Google+ Badge

sábado, 18 de agosto de 2012

DEUSES E DEUSAS OLÍMPICOS... um mundo de magia, paixões e sonhos

Olimpo um monte geográfico na Grécia
Fonte Google imagens 

Mas na mitologia era o lar sagrado dos grandes Deusas e Deuses gregos onde o grande Zeus reinava absoluto e dividia o controle do mundo com seus irmãos tão gloriosos e poderosos quanto ele...Poseidon e Hades...ele nos céus, Poseidon nos mares e Hades no mundo inferior.

Ao seu lado estava Hera sua esposa e irmã, senhora do olimpo e uma das hipóstases da grande Mãe ligada ao casamento, aos filhos e ao lar.

Miríades de Deuses e Deusas estavam com o divino casal no Olimpo ou com seus dois irmãos potentados em regiões do globo governando as forças da natureza. Entretanto alguns se sobressaiam sobre outros até porque em certas regiões do vasto império grego seus cultos locais alcançaram status tão grandioso quanto o de Zeus e seus irmãos.

Panteão dos grandes Deuses e Deusas gregos

Fonte Google imagens

Apolo por exemplo o senhor da luz e associado ao sol(na verdade Hélios era o original deu solar) era o senhor de um dos maiores oráculos da antiguidade... o de Delfos herdado da Grande Mãe original Gaia quando da vitória do Deus sobre Píton a guardiã matriarcal do templo e que simbolizava a própria Mãe. Delfos passa assim a ser ligado ao grande Deus da luz e se torna no mais cultuado centro oracular e de culto da Grécia antiga rivalizando até com Olímpia. Secundando Apolo em Delfos estava Hermes o mensageiro dos deuses e o grande iniciador nos mistérios. Hermes com o tempo passou a ser associado ao conhecimento e sabedoria e intimamente identificado com o deus egípcio Thoth o escriba dos deuses.

Em Éfeso cidade da Ásia menor era Ártemis a irmã de Apolo e senhora da natureza e da noite a grande Deusa venerada e  adorada pela cidade. Éfeso era um dos grandes centros de romaria antiga similar ao que hoje podemos ver em cidades de culto mariano como Aparecida, Fátima, Lourdes, Guadalupe e congêneres pois o culto à Deusa espalhou-se por todo mundo antigo dando enorme lucro aos templos e forjadores de imagens da mesma. 

Ártemis/Diana com o tempo se tornou num dos mais grandiosos nomes da Deusa em todo mundo identificando-se intimamente com a Mãe apesar de ser conhecida universalmente como a virgem eterna...parece lembrar alguma santa cristã da atualidade? rsrsrs....

Deméter por sua vez assumiu o trono da terra no lugar de sua mãe Réia  que já havia feito o mesmo com Gaia a Mãe original. A substituição entre as grandes Deusas da terra parece que foi bem mais suave que os embates entre os grandes Pais do céu Urano, Cronos e Zeus. Enquanto estes duelaram pelo trono as senhoras da terra parecem apenas ter naturalmente entregue o cetro para suas filhas na medida em que a civilização via novas facetas da Deusa em cada coisa ao seu redor e na sua forma de assimilar-se ao mundo.

Gaia era a Mãe negra original, bruta, secreta, um útero negro e cósmico de onde tudo provém e para onde tudo retorna....

Réia era a natureza luxuriante que gera a vida que floresce, que enfeita o mundo de cores e tons e de seres vivos que caminham por todos os lugares.

Deméter era a terra produtiva, arável, cultivável, geradora do labor e do alimento do homem.

Havia ainda uma quarta faceta desta deidade que era Coré a futura Perséfone que era a senhora das estações e se identificava intimamente com a primavera estação das flores.

Quando torna-se Perséfone torna-se a face da Mãe idêntica a Kali  dos hindus e ligada à morte como esposa de Hades. Como Coré é amante de Dioniso o Deus das festas, da colheita ,das libações, dos mistérios e de certa forma do amor também, como esposa de Hades ela é a senhora de todas as almas que deixaram este mundo e a ponte deste para o outro mundo....

Deméter e Dioniso tinham cultos extremamente festejados também e centros de cultos de enorme veneração. 

Elêusis era um centro de culto tão importante(e para alguns estudiosos até mais que Delfos) onde os mistérios de Deméter e Perséfone as grandes Deusas  agrícolas eram encenados e todos os grandes personagens da mesma como Hades, Dioniso e Zeus eram lembrados.

Dioniso por sua vez era o senhor dos bacanais....festas votivas onde sacerdotes e sacerdotisas não só comiam e bebiam em nome do Deus mas realizavam os mistérios da mais sagrada das uniões... o amor.

O vinho era a bebida associada ao grande Deus dos bacanais mas em sua versão mais refinada Dioniso era o Deus sacrificado dos gregos. Um proto Cristo que morre e revive para a salvação dos seus fiéis.

Pan era o senhor da natureza e dos animais, muito similar ao Cornudo celta ele em sua versão mais sofisticada representava todo o universo manifesto. Como o grande fauno da natureza era um amante contumaz e insaciável e apesar da aparência um tanto quanto grotesca(e talvez por causa dela) tinha um apelo sexual tremendo e era um musicista fabuloso tocando sua flauta encantada.

Afrodite a senhora do amor tinha na antiguidade uma importância singular...
o amor é a mais perfeita e sagrada das 
emoções e Afrodite juntamente com Eros reinava absoluta sobre o interior dos humanos.

Nada, nem o mais rude e bruto dos humanos escapa do poder de Afrodite ou das flechas certeiras de Eros e neste conceito de amor não entra só o amor idílico e ideal dos trovadores, poetas e bardos mas o fogo intenso e selvagem da paixão mais animal e primitiva...tanto é verdade que o mais famoso amante da deusa do amor é paradoxalmente Ares o deus da guerra e não do conceito mais digamos civilizado desta, mas da mortandade e morticínio mais venal, indiscriminado e brutal. Ares era uma das facetas mais radiantes pelo fogo das paixões entre os grandes deuses e sua associação com Afrodite em detrimento de Hefestos o esposo oficial da deusa e senhor do fogo e da forja é uma das mais picantes lendas entre deuses da antiguidade. De como a Deusa do amor traia o senhor do fogo com o deus da guerra.

Atena  ou Palas Atena era a grande patrona de Atenas e com o tempo de toda a Grécia. Senhora da justiça, liberdade e sabedoria com o tempo também foi associada à guerra, como a grande virgem guerreira... mas simbolizava a honra do combate em detrimento da cólera sanguinária de Ares. Dai porque Atenas e Esparta talvez serem inimigas ferrenhas já que ambos os deuses rivais da guerra eram patronos destas grandes cidades gregas.

A deusa tríplice na figura de Ártemis, Selene e Hécate também era muito venerada naqueles tempos pois simbolizavam as 3 facetas da grande Mãe como jovem, como mulher e como matrona...eram associadas não só a natureza quanto a Lua a senhora que rege os fluxos da vida.

Héracles(Hércules) entre os heróis gregos foi o que mais ascendeu e igualou-se aos grandes deuses...Seu culto era tão importante quanto o de qualquer dos grandes deuses olímpicos e era tido como o filho predileto de Zeus e o mais odiado dos rebentos deste por Hera a ciumenta senhora do Olimpo.

Héracles em sua versão mais espiritualizada e de seus trabalhos é um proto Cristo já que no final sacrifica-se na pira sagrada e se torna um exemplo de salvador dos homens.

Todavia segundo alguns existiam 3 entidades ainda mais poderosas que até os Deuses temiam seu poder...AS MOIRAS...

Elas eram consideradas as fiandeiras de todos os destinos, de todas as coisas e por elas passavam começo, meio e fim de tudo em nem os Deuses podiam ir contra esta escrita equivaliam as Nornes da mitologia e de certa forma a Lei hebraica se imaginarmos que esta na verdade simboliza a Lei Universal que rege o universo divino.

Na verdade Zeus e os grandes Deuses no fundo eram EXECUTORES DO DESTINO, senhores da natureza que reinavam sobre o mundo e foram adotados pelos homens como seus patronos mas no fundo não eram mais que EXECUTORES de UMA FORÇA MAIOR cuja figura das Moiras apenas acenavam.

Elas não eram esta Força Maior mas estavam ali, para homens e Deuses se lembrarem quem realmente tecia o fio das coisas.

Existia na Grécia antiga um altar ao DEUS DESCONHECIDO ou no termo ocultista de hoje em dia AO DEUS TRANSCENDENTE, OCULTO, o apóstolo Paulo habilmente usou deste altar para apresentar sua mensagem sobre um Deus Único, Fonte de todas as coisas e que transcende a tudo apesar de tudo nele viver e dele depender....foi um tiro realmente de mestre.

No hinduímo apesar da miríades de Deuses e Deusas que existem todos estão cientes que os mesmos são só facetas da REALIDADE MAIOR que definem como BRAHMAN do qual SHIVA, VISHNU E BRAHMA são a trindade manifesta!

Seja como for com o tempo e depois da assimilação destas deidades pelo romanos em torno de 325 AC os antigos Deuses e Deusas não só gregos mas de todas as antigas tradições do império romano receberam um golpe fatal....Constantino o imperador romano adota o cristianismo como religião oficial do império e os cultos pagãos que já viam pouco a pouco seus fiéis adotando a nova religião viram uma verdadeira debandada geral de seguidores para a nova religião oficial e com certeza nesta leva muito pouco de conversão real deveria haver mas sim uma forma de digamos, agradar o novo 'status quo'...O mitraísmo, antiga religião de Constantino e até então o grande rival do cristianismo pelo coração do império praticamente foi assimilado em muito dos ritos à nova religião e também deixou de existir oficialmente.

O 'fim' definitivo pagão só viria alguns tempo depois mas com certeza aquele foi o golpe fatal!

Hoje nos últimos tempos temos visto um revivescer do paganismo em muitas partes do ocidente não só das deidades gregas mas egípcias, sumérias, ameríndias,celtas, africanas, asiáticas,nórdicas e principalmente indianas sendo adotadas em diversos grupos e comunidades tanto na Europa quanto nas Américas antigos redutos totalmente cristãos.

Estamos talvez diante de um novo mundo, não de uma volta aos cultos antigos em detrimento do atual 'status quo' mas uma SÍNTESE do sagrado dentro do homem, da mulher, do humano que deverá congraçar e sacralizar dentro de si todas as visões sagradas que um dia lhe foram tão caras para entenderem de uma vez por todas que cada uma delas nada mais era que UMA FACE....ou como dizia Joseph Campbell...UMA MÁSCARA do ÚNICO E VERDADEIRO MISTÉRIO DE  ORIGEM DE TUDO E DE TODOS...

Abraços

Paz e luz

VALTER TALIESIN


OM TAT SAT

Sites interessantes...

http://pt.wikipedia.org/wiki/Deuses_ol%C3%ADmpicos

http://pt.wikipedia.org/wiki/El%C3%AAusis

http://pt.wikipedia.org/wiki/Delfos


Vídeos interessantes...Documentário completo...

Deuses e Deusas gregos do THE HISTORY CHANNELL



Imagens dos Deuses e Deusas gregos


Fonte Youtube

17 GRANDES DEUSES E DEUSAS DO OLIMPO

ZEUS


    POSEIDON



      HADES


        HERA


          APOLO


            ÁRTEMIS


              ATENA


                AFRODITE


                  ARES


                    DEMÉTER

                        DIONISO


                          EROS


                          CORÉ/PERSÉFONE

                            HEFESTOS


                              PAN

                            HÉRACLES
                      HERMES




                        FONTE GOOGLE  IMAGENS






Nenhum comentário:

Postar um comentário