Google+ Badge

segunda-feira, 20 de janeiro de 2014

O SAGRADO E O DIVINO MISTÉRIO EM NÓS...




Estar diante do mundo, não a criação em si mas o sistema, o que a milhares de anos viemos forjando e nos permitindo vivenciar e NÃO SER este mundo, este sistema, é o grande desafio dos buscadores da luz em todos os tempos.
E quanto mais o tempo passa mais complexo e intrincado se torna este desafio.
Buscamos soluções nas religiões e NADA!
Buscamos soluções nas ideologias e NADA!
Buscamos soluções nas filosofias e NADA!
Porque?
Porque tudo esta viciado com a energia desvirtuada do sistema.
Tudo esta emaranhado no inconsciente coletivo humano tanto para bem como para mau.
Este é o mundo que Cristo denuncia, é deste mundo que ele NUNCA FOI E JAMAIS SERÁ, não falava ele da criação material mas da materialização do egoísmo, da separatividade, da exclusividade, do sectarismo, do hedonismos dos humanos através de seus governos, partidos, escolas, religiões, raças, famílias etc...
Um mensageiro sagrado vem, traz uma mensagem de luz que ilumina, contagia e transforma vidas e passada uma geração aquela mensagem já foi absorvida pelo sistema, digerida por ele e transformada em algum inútil contra ele. Os seguidores passam então primeiro a contender com os 'de fora' depois com os 'de dentro' dai vem as cisões, as divisões, as guerras fratricidas...
Por isto Cristo disse não ser do mundo, porque não só o que ele trazia mas o tipo de vida que levava e nos ensinou a levar era um rompimento radical com o mundo, com o sistema.
Suas parábolas eram metáforas deste rompimento, seus ensinos as armas sagradas para desmontá-lo e sua vida um exemplo de como aparentemente perder para na verdade ganhar do sistema.
Olhando sua missão da perspectiva humana 'mundana' foi um derrotado, mesmo se olharmos da perspectiva da religião que montou-se sobre ele, seus ensinos e sua paixão. Mas se olharmos com olhos que tudo vê, com olhos espirituais veremos o rio cristalino que ele fez jorrar dentro de cada um que verdadeiramente entendeu o que ele pregou, ensinou e viveu...e não só ele mas cada um dos grandes avatares.
Mesmo seus ensinos tendo se cristalizado na consciência humana e na gigantesca maioria ter se tornado mais veneno que remédio por meio de uma alquimia algo diabólica que só fanatizados sabem perpetrar, ainda assim o poder dos ensinos destes homens e mulheres se revelam transformadores quando aparece alguém com olhos para ver e ouvidos para ouvir.
Dai percebe-se o rio cristalino que eleva a alma até as mais altas esferas do ser, acima do bem e do mal, acima de todos os paradoxos, acima de todas as coisas. A alma assim se eleva e enleva outras almas e A OBRA é feita.

Amor e Luz

Valter Taliesin


Responder às mesmas questões com as mesmas respostas...
Não somos programados, robotizados...
Somos seres que podem recriar seu universo a partir de novas respostas que possamos dar a velhas questões.
À questão, Deus existe ou não? Como temos respondido?
Com crença ou com descrença?
Alguma das duas é realmente melhor que a outra?
DEUS É REALIDADE!
Realidade se vive!
Se alguém diz crer em Deus mas NÃO VIVE DEUS que testemunho tem em si deste Deus?
NENHUM!
Se Deus é a realidade aquele que crê mas não o vive e aquele que descrê estão presos à ilusão dos sentidos, estão vendo o mundo, a vida, a si mesmos e Deus com o olhar dos sentidos comuns, hodiernos, os quais usamos para captar apenas o sensorial. E ainda assim como algo inanimado, objeto criado por um Deus distante de sua criação por parte daquele que crê e algo fortuito casual(e não causal) pela compreensão daquele que descrê.
Tanto um quanto o outro não estão com os olhos interiores abertos para captar o mistério da existência, da vida pois encaram a mesma com formas pré concebidas de olhar.
Um agnóstico ainda que não viva Deus como realidade mas que esteja aberto, com olhar inquiridor sobre a vida e não pré concebido tem muito mais vantagens de penetrar nos mistérios do universo do que aquele que crê mas não VIVE Deus em si e do que aquele que fechou-se absolutamente para qualquer pergunta crendo ter encontrado em sua não fé a razão de tudo.
E as respostas repetitivas e muito mais cansativas que são nossas atitudes diárias com respeito ao amor, família, trabalho, estudos, amizades, sexo, diversões etc?
Quantas vezes repetimos os mesmos padrões, os mesmos roteiros, as mesmas histórias só mudando os protagonistas?
Como um pianista que apesar de ter todos os dedos das mãos só tocasse uma nota só para todas as canções?
Vejam quanto desperdício de talento, de dons, de tempo, de encarne?
A nossa sorte é que o divino em nós NADA tem como perdido, esta é uma visão fundamentalista de céu e inferno eternos depois de um encarne só! Algo para mim totalmente estranho ao amor de Deus e sinceramente se isto for, é um grande desperdício de criação e como não admito que eu enquanto ego vendo isto seja mais inteligente que Deus e se eu posso ver o absurdo disto quanto mais ele, entendo então que a Bondade divina pega nossas lambanças, nossas tranqueiras, o lixo que fazemos noite e dia sem cessar e TRANSMUTA em novas oportunidades de futuros encarnes para que SIM, nós mesmos aprendamos a transmutar as energias por nós mesmos!
Assim olhando como ego personalidade o 'desperdício' se torna em material para novas oportunidades!
ESTA É A IMENSIDÃO INCOMENSURÁVEL DA REALIDADE ENTENDIDA COMO DEUS!
LIBERDADE COM RESPONSABILIDADE, AMOR COM JUSTIÇA, FÉ COM SABEDORIA!!!
E tudo, absolutamente tudo, é reaproveitado para o sagrado propósito de SERMOS Nele o Ser!!!
É uma visão vaga de Deus?
O fundamentalista dirá que sim afinal ele vê sua divindade como alguém tão personalístico quanto ele!
Mas se Deus é infinito e ilimitado como uma ego personalidade finita e limitada pode querer defini-lo a contento sem contradição?
Assim ao definir Deus só me permito usar o básico da visão do absoluto e prefiro VIVER estar realidade no meu dia a dia do que tentar provar com palavras o que cada um tenta fazer a séculos e esbarra no mesmo problema...PARA FALAR E DEFINIR O INFINITO EU DEVO SER INFINITO...PONTO...SE NÃO O SOU SÓ POSSO FALAR POR TEORIA NADA MAIS!
Assim somente quem VIVE a Realidade Divina poderia a contento definir Deus mas são EXATAMENTE estes que não o fazem porque sabem que cada ser vivo deve EXPERIENCIAR A REALIDADE DIVINA sem o que pouco valerá um iniciado tentar falar sobre ela.
Assim desde as menores questões repetitivas do nosso dia a dia até a maior de todas há que se abrir para novas respostas com humildade e honestidade, voltando-se para O Ser e nele esperando!

Paz e Bem!

Alexandre(Valter)




VÍDEOS SAGRADOS

Sinfonias de WAGNER

 











Fonte Youtube






FONTE GOOGLE IMAGENS

Nenhum comentário:

Postar um comentário