Google+ Badge

sexta-feira, 6 de dezembro de 2013

GOSTOS...Gostar de...reflexões sobre a percepção do gosto.



Gosto de pessoas sinceras, honestas , verdadeiras mas sem frescuras e petulância, sem achar que são senhoras da verdade ou fontes de virtudes...

Gosto do olhar sincero, olho no olho, da voz firme defendendo o que se pensa, mas também de tato, de carinho genuíno no processo, de interesse que cresçamos evoluamos...

Gosto de uma boa digamos 'fricção', de um bom 'esfrega',de um sexo 'selvagem', pegante, vez ou outra mas gosto sobretudo do possuir-se e entregar-se leve, tranquilo, devagar, olho no olho, sorvendo e bebendo a energia um do outro progressivamente, sem pressa, sem medo, sem travas e sem a noção de espaço/tempo...

Gosto do beijo caliente, num vai e vem sem freios e sem limites, num roçar-frenesi de línguas e num tocar confuso de mãos em torno e contorno mas gosto mais ainda daquele beijo fortuito, quando estou dormindo e ela chega bem devagar, e se percebe que eu percebo faz de conta que não percebeu, sobe em cima da cama e calma e afetuosamente me deposita ou na face, ou entre os olhos, ou na boca ou em todos estes lugares juntos...carinhosamente, um beijo querido de boa noite ou bom dia e claro; gosto de fazer exatamente isto com ela(estou falando aqui puramente conceitual, do desejo que sinto em cada umas das relações que tive ou tenho, não de uma pessoa específica que tenha feito isto em detrimento de outras que não o fizeram é o sentimento de valorizar isto mais que a outra coisa que conta e quando recebo ou dou me é mais gratificante)

Gosto de dinheiro...caramba, como gosto! Mas gosto mais ainda de ganhá-lo honestamente e equilibradamente, usando sua energia para o bem maior que pode se manifestar tanto em investimentos em mim e nas pessoas que amo quanto em ajuda direta ou indireta ao próximo por meios que possibilitem sua evolução.

Gosto de comer fruta no pé, ah! se pudesse faria isto todos o dias, dias e dias a fio, mas também não desprezo um bom manjar do mercado municipal não, onde aliás, os cheiros e as fragrâncias fazem com que os sentidos saltem feito loucos dentro de nós de tão inebriados que ficam.

Gosto de viajar, conhecer lugares e mundos mas detesto turismo...gosto da viagem que propicia a interação com o lugar, o sentir da alma da comunidade, da terra em que nos encontramos, dos contatos com o povo, com os visitantes como nós e principalmente com a energia viva e pulsante que tudo permeia. Claro, penso num lugar onde você realmente se sinta bem pois onde não nos sentimos o melhor cair fora logo rs.

Gosto de ler, ler muito, de conhecer idéias, novas idéias ou antigas, as clássicas e consagradas dos antigos mas sobretudo gosto de escrever minhas idéias, o que penso, o que entendo sobretudo, e tudo sem tentar ser mera xerox, mera cópia inferior do consagrado da vez....neste processo podemos cometer erros, acertos, o texto pode ser profundo ou raso,verdadeiro ou equivocado, perfeito gramaticalmente ou pelo excesso de pressa pelas correrias da vida um manancial de erros de tecla e gramaticais que só descobrimos depois com o tempo e as leituras constantes mas o essencial é que NOSSA ALMA esteja ali, nossa alma esteja viva em cada palavra, ao vivo e a cores, liberta de todas as travas que nós e o mundo nos impõe dia a dia.

Gosto de pessoas por fim que sejam antenadas com o mundo, e gosto eu mesmo de sê-lo claro mas sobretudo antenadas com a vida rica e infinita pulsante DENTRO de si, este manancial sagrado que salta aos olhos de quem vê e se permite ser dia a dia o seu melhor, constante e presente, vivo e luminoso cada dia.






ACHEI ESTE TEXTO TÃO INTERESSANTE QUE RESOLVI ESTICÁ-LO E PENETRAR MAIS A FUNDO NELE, TORNÁ-LO MAIS EXTENSO DO QUE ORIGINALMENTE FOI POSTADO EM SITES DE RELACIONAMENTO.

MAS A FINAL O QUE É GOSTO? 

Como definimos o mesmo?

Vejamos uma definição clássica e básica.




Significado de Gosto

s.m. Sentido que permite distinguir os sabores das substâncias; paladar. (No homem os órgãos do gosto localizam-se nas papilas gustativas da língua, sensíveis a quatro sabores: salgado, açucarado, amargo, ácido; nos peixes, os órgãos do gosto são externos: os barbilhões; nas borboletas e nas moscas, estão situados nas extremidades das patas.)
Sabor: o manjar está com um gosto delicioso.
Predileção, inclinação, vocação, tendência, interesse: tem gosto para a pintura.
Sentimento do belo: tem muito gosto para se vestir.
Simpatia, inclinação, favorável: sobre gostos não se discute.
Satisfação, gozo, prazer: faço isso com muito gosto.
Dar gosto a (alguém), ser agradável a.
Estar a gosto, estar à vontade.
Fazer gosto em, aceitar gostosamente.
A gosto ou ao gosto de (alguém), conforme o desejo de.

Sinônimos de Gosto

Sinônimo de gosto: apetitepaladarpalato e sabor

Definição de Gosto

Classe gramatical: Substantivo masculino
Separação das sílabas: gos-to
Plural: gostos
O gosto portanto define nossas inclinações e nossos desejos para coisas que nos agradam, começando da definição básica de gosto ligado a degustação chegamos enfim a definições mais filisóficas.
Gostar de...deixa de ligado somente ao sensorial, ao ato de comer e passa a ser algum muito mais profundo, ligado a alma, ao coração, ao entendimento que temos do mundo.
Do que você gosta?
Como você gosta?
Quando dizemos amar uma pessoa não necessariamente precisamos gostar dela pois em sua função agregativa, o amor se pressupõe acima de gostos e desgostos, pelo menos seu conceito divino e fraterno deveria ser assim em mentes e corações humanos.
Para amar não deveria ser necessário as pessoas te agradarem ou não, gostarem de ti ou vocês delas. Deveria ser um ato natural das almas humanas amarem...dai porque o Cristo nos diz para amarmos até nossos inimigos e claro, alguém que ama aos inimigos ama qualquer um!
Muitos dizem que quem alcança este ponto não vê o outro como um inimigo mas sim e não.
Ajurna viu diante de sim amigos queridos, familiares mas recebeu a ordem de Krishna de ir adiante e cumprir o seu darma que era a de fazer a guerra justa contra aqueles a quem amava pois estes eram não só inimigos de si mas da Lei Divina também.
Naquele momento ele tentou separar a lógica da situação por seus gostos e desgostos. Pelo amor verdadeiro que sentia por cada um deles e pelo que gostaria de fazer por causa deste amor, desistir da luta e quem sabe confraternizar com eles.
Mas Krishna que conhece mentes e corações sabia que isto era impossível. Impossível porque o exercito contrario de Duryodhana esta cego pela cobiça, pelas rixas e pelo senso de dever a uma causa que em si, em sua raiz era imoral.
Gostar de aqui portanto não deveria interferir no carma de cada um, muito menos no de Ajurna e seus irmãos que deveriam cumprir o darma sagrado sob pena de eles se tornarem os transgressores do mesmo.
Diz um ditado que 'DEUS ESCREVE CERTO POR LINHAS TORTAS' e foi o que Krishna a manifestação divina na terra naquele momento(é símbolo do divino em cada ser humano) estava fazendo. No erro dos partidários de Duryodhana ele que se tornaram imparcial na peleja(a ponto de num último ato de fazer Duryodhana acordar ter dado opção para este primeiro escolher se queria todos os exércitos de Krishna ou a o próprio Krishna ao lado de si escolheu de forma material, achando que o numeroso e poderoso exército deste era vitória na certa mas ao ficar com Krishna Ajurna e seu irmãos ficaram com aquele que esta acima de absolutamente todos e tudo....Duryodhana ficou com grandes almas guerreiras , Ajurna ficou com a fonte do Eu sou e isto fez toda a diferença a Ajurna Krishna aconselhou atacar pois este era seu darma se Duryodhana contudo tivesse tido a percepção sagrada de escolher o Deus com certeza o conselho de Krishna seria...'NÃO ATAQUE POIS SE O FIZERES PERECERÁS' e dai talvez todo o morticínio posterior poderia ter sido evitado.
foi portanto 'o gosto' de Duryodhana pelo poder, pela fama, pela intriga que o fez perder a guerras dos khurus e dos Baratas.
Foi ele que enterrou toda a sua casa na vergonha e na ignomínia a não controlar seus gostos através do amor. E Ajurna por outro lado fazendo o oposto, negando seus gostos e entendo o amor que sentia em outras perspectiva tornou-se exemplo do discípulo sagrado, da alma entregue plenamente a luz do eu maior ainda que não veja, e não entenda tudo o que este lhe revela e lhe pede...mas após momentos de dúvidas e incertezas vai lá e faz!
Gostar assim pode ser uma benção ou uma maldição dependendo da evolução interior da alma e de suas escolhas.
Amar é muito diferente!
Assim quando dizemos a pessoa que queremos que passe o resto de sua vida conosco...EU GOSTO DE VOCÊ...no fundo estamos focando naquilo, naquelas coisas que nos identificam com elas.

Mas quando dizemos eu te amo...se o sentimento for realmente genuíno e verdadeiro deveríamos estar focando a pessoa por inteiro, sua luz e trevas, suas virtudes e defeitos, sua luta para ser um ser humano melhor independente de que uma ou outra coisa em seu caráter nos desagrade.
O amor não tenta transformar a pessoa amada no que nós queremos, mas pacientemente lida com estas diferenças e fixa-se na similaridades do que nos unem para que assim se sentir a reciprocidade deste amor AMBOS possam tratar com calma e carinho das arestas a serem aparadas em e de cada um.
Sem isto a palavra perde completamente o sentido pleno de que ela é feita!
Em suma NUNCA posso deixar meus gostos somente definirem o que sou e como me manifesto mas a presença deles em minha vida ajudam a definir a contento como me manifesto no mundo.
Dia a dia seguimos pegando nossos gostos e desgostos e construindo relações geralmente frágeis e de duração efêmera.
Será que já não esta na hora de vermos além desta dualidade o que realmente existe dentro de nós e de nossas relações e que como semente de vida podem tornar nossos gosto meros canais de prazer e menos de motivações para nos separarmos de pessoas que de outra forma amaríamos sem medo? Ou até amamos mas a cegueira por nossos gostos e desgostos nos deixa ver só isto...nossas insatisfações?
Pensemos com carinho nisto!
Em suma... 
Jamais por exemplo, me separaria da mulher que amo só porque ela não tenha o hábito ou o desejo de satisfazer todas as minhas vontades, de beijar-me da forma descrita acima, se sentisse dentro de mim que com ou sem isto ela me ama de fato...verdadeiramente...
Este amor seria o suficiente para eu perceber que viveria muito bem sem um beijo entre os olhos, na boca levemente, ou nas bochechas antes de dormir ou todas as manhãs ao acordar pois sentiria este amor tão vivo nela que tudo isto seria meros detalhes mais nada, e detalhes nem um pouco tornados impeçilhos para sermos felizes.
Porque afinal como diz Lulu Santos existem Gostos e gostos e como diz a letra da musica dele nossa vibração interior as vezes deveria ser...

Apenas Mais Uma de

Amor

Lulu Santos

Eu gosto tanto de você
Que até prefiro esconder
Deixo assim, ficar
Subentendido
Como uma ideia que existe na cabeça
E não tem a menor obrigação de acontecer
Eu acho tão bonito isso
De ser abstrato, baby
A beleza é mesmo tão fugaz
É uma ideia que existe na cabeça
E não tem a menor pretensão de acontecer
Pode até parecer fraqueza
Pois que seja fraqueza então
A alegria que me dá
Isso vai sem eu dizer
Se amanhã não for nada disso
Caberá só a mim esquecer
O que eu ganho, o que eu perco
Ninguém precisa saber
Eu gosto tanto de você
Que até prefiro esconder
Deixo assim ficar
Subentendido
Como uma ideia que existe na cabeça
E não tem a menor pretensão de acontecer
Pode até parecer fraqueza
Pois que seja fraqueza então
A alegria que me dá
Isso vai sem eu dizer
Se amanhã não for nada disso
Caberá só a mim esquecer
E eu vou sobreviver
O que eu ganho, o que eu perco
Ninguém precisa saber



AMOR E LUZ

VALTER TALIESIN


Vídeo sagrados


Gosto de ti - Pedro Abrunhoza



Gosto muito de voce Leãozinho - Caetano Veloso

Me engana que eu gosto - Wanessa Camargo

Outra versão da música de Lulu bem legal


Eu gosto de você - Tribalistas
Fonte Youtube





LULU SANTOS
Fonte de imagens Google


Nenhum comentário:

Postar um comentário