Google+ Badge

segunda-feira, 21 de abril de 2014

DO AMOR E DA VIDA...

DO AMOR


" Este é o imenso amor que sinto;
que sufoca o grito e privilegia
a paciência.
Que se fecha ao pessimismo e
se abre prazeroso ante 
os reflexos da luz no
prisma que é sua alma..."

Valter


" O que é o farol que me guia
pelos recessos de seu coração?
Não é minha sagacidade, nem
minha suposta sensualidade, 
nem minha intuição afiada,
muito menos a força de vontade. 
São os teus olhos, teus lindos olhos
dos quais os externos são meros,
apesar de extremamente belos, projetores.
São os teus lindos olhos interiores que me guiam,
me chamam, e me dizem vem, estou aqui..."

Valter

"Deitaste-me em pétalas de rosas...
Deitaste-me num leito nupcial de
lindas flores e rosas...
Me convidaste para teu recesso 
oh! amada e nada mais disseste
a não ser com teu olhar.
Senti-me dono e servo...
Rei e súdito...
Nada mais queria ou me permitia,
somente amar-te delicadamente,
afoitamente, como quiseste como
te agradaste pois teu prazer é meu
eterno prazer e em te querer e
em saciar-te em delícias finas ou
gulosas eu me descubro melhor homem..."

Valter

" O que você diria se me visse a primeira vez?
Se não soubesses nada que sabes a meu respeito
como sabes agora, apenas em mirar-me perdido,
entre tantos rostos e tantas imagens que já viste?
O que diria você diante do meu rosto então estranho?
O que diria sua alma?
Sim, sua alma, pois nela e dela procedem todos os
conhecimentos e reconhecimentos?
Lerias então minha alma?
Entenderias então como entendes agora?
Se um black-out psíquico ocorresse e todos e tudo
esquecem um do outro e se nos encontrássemos...
você me reconheceria?
Pois digo-te:
Eu te reconheceria querida, até travestida de
demônio quiça o anjo que sois!"

Valter

"O sussurro no vento me traz sua voz,
mas se reparo bem não é o vento é a
brisa fresca que flui de dentro de mim 
e me envolve que traz direto de ti as 
palavras que tocam profundamente 
minha alma e fazem vibrar todo o meu ser..."

Valter

"Se te faço feliz sou feliz...
Se te faço infeliz sou infeliz...
Se há unidade entre duas almas 
que nem se conhecem ou reconhecem-se
quando mais entre duas almas que se amam!?"

Valter

"Existe um caminho que só duas almas que se amam reconhecem.
Este caminho não tem duas mãos ou travessas periféricas mas tem
um céu acima recheado de estrelas, e uma margem repletas de belas 
e frondosas árvores floridas e frutíferas e marcos, menires sagrados que são verdadeiros portais de viagens para outros mundos e lugares para que
possam ir e vir sem perderem o referencial de si mesmos,
do que sentem e do lugar sagrado em que caminham..."

Valter

"O beijo é como um selo entre duas almas.
Um elo que une as mesmas no mistério da unidade.
O beijo se tornou rotineiro e supérfluo, deixou
de ser o poder do amálgama, o tom da sintonia,
a base da sincronicidade para ser só caras e bocas.
Quando duas almas que se amam resgatam o valor
do beijo, o inferno estremece e o céu canta."

Valter

"O livro do amor é o livro da verdade...
Nele esta contido o princípio, o meio e
o fim de todas as coisas.
Atos de amor são atos de verdade
São assinaturas de uma alma que
descobriu em si o santo graal e sorveu
gota por gota o elixir da eternidade."

Valter




DA VIDA


" NÃO tentem me ler definitivamente...
Estou ainda a escrever o meu Grande Poema"...

Valter


"Existe um lugar onde a perfeição existe...
Não esta nos meus textos...
Não esta em mim graças ao bom Deus!
Nem nas minhas idiossincrasias
(que percebo confunde à beça quem bota
muita fé em personalismos, acertos ou erros)
Ela, a perfeição, esta neste sentido e senso
de eterno, de sagrado, DENTRO de cada um de nós"...

Valter


" O Dragão que parece devorador é na verdade
o grande iniciador, o grande sintetizador do caos
e da ordem dentro de nós.
O Dragão do caos quando confrontado com
o Tigre da ordem nem ganha e nem perde...
Assimila, se expande, se torna luz, assim como
o Tigre que adquire manchas turvas e escuras
e reconhece as entranhas mais profundas do grande
mistério da vida e do caos que a precede."

Valter

"Um novo dia deveria ser como um novo sonho...
Todas as possibilidades nele contidas, mesmo as
mais divergentes do 'natural'...entretanto...
talvez não o seja por nossa própria conta e risco.
Por nossa dificuldade em entendermos a naturalidade
e a perfeita ciência do que chamamos de...milagres..."

Valter

"Percebo que quanto mais falamos aqui de nomes...
Substantivos como Deus ou Jesus, dependendo
da forma que falamos
(e até por simplesmente falarmos)
perdemos 'amigos(as)'.
Ou seja; tolo é de quem tenta agradar gregos e troianos.
SEJA VERDADEIRO(A)...
E deixe cada um se virar com suas próprias idiossincrasias,
ou seriam idiotices mesmo já que não conseguem conviver
com o diverso e o divergente de si e suas visões de vida?..."

Valter


"Sonhos...
A dias que não lembro nada, coisa alguma
de sonhos...
Há um branco, um apagão completo quando
acordo...
Acho os sonhos um canal importante de
comunicação entre mundos.
Mesmo quando dormimos de dia e sonhamos
com pessoas que sabemos estarem acordadas
dependendo da relevância, da profundeza
do sonho podemos na verdade estar em contato
com o que os antigos chamavam de 'anjo'
daquela pessoa, que assume sua face e vem
nos visitar e dialogar...hoje em dia os
estudiosos entendem ser este, o eu maior
delas ou suas almas que por extensão
nos tocam mesmo que as mesmas
(as pessoas) estejam acordadas..."

Valter


"Minha memória já foi fotográfica...
poderosa, hoje diria que não é nem
um terço do que já foi mas no pouco
que ainda é percebo o lampejo de vidas
que vieram e foram, encontros no espaço
e nos inúmeros pontos do tempo onde
construímos coisas; alguma imperecíveis
que de era em era, mundo a mundo estão
conosco e outras que deixaram de ser e
transmutaram-se em pura energia..."

Valter

"Tenhas em mente que hoje pode ser seu último dia
na terra...nada mudará contudo entre ti e Deus.
Diante dele estais num eterno presente.
Sois na verdade com ele o presente."

Valter

"Alegria de viver...
Tem pessoas que dizem ter...
Outras simplesmente são...
ter pode ser tirado
Ser ninguém tirará de ti...
E Ser não tem espaço, tempo,
situação, estação, condição...
Nada determina o Ser...
O Ser simplesmente...é..."

Valter

FONTE DE IMAGENS GOOGLE


VÍDEOS SAGRADOS

DO AMOR








DA VIDA








FONTE YOUTUBE

Nenhum comentário:

Postar um comentário