Google+ Badge

sexta-feira, 17 de fevereiro de 2012

DE MOMO E DE LOUCO TODO MUNDO TEM UM POUCO...

CARNAVAL!




Imagens dos 3 mais famosos carnavais do planeta...


Carnaval de Veneza(Itália)...



    Carnaval de New Orleans(EUA)...

      Carnaval do Rio de Janeiro(Brasil)...



        FONTE GOOGLE IMAGENS...








Estamos naquela data em que todo o excesso é permitido em nome da liberdade...


Época em que as pessoas confundem alhos com bugalhos a ponto de perderem o senso e a razão...


Todavia acho eu o Carnaval em si errôneo?


Pecaminoso?


De forma alguma!


O carnaval surgiu oficialmente das saturnálias romanas, festas onde o deus do tempo Cronos/Saturno era reverenciado...não sei em qual visão, mas tenho para mim que era como o senhor da era de ouro ou dourada(uma era paradisíaca que teria existido em nosso passado) e como senhor do paraíso pós mortem(campos elíseos) greco/romano, lugar onde os mortos viviam em eterna bem-aventurança e menos em sua visão de senhor do tempo inexorável...


Talvez se formos justos com os excessos cometidos na festa de momo Dioniso/Baco popularmente conhecido como deus do vinho e das orgias(em sua visão mais esotérica ele é na verdade o senhor dos mistérios)tenha mais a ver com a festa em si(pelo menos de uns tempos para cá) que Cronos/Saturno. Em seu espírito de liberdade irrestrita, e muitas vezes inconsequente...


Este desejo de festejar-se a liberdade, de pular, de dançar, de gritar, de cantar, de ficar 4 dias ao Deus dará com amigos e conhecidos brincando me parece em si bem legal, bem saudável...


Se ficasse só nisto tenho para mim que o carnaval seria psicologicamente um dos períodos mais abençoados do ano para toda a humanidade e equivaleria a meu ver o natal, o ano novo, valentine's day e ação de graças...


Se ficássemos nos bailes de salão, nos blocos, nos folguedos descompromissados amém!


Mas toda esta organização espúria, comercial, elitista que virou os desfiles das grandes escolas(no Brasil) onde o espírito do folguedo puro e simples deu lugar a uma competição acirrada onde todo o tipo de gente nem sempre ilibada esta por trás das organizações das escolas e dos tais desfiles, tudo isto corrompeu a essência da coisa...


Se aliarmos isto ao consumo de drogas,bebidas, violência e sexo inconsequente perderemos de vez qualquer tesão pelo carnaval se tivermos o mínimo de juízo...


Como apoiar algo que detona a vida de um bocado de gente todo ano?


Mas por outro lado teriamos razão em detonarmos a festa por culpa de pessoas irresponsáveis?


Se formos fazer isto teremos que tesourar também atualmente o natal e o ano novo pois andam quase tão 'badernosos' e inconsequentes como o carnaval!


Ou seja; não acho justo jogarmos a água suja com o bebê na bacia...


Tem que se ter um meio termo equilibrado...


Afinal por mais 'equilibrados' que sejamos... de momo e de louco todos nós temos um pouco...


É preciso uma válvula de escape para as neuras do dia a dia e a diversão sem compromisso a não ser com a felicidade é ótima para isto!


O que falta contudo como sempre em tudo que o ser humano bota a mão é NOÇÃO...saber onde termina minha liberdade e começa a do outro, saber que diversão não é sinônimo de bandalheira nem muito menos de destruição!


A meu ver quem é contra o espirito original do carnaval(liberdade, alegria, festa, danças, folguedos,) é contra a vida...não concordo com este tipo de radicalismo!


Mas por outro lado quem defende pura e simples tudo o que tem acontecido na festa, estes absurdos que citei acima também erra e feio!


Como tudo na vida deveríamos ter um meio termo para isto!


É um troço complicado porque implica em EVOLUÇÃO PESSOAL!


São N pessoas brincando o carnaval mas com certeza as atitudes corresponderão a evolução pessoal de cada um!


Por isso não sou contra a festa em si, ou o espírito da mesma mas critico a forma como os exageros são feitos pelos sem noção!


Quando falo que todos nós temos um pouco de momo e de louco não estou defendendo que no fundo todos temos um lado incontrolável, irracional, ainda que isto seja objeto de debates acalorados entre sociólogos, psicólogos e afins...


Penso apenas que como o louco do tarô um simbolo de liberdade e purezas originais profundas, todos nós temos dentro em nós uma região onde o desconhecido mora...


Não sei se o mesmo é incontrolável,caótico ou irracional mas com certeza é imponderável...


As vezes podemos nos surpreender a nós mesmos com pensamentos , palavras e atitudes que achamos não estarem associadas a nossa psiquê ordenada!


Entretanto não significa que as mesmas sejam incontroláveis ou irracionais...mas sim que nos surpreendem...


É o famoso ditado popular...'fulano ou fulana soltou a franga' para o fato de que alguém agiu bem diferente do usual que as pessoas estão acostumadas associarem a ele ou ela...


Entretanto a meu ver mesmo este imponderável flui muito conforme nossa evolução pessoal!


Em pessoas equilibradas e altamente evoluídas elas deixam evoluir e se manifestar este lado mais desconhecido de si mesmas com uma fluidez, com um liberdade de ser que não só surpreende os outros quanto encanta!


Se choca alguém não é pelo contexto de erro em si(como por exemplo brigar, bater em alguém, sair fazendo sexo a torto e a direito sem proteção , drogar-se até a inconsciência , beber idem etc...) mas pela formação de cada pessoa diante do que aconteceu, pois cada um tem um certo contexto do que seja certo e errado além dos universais que definem como errado tudo o que  prejudica ou destrói minha vida ou a dos outros!


No homem e mulher evoluídos este lado 'louco' portanto é mais uma forma de manifestar o imponderável ,o que surpreende aos outros, mas nunca prejudicar a estes nem revelar algum lado mórbido de quem quer que seja!


Assim o lado 'momo' e 'louco' que acredito todos temos um pouco e é bom tê-lo é irreverente mas é sadio, é livre mas não inconsequente, é alegre mas não sem noção, é vibrante mas nunca desequilibrado...


Os deuses da felicidade e da festança devem ser aliados da humanidade e nunca um empecilho...


Se vivermos meramente para o hedonismo e o prazer ou fazemos de 4 dias no ano desculpa para todo o tipo de tolice e inconsequência cada vez mais estaremos contribuindo para uma sociedade anárquica( no pior sentido do termo desta ideologia) e sem freio algum!


Assim para quem gosta da festa de Momo desejo um carnaval maravilhoso para vocês mas sem os excessos da destrutividade!


Para os que não gostam façam o que bem entenderem pois estes 4 dias caíram do céu para vocês que os irão ter livres!


Já para os que tem que trabalhar nestes dias quer gostando ou não da festa...bem, desejo-lhes um bom trabalho pois onde quer que estejamos devemos ter consciência de que devemos estar fazendo o nosso melhor!




Agora um vídeo legal para todos nós...O AMANHÃ, um dos mais belos temas de carnaval já feitos na voz poderosa da grande cantora Simone...


Fonte Youtube...




Abraços...


Pax e Lux




VALTER TALIESIN...



























Nenhum comentário:

Postar um comentário