Google+ Badge

quarta-feira, 6 de novembro de 2013

O PROFUNDO MISTÉRIO DE DEUS E DA VIDA...





O caminho para os humanos sairem das brumas da ilusão continua o mesmo desde que os grandes mestres e avatares trouxeram suas mensagens ao planeta.

Nunca mudou um centímetro, um milímetro.

Uma coisa são os métodos empregados, as técnicas espirituais outra bem diferente o caminho.

O caminho continua sendo... O CAMINHO...

Ele é a fonte que jorra para a vida eterna e que flui a partir de DENTRO da pessoa.

Tudo o que vem de fora é emprestado, o que vem de dentro é SEU nasce em ti.

Assim a salvação não pode ser emprestada, não pode ser um sacrifício externo de nada, nem de ninguém. Ainda mais um sacrifício de sangue. Isto é uma mensagem reptiliana. Imaginarmos que sangue de mártires, ou do filho único de Deus é o único sacrifício aceitável para Deus pelos pecados humanos é algo tão assustadoramente semelhante aos rituais satânicos onde vítimas humanas são imoladas que me perguntaria eu; que diferença teria entre um e outro? Este Deus e este tal Demônio?

Sinceramente a meu ver nenhuma!

Eu não consigo ser hipócrita!

Me perguntaram uma vez porque que eu não continuei exercendo minhas funções na Igreja cristã tradicional, ainda que pensando radicalmente diferente deles em muitos pontos essenciais, alegaram que assim eu poderia ajudar muita gente e no oculto, no profundo do ser, eu poderia viver a minha verdade essencial sem nenhum problema.

Certo...

Mas acontece que ESTE é o problema...Eu não consigo!

Pregar que Cristo morreu na cruz pelos meus pecados, que Deus instituiu os sacrifícios de sangue desde a época de Adão como única forma de satisfazê-lo por causa de nossa queda e que esta SATISFAÇÃO SUPREMA se deu quando Ele mesmo na figura de seu filho morreu pelos nossos pecados DE VEZ...


Vejamos porque isto me é difícil e sinceramente acho que deveria ser para todo ser pensante...

1. DEUS NECESSITAR DE SANGUE.
2. DEUS NECESSITAR ENCARNAR PARA MORRER POR NÓS.
3. MESMO DEPOIS, DESDE ESTE 'SACRIFÍCIO ETERNO', AQUELES QUE CRÊEM NO CRISTO TEREM QUE MORRER COMO MÁRTIRES NOS CIRCOS ROMANOS, NAS FOGUEIRAS DE INQUISIÇÃO ETC...SE O TAL SACRIFÍCIO ETERNO JÁ TINHA SIDO FEITO?...


Sei que cada teólogo cristão ortodoxo ou fundamentalista do mundo tem uma série de respostas prontas para todas estas indagações. Sei que menosprezam quem não tem a dita teologia deles(sim...cada grupo tem a sua e duvida da teologia do outro) para explicar tais 'mistérios' mas na BASE para mim em NADA diferencia-se os sacrifícios feitos a YHVH ou a necessidade de Cristo morrer pelos pecados de muitos, e o sangue dos mártires que não atingiram ainda sua cota de sacrifício, dos sacrifícios de sangue de outras religiões...

Que moral tem uma religião que sempre dependeu de sangue para criticar os sacrifícios sangrentos de outras?

Ainda mais reforçando que apesar de hoje isto não ser mais necessário isto o foi no passado culminando no Cristo e que de vez enquanto um ou outro mártir é aceitável aos olhos da divindade?

SIM!

Em nenhum destes atos é a divindade em si que sacrifica e tenho eu minhas dúvidas se também alguma vez ela o exigiu que se fizesse, pelo menos um Deus realmente justo e de amor, e sinceramente, só o fato de imaginar que a divindade poderia exigir tal coisa em nada me parece diferenciá-la de um Moloque...por mais contorcionismos doutrinários e teológicos que façam!

Gastaria meu tempo aqui se fosse expor literalmente todos os textos de sangue que existem na Bíblia e que se vistos apenas pela ótica LITERAL fariam da religião judaico/cristã algo tão hediondo quanto o suposto culto de Moloque e outros do gênero, o mesmo se diria se analisássemos cruamente a história eclesiástica.

Sempre defendi e defendo aqui uma leitura figurativa, analógica, alegórica, simbólica, espiritual das escrituras independente de que os fatos ali tenham acontecido ou não porque mais que PALAVRA DE DEUS entendo que a mesma seja o registro da BUSCA POR DEUS da humanidade. E nesta busca muita coisa certa e errada foram feitas como 'agradáveis' a Deus, mas reconheço que certo textos dos livros sacros só são tragáveis com MUITA boa vontade figurativa, analógica, alegórica, simbólica e espiritual tal a crueza sanguino lenta neles inserida, tal a crueza antropo mórfica vista na divindade e quase um sadismo extremos deste em lidar com os humanos.

Mas acredito que se desprezarmos o literal e entrarmos no terreno do mito não só a Bíblia mas QUALQUER livro religioso e QUALQUER religião da terra fará mais sentido a nossa sensibilidade do que a literalidade, sejam os cultos a Baco, o oráculo de Delfos, os mistérios egípcios, os rituais celtas, maias, hindus etc...

Que o sangue humano não deva ser um tabu tão grande assim para Deus é um fato, basta vermos as guerras inumeráveis que já tivemos, as crianças mortas noite e dia sem cessar de diversas formas sofríveis e a própria existência da morte em si...

Neste sentido a visão do Gita soa muito mais sincera aos meus ouvidos que a própria interpretação bíblica dos teólogos por exemplo, por reconhecer-se em Krishna o tudo e o nada...a luz e as trevas universais...o criador e o destruidor...e não insistir-se num Deus de PURO AMOR que tem no curriculum tanto sangue e não deixa de ser diferente de um Satan, que faz a mesma coisa, num exercício absurdo de linguagem sem fim.

O que vemos no Gita é a crueza literal com sinceridade enquanto que o que vemos nos interpretes da Bíblia modernos é a maquiagem absurda sobre uma literalidade absolutamente in contestável se tomada ao pé da letra....


UM DEUS DE SANGUE SEMELHANTE A QUALQUER DEIDADE DE SANGUE DE QUALQUER OUTRO POVO!

O que o Gita e seus interpretes fazem é usar esta literalidade universal, ESTA DOR, ESTE SANGUE TODO para mostrar que o sofrimento não é algo dissociado do divino enquanto este seja absolutamente a Fonte de todas as coisas mas que este sofrimento é uma constante opção humana não uma imposição divina. Já os cultores da literalidade bíblica pregam que sim, somos responsáveis pela dor do mundo ao pecarmos mas que Deus EXIGE que matemos animais e depois seu próprio filho se quisermos nos remir de tal pecado e que SEM ISTO...não existe salvação. E os tais ainda tem a cara de pau de dizer que Krishna no Gita é uma versão de Satan pois se diz o Deus absoluto onde tudo tem origem tanto o bem quanto o mal...

Entretanto esta é a diferença entre visões que fazem da divindade e dos intérpretes (literais ou não)do Gita mais sinceros que os literais da Bíblia; se tomarmos as duas divindades na literalidade AMBAS são tanto boas quanto más...tanto luz quanto trevas....a diferença é que a divindade do Gita aceita isto naturalmente e a versão bíblica tenta negar o in contestável pela boca dos intérpretes da Bíblia.

Olhando o fenômeno da vida e da morte no mundo a meu ver a visão Gita mesmo na crua literalidade me parece muito mais sincera e honesta que a dos intérpretes da literalidade bíblica.

Sim, pois quando Krishna explica para Ar juna porque ele tem que matar os seus semelhantes diante do que a divindade disse de si mesma eu consigo entender e compreender todo o processo pois a divindade se identifica com os dois lados da moeda mas quando o Deus da Bíblia manda Abraão sacrificar seu filho ainda que seja de mentirinha(Abraão não sabia que era um teste) ou Jefté sua filha prometida, ele prometeu que aquilo que viesse ao seu encontro ele ofereceria em holocausto a Deus(os contorcionismos teológicos alegam que ele não a sacrificou literalmente mas sua virgindade) e mais, quando ele manda matar TODOS os cananeus desde a criança de colo ao mais velho e depois querem dissociá-lo do mal universal, isto me é completamente inadmissível.

Por fim, ambas as escrituras tanto o Gita quanto a Bíblia comportam a leitura figurativa, alegórica, analógica, simbólica e espiritual além da literal mas quando fazemos isto no Gita a literalidade dele nos fere menos os sentidos que a bíblica exatamente por causa da SINCERIDADE da divindade em dizer-se o tudo e o nada, a luz e as trevas, a vida e a morte universal enquanto que a deidade bíblica ao ser identificada apenas como a fonte de vida pelos intérpretes teológicos e a necessidade de um Satan inimigo de Deus e da humanidade para explicar o lado oposto fica totalmente sem explicação quando por exemplo envia um ESPIRITO DE MENTIRA para falar na boca dos profetas em torno de Acabe para que este  vá e morra em batalha...SIM foi a divindade quem disse isto e enviou segundo o profeta e não o Satan opositor...


(Então o rei de Israel reuniu os profetas até quase quatro centos homens, e disse-lhes: Irei à peleja contra Ramote de Gileade, ou deixarei de ir? E eles disseram: Sobe, porque o Senhor a entregará na mão do rei.
Disse, porém, Jeosafá: Não há aqui ainda algum profeta do Senhor, ao qual possamos consultar?
Então disse o rei de Israel a Jeosafá: Ainda há um homem por quem podemos consultar ao Senhor; porém eu o odeio, porque nunca profetiza de mim o que é bom, mas só o mal; este é Micaías, filho de Inlá. E disse Jeosafá: Não fale o rei assim.
Então o rei de Israel chamou um oficial, e disse: Traze-me depressa a Micaías, filho de Inlá.
E o rei de Israel e Jeosafá, rei de Judá, estavam assentados cada um no seu trono, vestidos de trajes reais, na praça, à entrada da porta de Samaria; e todos os profetas profetizavam na sua presença.
E Zedequias, filho de Quenaaná, fez para si uns chifres de ferro, e disse: Assim diz o Senhor: Com estes ferirás aos sírios, até de todo os consumir.
E todos os profetas profetizaram assim, dizendo: Sobe a Ramote de Gileade, e triunfarás, porque o Senhor a entregará na mão do rei.
E o mensageiro que foi chamar a Micaías falou-lhe, dizendo: Vês aqui que as palavras dos profetas a uma voz predizem coisas boas para o rei; seja, pois, a tua palavra como a palavra de um deles, e fala bem.
Porém Micaías disse: Vive o Senhor que o que o Senhor me disser isso falarei.
E, vindo ele ao rei, o rei lhe disse: Micaías, iremos a Ramote de Gileade à peleja, ou deixaremos de ir? E ele lhe disse: Sobe, e serás bem sucedido; porque o Senhor a entregará na mão do rei.
E o rei lhe disse: Até quantas vezes te conjurarei, que não me fales senão a verdade em nome do Senhor?
Então disse ele: Vi a todo o Israel disperso pelos montes, como ovelhas que não tem pastor; e disse o Senhor: Estes não têm senhor; torne cada um em paz para sua casa.
Então o rei de Israel disse a Jeosafá: Não te disse eu, que nunca profetizará de mim o que é bom, senão só o que é mal?
Então ele disse: Ouve, pois, a palavra do Senhor: Vi ao Senhor assentado sobre o seu trono, e todo o exército do céu estava junto a ele, à sua mão direita e à sua esquerda.
E disse o Senhor: Quem induzirá Acabe, para que suba, e caia em Ramote de Gileade? E um dizia desta maneira e outro de outra.
Então saiu um espírito, e se apresentou diante do Senhor, e disse: Eu o induzirei. E o Senhor lhe disse: Com quê?
E disse ele: Eu sairei, e serei um espírito de mentira na boca de todos os seus profetas. E ele disse: Tu o induzirás, e ainda prevalecerás; sai e faze assim.
Agora, pois, eis que o Senhor pôs o espírito de mentira na boca de todos estes teus profetas, e o Senhor falou o mal contra ti.1 Reis 22:6-23)


Em suma, acho que o problema da Bíblia não é o Deus que ela apresenta mas as interpretações teológicas ao longo dos tempos dissociando-o da vida como um todo tanto seu lado luz quanto seu lado trevas pois Deus se realmente existe esta absolutamente ligado a tudo e todas as coisas, sejam elas boas ou más.

Mesmo que seja a forma gnóstica  mais usual de vermos a vida ou seja; de que na verdade o mundo material tem origem demiúrgica rebelde... mesmo nesta visão, ainda teremos que confrontar Deus diante desta entidade e o porque de tanta demora em resolver-se esta situação se o demiurgo fez tudo absolutamente contra a vontade da divindade que é toda bondade. Ou seja; mesmo a visão mais suportável do cristianismo tenta isentar 'o verdadeiro Deus' do mal no mundo criando um Deus menor, um substituto de sangue para Ele mas a pergunta básica...


-PORQUE UM DEUS ABSOLUTAMENTE DE AMOR E TODO PODEROSO DEIXARIA UM DEMIURGO PINTAR E BORDAR AQUI?....

FICA SEM RESPOSTA MUITO MAIS DO QUE A VISÃO DO GITA A MEU VER E DE UMA LEITURA MAIS CRUA DA BÍBLIA ENTENDENDO DEUS COMO LUZ E TREVAS, BEM E MAL, FONTE DE ABSOLUTAMENTE TUDO E DE ONDE SE O HOMEM FIZER O BEM OBTERÁ O BOM E SE FIZER O MAL OBTERÁ O MAL. NÃO QUE DEUS SEJA DUAL, LONGE DISTO, MAS COMO CAUSA E EFEITO UNIVERSAL ELE É SIMPLES MENTE ACIMA DE QUALQUER DUALIDADE APESAR DE TODA DUALIDADE SE MANIFESTAR A PARTIR DELE OU SEJA; DAQUILO QUE OS SERES CIENTES MANIFESTOS POR ELE MANIFESTAM EM SI ATRAVÉS DO LIVRE ARBÍTRIO...SIM...LIVRE ARBÍTRIO, NO FIM ESTA É A GRANDE EXPLICAÇÃO DE TUDO ISTO E MAIS NADA.


Deus em sua perfeição e inteireza é a Fonte de tudo de bom ou ruim que acontece no universo porque ele é A ÚNICA VIDA REAL que existe, mas enquanto manifestação Ele se fez multiplicidade e individualidades em sua criação e são estas em suma que ao escolherem criam no universo o ambiente dual que conhecemos.

Um Deus assim portanto não se dissocia do mal mas coloca-o EM SI na perspetiva correta ou seja; UMA DETURPAÇÃO DA VIDA, UMA DETURPAÇÃO DA ENERGIA CRIATIVA, não dissociada de Deus enquanto energia mas sim de sua Vontade, Amor e Sabedoria enquanto entidade manifestante suprema...

O problema universal esta naquilo que nos é mais precioso...

NOSSA LIBERDADE!

Sem ela nos sentiríamos realmente livres?

Sem ela nos sentiríamos realmente amados?

Sem ela nos sentiríamos realmente responsáveis?

Sem ela nos sentiríamos realmente unos com Deus?

E justamente é ela que usando a energia divina pode criar a luz e trevas no mundo e exatamente porque Ele é a Fonte de absolutamente tudo que Deus não diz que o mal nasce à parte de si mas tem origem na energia do bem desvirtuada advinda...DELE!

Há uma moralidade universal?

HÁ!

Tanto no Gita quanto na Bíblia mesmo na crueza literal percebemos isto, mas esta moralidade que é O AMOR DIVINO, O BEM SUPREMO como Fonte de tudo o que é perfeito só pode ser manifesto pelos seres cientes quanto optam livremente por isto, do contrário  o que manifestam é o seu oposto.


Neste contexto podem existir tanto um Satan cristão quanto um Demiurgo gnóstico quanto nada disto pois em suma; o livre arbítrio tanto faria um humano escolher entre o bem e o mal quanto um hierarca espiritual de grande envergadura faria o mesmo e a partir disto espalharia como que por osmose o mal em toda criação que  empatizasse com ele, vibrasse na mesma energia...mas repito...Deus no fim de tudo seria a FONTE de absolutamente tudo enquanto Fonte da energia da vida ainda que não do desejo de que seus filhos fizessem da criação a dor e maldade que foram feitas, mas ao - graças a Deus - permitir que sejamos livres, Ele acaba sendo indiretamente mas sendo...a Fonte da vida e da morte.

É fácil falar destes assuntos?

Claro que não!

Se fosse não existiriam tantas religiões no mundo e tantas seitas dentro de cada religião e inclusive os sem religião, e os sem absolutamente fé alguma.

O paradoxo da vida é não ser absolutamente fácil de ser vivenciada quanto mais explicada!

O paradoxo de Deus é exatamente o mesmo!

Mas todos nós conhecemos o que é bem e mal, o que causa o que é bom ou ruim, o que abençoa e o que amaldiçoa...sabemos que, como o Cristo disse; se fizermos ao semelhante aquilo que gostaríamos que ele fizesse à nós estaríamos fazendo o que é certo e que se amassemos a Deus sobre todas as coisas e ao próximo como a nós mesmos estaríamos cumprindo toda a lei da vida pois ao amarmos Deus sobre todas as coisas estaríamos amando a Fonte de vida em nós, esta Fonte que jorra para a vida eterna, O Caminho real de retorno à divindade, e que isto não é fazer de Deus algo especial e superior a nada mas fazer de nós mesmos UNOS COM A FONTE DA VIDA e desta forma o segundo mandamento que é complemento do primeiro seria uma tremenda e revolucionária realidade no mundo...AMARMOS AO PRÓXIMO COMO A NÓS MESMOS...

Se tais mandamentos fossem vivenciados pelos humanos não estaríamos até hoje discutindo se Deus é isto ou aquilo ou se existe ou não, se tal religião é assim ou assado, se tal livro sacro deve ser lido e interpretado assim ou de outra forma...

ESTARÍAMOS A MUITO TEMPO VIVENDO DEUS NA TERRA!


Paz profunda

Valter Taliesin

VÍDEOS SAGRADOS

BACH

MOZART

DEBUSSY

BRAHMS

 WAGNER

DVORAK

FONTE YOUTUBE




Fonte de imagens Valter e Google imagens


  



Nenhum comentário:

Postar um comentário