Google+ Badge

segunda-feira, 23 de março de 2015

CRISTO CÓSMICO - CRISTO JESUS - CRISTO INTERNO...O Poderoso processo da transformação da humanidade em divindade em ação...

ESTE TEXTO FOI PUBLICADO ORIGINALMENTE EM POST MUITO MENOR, CONTENDO APENAS A PARTE PRIMEIRA, ANTERIOR AO TEXTO BÍBLICO COLOCADO AQUI, MAS DIANTE DA VASTIDÃO QUE É ESTE ASSUNTO RESOLVI TORNÁ-LO UM TEXTO ÚNICO DO BLOG E BEM MAIS EXPANDIDO...

NA SINCERA EXPECTATIVA DE ALCANÇAR O QUE O CRISTO DESEJA...

VALTER


Naquilo que posso ser o meu melhor nada Deus irá fazer.
Sem isto a vida perde o sentido de escolha, crescimento, evolução.


Olhando o mundo como se nos apresenta infelizmente percebemos que os humanos desejam demais que Deus faça por eles o que é de única e total responsabilidade deles.


Esta palavra, este conceito, este designativo...DEUS...tem sido o catalizador de todas as coisas boas e ruins que os humanos fazem mas em verdade 99,99% de tudo o que fazemos em nome de Deus nada mais é que nosso ego velho de guerra se servindo do santo nome em vão!


O convívio entre os humanos nunca foi e não é uma responsabilidade divina, não enquanto um Ser externo que deva intervir entre nós.
A única forma de enxergá-lo desta forma e ainda assim naqueles que SE PERMITEM ser guiados por Deus, é o divino em si morante.
Deus guiando e protegendo nossas vidas a partir do centro de nosso Ser. Mas veja, nos lhe dizemos...EIS-ME AQUI! Guia-me!


Permitimos que Ele assuma o controle total de nossas vidas!


E dai estes 00,01% de responsabilidade divina nos atos e ações dos humanos passam misteriosamente a ser os 100% dos pensamentos, palavras e ações do humano transformado e agora dirigido completamente pelo o divino!
Este humano identifica-se de tal forma com Deus operante DENTRO dele que todos os seus pensamentos ganham a textura do Espírito divino pensando o mundo através dele,...Sim...esta pessoa passa a PENSAR o mundo, as relações humanas conforme Deus nos vê!!!
Passa a FALAR palavras sagradas como se fossem Alfa e Ômega criadores, palavras ungidas, abençoadas e abençoadoras que tocam e abençoam vidas, a começar das dele mesmo.
Passa a AGIR como se Deus caminhasse no mundo, como se olhasse a natureza, como se interagisse com os demais seres vivos, como se convivesse com os demais seres humanos...olhando dentro dos olhos de todos e dizendo...EU SOU UM OUTRO VOCÊ!!!


Ai sim Deus se torna responsável pelo humano, mas pelo humano que colocou sua vida nas mãos Dele e disse...guia-me os passos!
Um humano assim, chova ou faça sol será o mesmo...diante da vida ou da morte será UM...pois em verdade sua esfera de vida é ALÉM do mundo tri dimensional de ilusão, além deste cenário torto que construímos com nosso ego. 


Como o Cristo orou por cada um dos que viessem um dia a ser e agir como Ele..."NÃO OS PEÇO QUE OS TIRES DO MUNDO MAS QUE OS GUARDES DO MAL"
E o que em um contexto crístico seria ser "guardado do mal"?
Se lermos os trechos antecedentes e procedentes veremos que é ser santificado, alicerçado na Verdade, é estar aqui mas não ser daqui, ser da esfera eterna na esfera temporal, ser da esfera do infinito na esfera espacial, ser uno de tal forma com o Cristo atuante dentro de nós que o viver Dele em Cristo Jesus se torne o nosso viver.
É uma completa identificação com a esfera divina em nós a ponto de que todo o mal fora de nós não nos atinja.


E aqui temos que entender o seguinte: este não atingir evoca principalmente tirar do caminho, tirar do rumo, tirar do prumo. O justo não esta isento de lutas, provações, dores, dificuldades e mortes de todas as espécies...então qual a vantagem de ser-se justo?

Primeiro que você é honesto consigo mesmo, com o Espírito de verdade que pulsa dentro de si, depois porque você percebe, como perceberam os justos de todas as épocas, e injusto seria eu de citar aqui nomes de uns em detrimentos de outros,  que a ÚNICA resistência efetiva ao mal é sermos bons o melhor que pudermos AINDA que o preço seja nossa vida!
E você percebe que quanto mais você tem este objetivo pulsante dentro de si Deus se torna o verdadeiro atuante em sua vida!


Não estamos diante de palavras fáceis de serem ditas ou ouvidas!


Gostaria sinceramente de estar aqui dizendo; olha, se você for bom o mundo inteiro ira sorrir para você, tudo dará certo a partir de hoje etc...


Veja, SIM, pode dar sim!


Pode se abrir um canal de benção tal que tudo se resolva em sua vida MAS...Haverá sempre um momento que sua fé será testada, os limites serão abalados, e toda a vitória advirá de como te portares diante dos desafios!


As palavras de Luther King no último comício que antecedeu sua morte define um justo, e como ele encara tanto o bem quanto o mal deste mundo de contrastes e sua necessidade imperiosa e vital de fazer o que é certo e correto diante dos desafios da vida.
Parafraseando Moisés e sua vida, o grande líder fala que talvez seja-lhe permitido subir a montanha e contemplar a terra prometida, mas não entrar nela. A partir dali ele constrói um discurso que parece premonitório sobre si mesmo e sua missão neste mundo e o que breve irá lhe acontecer. Pouco depois uma bala assassina encerrou sua jornada temporal e abriu os portais eternos para ele!
Diante de uma vida com tal significado vital para tantos, até hoje, poderíamos dizer que foi inútil o que ele fez?


Assim somos nós com nossas vidas, e o bem e o mal que possamos encontrar diante de nós... Se estivermos vivendo a vida divina e não nossa vida mesquinha e egocêntrica, subiremos nossas montanhas, contemplaremos nossa terra prometida e independente de vivenciarmos prazeres mil nela aqui ou não, veremos que em verdade ela sinaliza para algo muito mais profundo e sagrado do que o mero olhar carnal antevê... Algo, imortal, eterno, imperecível, infinito!!!


Vejamos na íntegra a oração que Jesus Cristo fez não só pelos seus discípulos de então mas por TODAS as pessoas que viriam a dar ouvidos a sua mensagem e principalmente em receberem o Cristo dentro de si com braços abertos para viverem a mesma vida que Ele viveu, na mesma dispensação do Espírito Divino, do Espírito do Cristo.

¶ Jesus falou assim e, levantando seus olhos ao céu, e disse: Pai, é chegada a hora; glorifica a teu Filho, para que também o teu Filho te glorifique a ti;
Assim como lhe deste poder sobre toda a carne, para que dê a vida eterna a todos quantos lhe deste.
E a vida eterna é esta: que te conheçam, a ti só, por único Deus verdadeiro, e a Jesus Cristo, a quem enviaste.
Eu glorifiquei-te na terra, tendo consumado a obra que me deste a fazer.
E agora glorifica-me tu, ó Pai, junto de ti mesmo, com aquela glória que tinha contigo antes que o mundo existisse.
¶ Manifestei o teu nome aos homens que do mundo me deste; eram teus, e tu mos deste, e guardaram a tua palavra.
Agora já têm conhecido que tudo quanto me deste provém de ti;
Porque lhes dei as palavras que tu me deste; e eles as receberam, e têm verdadeiramente conhecido que saí de ti, e creram que me enviaste.
Eu rogo por eles; não rogo pelo mundo, mas por aqueles que me deste, porque são teus.
E todas as minhas coisas são tuas, e as tuas coisas são minhas; e neles sou glorificado.
¶ E eu já não estou mais no mundo, mas eles estão no mundo, e eu vou para ti. Pai santo, guarda em teu nome aqueles que me deste, para que sejam um, assim como nós.
Estando eu com eles no mundo, guardava-os em teu nome. Tenho guardado aqueles que tu me deste, e nenhum deles se perdeu, senão o filho da perdição, para que a Escritura se cumprisse.
Mas agora vou para ti, e digo isto no mundo, para que tenham a minha alegria completa em si mesmos.
Dei-lhes a tua palavra, e o mundo os odiou, porque não são do mundo, assim como eu não sou do mundo.
Não peço que os tires do mundo, mas que os livres do mal.
Não são do mundo, como eu do mundo não sou.
¶ Santifica-os na tua verdade; a tua palavra é a verdade.
Assim como tu me enviaste ao mundo, também eu os enviei ao mundo.
E por eles me santifico a mim mesmo, para que também eles sejam santificados na verdade.
E não rogo somente por estes, mas também por aqueles que pela tua palavra hão de crer em mim;
Para que todos sejam um, como tu, ó Pai, o és em mim, e eu em ti; que também eles sejam um em nós, para que o mundo creia que tu me enviaste.
E eu dei-lhes a glória que a mim me deste, para que sejam um, como nós somos um.
Eu neles, e tu em mim, para que eles sejam perfeitos em unidade, e para que o mundo conheça que tu me enviaste a mim, e que os tens amado a eles como me tens amado a mim.
¶ Pai, aqueles que me deste quero que, onde eu estiver, também eles estejam comigo, para que vejam a minha glória que me deste; porque tu me amaste antes da fundação do mundo.
Pai justo, o mundo não te conheceu; mas eu te conheci, e estes conheceram que tu me enviaste a mim.
E eu lhes fiz conhecer o teu nome, e lho farei conhecer mais, para que o amor com que me tens amado esteja neles, e eu neles esteja.

João 17:1-26


Coisas interessantes e sagradas podemos apreender deste texto. Veremos que nele Jesus se revela e se identifica totalmente em sequência como o canal de revelação ao mundo do Pai, com o Cristo Cósmico e depois como o doador do Cristo Interno, ou melhor dizendo; Aquele que desperta o elemento crístico dentro dos humanos.

I.O CANAL DE REVELAÇÃO DO PAI AO MUNDO

Pai, é chegada a hora; glorifica a teu Filho, para que também o teu Filho te glorifique a ti;
Assim como lhe deste poder sobre toda a carne, para que dê a vida eterna a todos quantos lhe deste.
E a vida eterna é esta: que te conheçam, a ti só, por único Deus verdadeiro, e a Jesus Cristo, a quem enviaste.
Eu glorifiquei-te na terra, tendo consumado a obra que me deste a fazer.


Jesus é o revelador da UNIDADE E DO AMOR divino!

Esta é a Verdade que esta manifestação do sagrado no mundo tem de mais potente!

Glorificar a Deus é infinitamente mais do que gritar glórias a seu nome, é você viver uma vida que exemplifique que Deus é uma realidade única tanto dentro quanto fora de si.

E NÃO EXISTE FORMA MELHOR DE FAZER ISTO DO QUE EM PURO AMOR!

Este é o contexto mais sagrado da unidade divina!

Ter, sentir e viver Deus de tal forma que seja indiferenciado o interno do externo, pois o elemento que tudo liga é...O AMOR!

Deus deve ser percebido como o Imanente, uma realidade interna atuante no ser humano; o Emanente, uma realidade presente potencialmente em toda as coisas; o Transcendente, a Fonte de onde tudo vem, tanto o criado que o possui potencialmente, quanto o consciente que o possui atuante. E mais profundamente ainda o mistério sem conceitos e sem definições em palavras usuais...apenas VIVENCIAIS sentidas e observadas.Eu glorifiquei-te na terra, tendo consumado a obra que me deste a fazer.

Este glorificar-te na terra tendo consumado a obra é puro AMOR EM AÇÃO!

Portanto sem Amor não há Unidade de fato!

DEUS É AMOR, CRISTO É AMOR E DEVEMOS SER AMOR...PONTO!!!


II. JESUS SE IDENTIFICA PLENAMENTE COMO MANIFESTAÇÃO CONSCIENTE DO CRISTO CÓSMICO.

Eu glorifiquei-te na terra, tendo consumado a obra que me deste a fazer.
E agora glorifica-me tu, ó Pai, junto de ti mesmo, com aquela glória que tinha contigo antes que o mundo existisse.


Muito tem sido dito e escrito sobre a missão e a pessoa de Jesus Cristo. Indo-se de extremo a extremo, desde entendê-lo como a encarnação da própria divindade suprema como até de que Ele em verdade tenha sido uma fraude diabólica. 
SIM! 
Por incrível que pareça tem gente que entende Jesus como algo maléfico ao mundo, como uma cria do Cão! Que mais trouxe desastres que qualquer outra coisa ao mundo. 
No meio destes dois extremos TOTALMENTE  antagônicos temos vários tipos de entendimento desta augusta entidade, desde moderadas e descendentes visões divinas até exaltadas e ascendentes visões humanas, tendo também alguns que o veem apenas como mais um mito somente, e este sem nenhuma base factual ou literal.

Mas deixando os debates de lado e fixando-se no texto somente o que temos?

Jesus identificando-se com o Cristo Cósmico!

Jesus se identifica como uma encarnação daquela entidade cósmica que foi o canal criativo de todas as coisas, o elemento Palavra do sagrado, por meio do qual tudo veio a existir. Isto nada tem de excepcional se examinarmos as religiões de todo o mundo. Figuras, como Osíris, Hórus, Dioniso, Mitra, Rama, Krishna e até Buda foram encaradas desta forma. Como manifestações da divindade suprema, ou do elemento, nestas religiões, similar ao contexto crístico. Então porque Jesus não poderia ser no mínimo visto igualmente desta forma?

Para mim NADA tem de exclusivo, e portanto de anormal ou excepcional ver Jesus como um avatar divino, ou seja; a encarnação da divindade no mundo, porque outras religiões entendem da mesma forma ser possível o Deus presente em todas as coisas, inclusive em nós, encarnar-se CONSCIENTEMENTE!
De que somente DEUS EM PLENA CONSCIÊNCIA DE SI MESMO pode realizar certas tarefas espirituais em prol do humano e não somente um profeta ou um guru incorporado pelo Espírito Divino!

Portanto para mim é extremamente válida, aceitável e assimilável esta identificação do Senhor Jesus!


III. JESUS ORA ESPECIFICAMENTE POR CADA UMA DAS PESSOAS DE TODAS AS ERAS QUE VIRIAM ACEITAR SUA MISSÃO DE REVELADOR DE DEUS AO MUNDO E ENCARNAÇÃO SAGRADA DIVINA E INICIADOR DO CRISTO INTERNO NOS HUMANOS.

Manifestei o teu nome aos homens que do mundo me deste; eram teus, e tu mos deste, e guardaram a tua palavra.
Agora já têm conhecido que tudo quanto me deste provém de ti;
Porque lhes dei as palavras que tu me deste; e eles as receberam, e têm verdadeiramente conhecido que saí de ti, e creram que me enviaste.
Eu rogo por eles; não rogo pelo mundo, mas por aqueles que me deste, porque são teus.


Tomar posse desta oração é, entendo, uma das maiores dádivas que um ser humano pode receber depois de ter em si, desperta a consciência crística. Veja, em realidade há que se aceitar plenamente tal oração para que a mesma seja de fato desperta dentro de si. 
Só passa a ter uma real conscientização de que EU SOU, quem de fato consegue...
1. Aceitar Jesus e sua missão de revelador da unidade do Pai.
2. Aceitar as palavras sagradas que Ele falou sobre a relação dos humanos com o Criador.
3. Aceitar sua intercessão naqueles pontos onde nossa vontade se mostra fraca e as vezes impotente de sobrepor-se as dificuldades da vida.

Isto evidentemente em NADA desmerece o trabalho de outros grandes líderes espirituais que vieram antes ou depois Dele e que aparentemente(e enfatizo este aparente com destaque absoluto) nada tenham a ver com Ele, pois sendo Deus uma unidade, e sendo como acreditam os literalistas bíblicos, todos nós descendentes dos 3 filhos de Noé, obviamente que TODAS as religiões existentes no mundo atual teriam sua origem nas tradições noéticas! 
Nada mais lógico! 
O que pode ter havido, e isto se vê INCLUSIVE no próprio cristianismo, foi um degenerescência da mensagem original, do Saber Das Idades, passados de boca a ouvido, pelos primeiros patriarcas das tradições espirituais ante diluvianas, e não que estas mesmas religiões e visões espirituais sejam como se crê entre muitos ditos cristãos, invenções diabólicas. Por isto encontram-se paralelos intrigantes entre a figura de Jesus Cristo e outras entidades tidas como  manifestações deste Ser que tomando nomes diferentes mas percebendo-se uma única entidade, é entendido como A PALAVRA, O LOGOS UNIVERSAL!

E no mesmo tom as palavras do Profeta Miqueias se tornam repletas de sentido revelador da manifestação do Cristo em todas as eras e presente em todas as religiões do mundo pois as mesmas tiveram o mesmo tronco comum: OS FILHOS DE NOÉ!!!

E tu, Belém Efrata, posto que pequena entre os milhares de Judá, de ti me sairá o que governará em Israel, e cujas saídas são desde os tempos antigos, desde os dias da eternidade.

Miquéias 5:2-3


Percebam que " AS SAÍDAS" desta entidade são de tempos antigos, desde os dias da eternidade ou seja;
A MANIFESTAÇÃO DO ELEMENTO CRÍSTICO não se deu somente na figura de Jesus, mas vem desde que o mundo é mundo. A diferença salutar a meu ver é que antes este elemento não tinha se encarnado plenamente no contexto evolutivo humano, mas atuado de forma atenuada e progressivamente mais e mais forte, através de cada avatar sagrado que veio antes Dele. Não vejo que isto torne Jesus melhor que outros grandes seres religiosos mas o coloca numa perspectiva descendente da manifestação do Cristo Cósmico no mundo em seu ponto mais material, mais visceralmente encarnado na matéria, mais participante da vida tri dimensional, mais similar a nós, a ponto de em Jesus ter se identificado totalmente conosco! 

E mais; sua próxima manifestação dar-se á em resposta a própria oração do Cristo como veremos a seguir e será efetivamente diferente do que foi esta encarnação absoluta e consciente na matéria, e que vem progressivamente se dando desde priscas eras até que na plenitude dos tempos se tornou extremamente literal em Jesus.

Portanto ver em Cristo este canal puro do divino expressamente humano é de vital importância para os cristãos de todas as eras, daqueles que o aceitam como Deus em forma humana e mais; aquele que desperta em nós este potencial de sermos como Ele mesmo é...Deus em ação no mundo!

IV. A UNIDADE DE DEUS SE REVELA NA UNIDADE ENTRE JESUS O REVELADOR E A DIVINDADE EM CADA UM NÓS...

E todas as minhas coisas são tuas, e as tuas coisas são minhas; e neles sou glorificado.
¶ E eu já não estou mais no mundo, mas eles estão no mundo, e eu vou para ti. Pai santo, guarda em teu nome aqueles que me deste, para que sejam um, assim como nós.
Estando eu com eles no mundo, guardava-os em teu nome. Tenho guardado aqueles que tu me deste, e nenhum deles se perdeu, senão o filho da perdição, para que a Escritura se cumprisse.

Deus é o dono de tudo e o Cristo uno com Ele participa deste senhorio mas não para por ai...cada ente que manifesta o Cristo em si participa deste senhorio universal, multi dimensional, de todas as coisas!

Ser um em Deus portanto não é um fato apenas em Jesus mas em todos os seres humanos que se percebem como Ele, crísticos, que sentem que o que Ele veio realizar no mundo é uma realidade viva e atuante não externamente mas INTERNAMENTE em cada um de nós. 
Só pode se realizar desta forma quem se apropria desta verdade como SUA...quem se entende UNO com Cristo e com Deus. 
Quem continua se vendo meramente como criatura, esta distante desta unidade. 
Somente entendendo que EM CRISTO somos UM com Deus percebemos a unidade da vida e a grandeza que é a consciência de Ser e de se perceber vivo, pois este Ser plenificado com esta identificação nos torna participantes do eterno, do infinito de forma absolutamente consciente.

Muito se tem falado da identificação de DESTINO de Judas como FILHO DA PERDIÇÃO. Ver Jesus que o escolheu e com certeza o amou falando assim de um de seus 12 é definitivamente para muitos algo assustador!
Dá um sentido de fatalismo, de predestinação tão tremendos que doutrinas foram criadas e observadas em cima disto, e esta visão de que uns estão destinados à glória eterna portanto são filhos da Salvação e outros a miséria eterna portanto seriam filhos da Perdição se tornou a meu ver a pior das pragas para a mensagem cristã.

Uma forma alternativa contudo de ver este titulo nefasto dado a Judas tem sido sussurrado de boca a ouvido no decorrer destes últimos 2 mil anos, nos corredores secretos de alguns grupos cristãos que depois do concílio de Niceia tornaram-se proscritos e perseguidos como "hereges", e se tornou um grito mais estridente recentemente, quando descobriu-se o evangelho de Judas Iscariotes. e esta forma seria:

JUDAS EM VERDADE ENCARNA-SE COMO UM ELEMENTO DE DESTINO PARA A GLORIFICAÇÃO DO CRISTO, ASSIM COMO O CEGO DE NASCENÇA, QUE CRISTO DISSE TAXATIVAMENTE QUE NASCERÁ CEGO PARA  QUE A GLÓRIA DE DEUS SE MANIFESTA-SE NELE OU ATRAVÉS DELE NO MUNDO. 
JUDAS NASCE COM A ÍNDOLE DO REBELDE CONTUMAZ E DO REVOLUCIONÁRIO PLENO, QUE IDENTIFICA-SE COM A MISSÃO DE CRISTO DE TAL FORMA QUE OUSA SE SACRIFICAR PLENAMENTE FAZENDO O IMPENSÁVEL: 
ENTREGAR SEU MESTRE PARA SER MORTO PORQUE DE FATO TERIA SIDO O ÚNICO QUE REALMENTE ENTENDERA A MISSÃO DO CRISTO NA PESSOA DE JESUS. 
PORTANTO O SER "FILHO DA PERDIÇÃO" AQUI, MAIS QUE UM TÍTULO DESONROSO SERIA O MAIS HONROSO DE TODOS POIS JUDAS SURGE COMO AQUELE QUE SACRIFICA SUA PRÓPRIA PERSONALIDADE, SUA REPUTAÇÃO, SEU MINISTÉRIO, SEU LEGADO, SEU NOME, SUA MEMÓRIA, EM PROL DO CUMPRIMENTO DO QUE DEVERIA ADVIR AO CRISTO. SEM ELE NÃO HAVERIA CRUCIFICAÇÃO! OLHANDO POR ESTE PRISMA DEVERIA HAVER UM TRAIDOR PARA SE CUMPRIR AS ESCRITURAS, DISSE O CRISTO. 
E JUDAS ACEITA APAIXONADAMENTE ESTA FUNÇÃO PARA SI, PERDENDO SUA GLÓRIA NO MUNDO, TORNANDO-SE SINAL DE MALDIÇÃO E DE IGNOMÍNIA NO MUNDO MAS DE GLÓRIA PERENE NOS CÉUS! NESTA VISÃO RADICAL, O TERMO "FILHO DA PERDIÇÃO" NÃO É, COMO ENTENDERAM OS PRÓPRIOS PARCEIROS DELE DE MINISTÉRIO, QUE NADA TERIAM ENTENDIDO DO MISTÉRIO EXISTENTE ENTRE ELE E O CRISTO, E DAS PALAVRAS DESTE, UM TERMO QUE DEFINE O DESTINO FINAL DE JUDAS NO MUNDO DO ALÉM MAS NO MUNDO DUAL EM QUE VIVEMOS, NESTE MUNDO ILUSÓRIO, NESTE SISTEMA QUE TUDO DESVIRTUA E DENIGRE. JUDAS PERDEU-SE PARA O MUNDO, PERDEU SEU NOME E SUA MEMÓRIA E SE TORNOU VOLUNTARIAMENTE O ÍCONE SUPREMO DA PERDIÇÃO PARA QUE CRISTO PUDESSE SEGUIR EM FRENTE COM SUA MISSÃO!!!

Não vou aqui assinar embaixo de nada, nem da visão ortodoxa e tradicional de Judas nem desta visão radical, só peço que reflitamos o quanto de MAL causou esta visão de predestinação para a mensagem cristã e se vale realmente a pena sermos assim tão duros com este apóstolo afinal, pois sem ele será que teríamos o fim que tivemos e que entendemos vital para todo o processo de redenção humana?

V. A IDENTIFICAÇÃO COM CRISTO E CONSEQUENTEMENTE COM DEUS CAUSA CISÃO COM O MUNDO, ESTE SISTEMA QUE GOVERNA A MILÊNIOS A EVOLUÇÃO HUMANA.

Mas agora vou para ti, e digo isto no mundo, para que tenham a minha alegria completa em si mesmos.
Dei-lhes a tua palavra, e o mundo os odiou, porque não são do mundo, assim como eu não sou do mundo.
Não peço que os tires do mundo, mas que os livres do mal.
Não são do mundo, como eu do mundo não sou.
¶ Santifica-os na tua verdade; a tua palavra é a verdade.
Assim como tu me enviaste ao mundo, também eu os enviei ao mundo.
E por eles me santifico a mim mesmo, para que também eles sejam santificados na verdade.


Mundo para Jesus, mais que a materialidade em que estamos encarnados era o SISTEMA que domina os humanos, que controla o inconsciente coletivo humano, que controla a sociedade humana. Um sistema ególatra, que separa, divide, que tirá do homem a dádiva da unidade em amor.

Neste mundo, não só material, espaço/temporal mas principalmente dominado pelo senso e sentido de QUEDA e do domínio do Ego, cuja personificação mais drástica é o Satã das tradições, seus discípulos e seus seguidores deveriam viver, transitar, inter relacionar-se, inclusive com pessoas diametralmente opostas a esta nova criação que representavam. Desta forma, Cristo não pede que os mesmos sejam ocultados neste mundo ou retirados dele, ao contrário; que estejam PLENAMENTE CONSCIENTES NELE, conscientes de quem são, do que representam, e do que podem fazer com esta ciência. A única coisa que ele pede, como falei lá em cima, é que sejam livres do mal, e este mal é serem dominados por este sistema perdendo o Senso de serem unos com Cristo e com Deus.

Como já comentei este ponto no texto original penso que a meu ver devo me limitar a isto.


VI. A MISSÃO CRÍSTICA DOS VERDADEIROS CRISTÃOS NO MUNDO.

 Assim como tu me enviaste ao mundo, também eu os enviei ao mundo.
E por eles me santifico a mim mesmo, para que também eles sejam santificados na verdade.
E não rogo somente por estes, mas também por aqueles que pela tua palavra hão de crer em mim;
Para que todos sejam um, como tu, ó Pai, o és em mim, e eu em ti; que também eles sejam um em nós, para que o mundo creia que tu me enviaste.
E eu dei-lhes a glória que a mim me deste, para que sejam um, como nós somos um.
Eu neles, e tu em mim, para que eles sejam perfeitos em unidade, e para que o mundo conheça que tu me enviaste a mim, e que os tens amado a eles como me tens amado a mim.
¶ Pai, aqueles que me deste quero que, onde eu estiver, também eles estejam comigo, para que vejam a minha glória que me deste; porque tu me amaste antes da fundação do mundo.
Pai justo, o mundo não te conheceu; mas eu te conheci, e estes conheceram que tu me enviaste a mim.
E eu lhes fiz conhecer o teu nome, e lho farei conhecer mais, para que o amor com que me tens amado esteja neles, e eu neles esteja.


Vemos que ser um cristão de fato é muito mais que aceitar Jesus como seu salvador em uma denominação religiosa, ou seguir a mesma, por melhor que esta seja. Ser cristão é em primeiro lugar entender-se um representante de Cristo no mundo. Ser enviado por Cristo para o mundo, é uma constante no verdadeiro cristão. Ele não é um elemento ausente, ainda que seja alienígena, já que agora participa de outra essência de Ser. Ele é um elemento novo que deve atuar no mundo para contagiar outros! De certa forma não é muito diferente de um vírus! Um vírus modifica internamente a pessoa contagiada, certos vírus são tão potentes que mesmo não matando mudam estruturalmente a pessoa em questão de tal forma que até os descendentes que ele ou ela gerarem nascerão com seu gene modificado! Espiritualmente falando, ser cristão é ter seu "gene" modificado de tal forma que ao atuar no mundo contagie outros, estes se tornam figuradamente descendentes do cristão, seus filhos e filhas(dai o termo apostólico " filhos na fé"), se tornam completamente, estruturalmente, diferenciados dos demais humanos! E assim sua forma de ver a vida e agir na mesma muda radicalmente.

Ser cristão é tornar-se crístico, um renascido em Cristo, na obra de Cristo Jesus, aquilo que Ele manifestou na evolução humana: o Cristo Interno! Este, que era desde a fundação do mundo, quando o Cristo desce do Pai e verdadeiramente é morto, crucificado na matéria, esta forma embrionária no humano. Agora, mediante o encarne pleno e consciente do Cristo na figura de Jesus e de sua vitória sobre a morte, se torna um elemento DESPERTO dentro de quem se apropria deste legado.
Este se torna um RENASCIDO de fato e de direito, um renascido na VERDADE, e esta Verdade é que somos UM com Deus e só nos esquecemos disto nos tempos posteriores ao evento QUEDA. Ali perdemos a unidade porque o Amor foi deixado de lado pela suspeita! A suspeita não significa que não haja Amor, significa que não confiamos plenamente em nós mesmos e em quem amamos. Devemos simplesmente fazer o movimento de deixar o Amor QUE JÁ EXISTE, se plenificar em nós e assim acabar com toda a suspeita. E neste momento paradoxalmente, quando deixamos o Amor em nós, fazer este movimento de plenitude em nós, se porventura houver falsidade ela será revelada pois o que é falso não permanece diante do Amor Puro!

Assim este UM em AMOR é revelado com proficiência por Jesus no restante de sua oração.

Esta unidade deste novo humano, desta nova humanidade deve ser uma realidade NO AQUI E NO AGORA, em amor, não algo futuro.

Ser cristão de fato é viver Cristo agora, ser Cristo atuante no mundo como Jesus foi, pois ninguém pode cumprir tal vocação se assim não o for.

O resultado desastroso que vemos no cristianismo no decorrer dos milênios, que de promissor PORTAL CRÍSTICO se tornou numa miríade sem fim de seitas, cada uma se achando mais depositária da Verdade que as outras, e pior; confrontando violentamente não somente as demais religiões mas umas as outras, é resultado desta perca de perceber-se capaz de ser UM COM CRISTO, E COM DEUS E CONSEQUENTEMENTE UM COM OS DEMAIS IRMÃOS E IRMÃS, UM COM CADA SER HUMANO DA TERRA E UM COM TODOS OS DEMAIS SERES VIVOS!

Somente no Amor esta unidade se realiza!

Somente no amor podemos de fato sermos cristãos!

Fora isto, o que se tem são seguidores de religião, em NADA diferentes dos demais seguidores de outras religiões deste mundo que o cristianismo nominal rejeita!

Já um cristão genuíno vê nas demais religiões, tradições genuínas, deturpadas sim, no correr dos milênios, mas nascidas do mesmo veio de revelação noética, pois seja Noé um fato só simbólico ou realmente literal, há que haver uma continuidade entre ele, seus filhos e todas as tradições religiosas da terra, pois todos são descendentes dele e partiram com suas tradições advindas dele, para povoarem a terra pós diluvio. Veja, não estou a afirmar que as coisas se deram desta forma, ainda que sou propenso a crer que possa ter sido, estou afirmando que um cristão genuíno, quer entenda tudo isto da perspectiva simbólica ou literal, deve ver a religiosidade humana como um veio que nasce em uma fonte comum, pois assim reza sua mais remota tradição, seja esta literal ou não!

Em Noé, Sem, Cam e Jafet e seus descendentes nasce quer simbolicamente quer literalmente todas as nações da terra, todos os povos, e consequentemente todas as tradições espirituais!

O que as mesmas se tornaram ao longo do tempo, dai é outra história; pois um cristão genuíno percebe esta mesma deterioração no cerne do próprio cristianismo, nos confrontos doutrinários entre os milhares de ramos que surgiram da raiz original de Jerusalém, e percebendo que estes confrontos se alicerçam mais em picuinhas e detalhes, nota que o mesmo se dá entre o cristianismo e outras religiões. 

Um verdadeiro cristão vê o cristianismo como a religião original da humanidade, como Agostinho via, pois enxerga o elemento crístico, embrionário em todas as tradições religiosas da terra anteriores à manifestação do Cristo em carne, portanto vê Cristo além da religião que se formou em torno de seu encarne na terra. O vê como um elemento vivo e vital dentro de todas as tradições religiosas ainda que com outros nomes como Vishnu, Dioniso, Mitra, etc...mas absolutamente o MESMO ser, porque nascidas nas tradições noéticas ante diluvianas não poderia ser diferente.

Assim quando ele(Agostinho) deixa os cultos de mistérios e se torna cristão, ele não se vê como um convertido, mas sim como alguém que deixou uma tradição onde o Cristo era visto de forma embrionária para outra onde ele se torna revelado plenamente!

Claro que quando falo isto falo da perspectiva da compreensão maior no veio cristão de então desta unidade nossa em Cristo, desta mensagem clara de que Cristo Jesus revela o Pai ao mundo e despertar o Cristo em nós, que é plenamente vivo no cristianismo de então no que era meramente conceitual nos mistérios de onde ele parte. Mas pela frase atribuída a ele percebe-se que sua compreensão crística apenas se expande, ele não rejeita seu passado mas o entende de forma contínua com sua nova perspectiva... algo válido e absolutamente em harmonia com a melhor compreensão que tem do Cristo em si quando se torna um cristão de fato e de direito.

Ser um cristão é ser objeto da oração do Cristo...ele orou par cada cristão, ser objeto de oração do próprio Ser ciente de Si mesmo não tem preço!

Ser cristão é entender-se como tão unido ao Cristo em Si que quando partirmos desta vida estaremos atuantes nos multi versos de vida em plena unidade com Cristo Jesus, o nosso Senhor e Salvador, o Libertador dos cordéis da ignorância para o conhecimento do que de fato SEMPRE fomos!

Ser cristão por fim é ver que Cristo Jesus como Salvador é a Revelação do Cristo Interno em nós, o verdadeiro elemento que salva no humano!

Aceitar o Cristo externo revelado sem de fato nascer de novo, para o elemento crístico dentro de si não conduz a nada a não ser decepção. Neste contexto mais profundo da compreensão da grande revelação crística no mundo, cada um de nós somos salvadores de nós mesmos e mais ninguém!
O que Cristo Jesus fez foi de forma geral, genérica e coletiva NECESSÁRIA para o processo de Salvação e vital, mas a sequência disto é que... cada um que se apropriar desta obra deve perceber que só será "salvo" se O CRISTO FOR FORMADO EM SI, ver-se como o Cristo em ação no mundo!

Sem isto será um mero frequentador de Igreja, um, como diz o Cristo glorificado em Apocalipse, que "tem nome que esta vivo mas esta em verdade...morto", pois o Cristo em si nunca despertou, numa deixou de ser um embrião!

A Salvação humana da ilusão deste mundo é um processo que começa desde o primeiro avatar de luz que se manifestou no mundo, desde cada grande luminar revelador dos mistérios divinos, culmina na encarnação do Cristo cósmico na pessoa de Jesus e sua obra vital de revelação do Pai e formador do Cristo em nós...este sim, o elemento que salva e que é retratado por Cristo Jesus na figura e obra do Espírito Santo, o consolador, que deveria vir, que era necessário vir, para que o processo de salvação se efetivasse de fato. Cristo morre, ressuscita e ascende...mas não para ai...há que vir o Consolador, inundar o homem de fogo divino e neste cadinho alquímico fazer surgir neste o Cristo vivo e interno!

EIS A SALVAÇÃO, O PRÓXIMO PASSO NATURAL DO PROCESSO SERÁ...A ASCENSÃO!

E aqui esta o resultado mais sublime e potente desta oração de Jesus, a revelação da próxima encarnação do Cristo...a mais gloriosa de todas, inclusive da de si mesmo encarnado no mundo... como diz Paulo em Coríntios, a maior de todas as revelações crísticas será quando tudo e todos se tornarem UM em Cristo, e este uma realidade vital em todos! 

Aquilo que muitos chamam de "Avatar coletivo de síntese" será... Cristo sendo tudo em todos... e então Cristo se tornando dominante em tudo e em todos se submeterá, como diz Paulo ao Pai, para que Deus seja tudo em todos! 

E, quando todas as coisas lhe estiverem sujeitas, então também o mesmo Filho se sujeitará àquele que todas as coisas lhe sujeitou, para que Deus seja tudo em todos. 1 Coríntios 15:28

É ou não é uma Grande Síntese!?

A palavra submeter aqui seria melhor exemplificada se entendêssemos como o Cristo em cada um de nós nos tornando absolutamente unificados com o Centro de toda a Vida...submeter-se em verdade é tornar-se UM COM A FONTE, não mais haver diferença entre doador e receptor, nos tornarmos doadores como Deus!

 Nós tornarmos Deus em ação em tudo, e em qualquer parte sermos Deus manifestando-se através de nós!

Eis o glorioso destino, e somente assim gosto de citar tal palavra, antevisto nesta poderosa oração de Jesus!

Aqui termina minha jornada neste mergulhar crístico, deste texto, mas não termina dentro de mim ou dentro de ti, ao contrário; é um processo perene de auto descoberta e de potencialização divina!

SIGAMOS EM FRENTE!

Em amor e luz

Valter Taliesin


Paz e Bem


VÍDEOS SAGRADOS

LÉIA MIRANDA - SER CRISTÃO

YESHUA HA MASHIACH

PRISMA BRASIL - DISCÍPULO TEU

MICHAEL W SMITH - AGNUS DEI 

ALINE BARROS - RESSUSCITA-ME

MAHALYA JACKSON - AMAZING GRACE

DIANTE DO TRONO - CORAÇÃO IGUAL AO TEU

PAUL WYLBUR - ADONAI

FONTE YOUTUBE





FONTE DE IMAGENS GOOGLE









Nenhum comentário:

Postar um comentário