Google+ Badge

sexta-feira, 8 de agosto de 2014

A AVENTURA DE SER FELIZ...

Aventurar-se é ir mais além naquilo que sentes, te limita por dentro, te aprisiona e te impede de Ser e Fazer felicidades.
Alex(Valter) 


Ninguém por exemplo, 'perde' ninguém...as pessoas se vão de nossas vidas por uma série de motivos mas o ESSENCIAL é que no fundo nunca estiveram nelas realmente...quem realmente esteve jamais se vai...nem a morte tirá-as de nós...

Alex(Valter)


Estranho falarmos de 'jogadores',
mas aqui entendo plenamente o conceito
a que Karen se refere quanto usa este termo.
Esqueça o termo 'jogo de azar' e pense somente
na emoção das peças, do que compõe o jogo e das
pessoas afins ou não que dele participam com você.
Observe suas reações e as delas SEM julgar.
Dê o melhor de si no jogo mas mais que o resultado
foque na experiência em si. Nos contatos, no ir e vir
das coisas ao seu redor.
NESTE sentido não tem como não ver a vida como um
bom e desafiador...jogo.

Alex(Valter)


Prisioneiros não somos
Do tempo nem do espaço
Nem mesmo da terra que pisamos.
No amor fomos gerados.
No amor nascemos.

Rumi

Não prisioneiros mas sim livres...
Tempo e Espaço no verdadeiro não existem...
Terrestre é só um conceito para ESTA VIDA mais nada...
Nossa origem esta no Amor...
Nossa origem esta na divindade...
Dela viemos a ela tornaremos e se quisermos isto já começa,
aqui e agora.

Alex(Valter)


No Centro de onde tudo procede encontramos aquilo que mais nos encanta, aquilo que melhor traduz nossas buscas.
Ali somos o que somos sem máscaras.
Ali os símbolos surgem, se manifestam e compreendemos como somos compreendidos.
Ali não há medo de erros pois a Verdade é a tônica de nossas vidas.
Ali não há para cima, para baixo, para os lados, para fora ou para dentro pois tudo e todos são UM de forma absolutamente perfeita e sagrada.
Nele podemos falar e ouvir com igual autoridade pois somos o mistério que outrora buscamos e agora conhecemos.
Nele podemos sentir e ser sem complicações, sem afetações.
Apenas sentir e ser...
Apenas deixar-se penetrar pelo mistério, vivenciá-lo sem nenhum tipo de coerção ou medo.
No Centro as aparências nunca contam...
No Centro a única coisa que conta é o próprio Centro e cada um de nós como UM nele, nada mais.
O Continuum é o Centrum em expressão e expansão...
Expressão porque podem ser infinitos(ou propensos a sê-los), expansão porque estes infinitos são tanto largura, quanto comprimento, tanto altura quanto profundidade mas tudo no fim se resume e se sintetiza...no Centrum.
Paradoxo é pouco...
Mas se não o fosse seria o Centro...Centrum?!

SOHAM!

Valter Taliesin





Eternas ondas de fluidos e fluxos de energia por onde singram naus repleta de almas sedentas por aventuras.
Em cada uma destas naus um timoneiro, um guia, um líder, um guru que se coloca na posição de instrutor das mesmas em como navegar por entre as ondas e o marulhar das mesmas.
Como escolher entre tantas naus, entre tantos timoneiros?
Somente o coração pode numa hora destas ter a resposta.
Somente o pulsar vibrante dele por aquilo que vê na nau, pelo que sente nas almas que estão nela a entrar, pelo que vê e sente no timoneiro pode emitir alguma opinião sobre isto, mais nada.
Porque timoneiro e não capitão?
Porque entendo a função do timoneiro perfeita para exemplificar um verdadeiro líder e guru espiritual.
Capitão, comandante, chefe, dai para títulos mais pomposos e recheados de coisa nenhuma é um pulo.
É tão patético ver igrejas outrora quase(sim pois perfeição é um problema) puras, livres destas coisas hoje encarando um culto à personalidade e pior, nem para líderes fundadores é mas para pessoas que adentraram na nau com o tempo, tomaram a função de timoneiro e agora se sentem marajás das mesmas.
Falei igrejas mas este vício é universal e se não houver cuidado atinge a sinagoga, a mesquita, o templo, o ashram, o centro, enfim qualquer lugar onde haja busca pelo sagrado.
O fato é que ser timoneiro não é uma tarefa simples.
Além de cuidar de sua vida e AJUDAR, bem dito  e não cuidar, os outros a cuidarem das suas ainda tem que se vigiar 24 horas por dia para que não entenda tudo errado e se sinta o rei da cocada preta....
Mas por outro lado um timoneiro tem apesar do grau de responsabilidade uma função realmente sagrada e que só o divino morante neste imenso oceano de eternidade sabe o quão vasta e importante ela o é.
Seja um timoneiro(a), o melhor que possas ser, ajuda e guie da melhor forma que puderes fazer outros pelos rios, mares e o imenso oceano da Vida, não esmoreças e nem se deixe encantar demais pela função. O resto - o que o divino tem para si de verdade, de honra e glória internas de realização no Ser e não na externalidade da personalidade esfomeada as vezes por ovações - virá com o tempo!

Valter Taliesin

Este brilho que vez...

Esta luz tudo preenche.

Ela chega as vezes tão
imperceptível, tão discreta,
tao fechada em seus mistérios,
nem todas as almas humanas
parecem perceber que chegou.

Localizá-la fora de si é
o usual.

Dizer que veio de cá ou de lá
o normal...

Mas a percepção muitas vezes
pode ser falha.

Localizar a Luz é uma tarefa
que as religiões gostam de dar
para si mesmas e como tudo o
que vem da diversidade nem sempre
os pontos de identificação batem e
pior; as pessoas lutam e se matam
pelos conceitos de origem que entendem
'verdadeiros' da Luz.

A Luz entretanto brota de um coração
sensível e perceptivo ao divino em si
e em tudo ao seu redor.

Neste mistério do sensível e do perceptivo
é que esta o verdadeiro mistério da manifestação
da Luz cuja origem é o SI mesmo em tudo presente
e permeante, incluso...cada um de nós.

Alex(Valter)


Vem minha fada,
minha fadinha..

Vem cantar as músicas
que me fazem feliz...

Vem mostrar teu amor,
este amor que me toca,
este amor que evoca de
mim para ti só coisas boas.

Vem minha fadinha,
vem me recitar palavras
de luz...

Deus como adoro ouvir-te,
como adoro sentir-te falar,
escrever, dizer coisas lindas.

Vem minha fadinha,
vem...

Quero ver-te assim,
feliz da vida,
Plena do que interessa
e faz bem no mundo.

Vem minha fadinha...

Se todas as pessoas do
mundo tivessem tua luz
tua energia não estaríamos
falando em tanta coisa ruim
como temos falado noite e dia.

Vem minha fadinha...

Te amo tanto...

Sinto tanto teu amor...

Que chega a doer...

Mas uma dor estranhamente
deliciosa como se tua lembrança
fosse igual um alfinete quando nos
pica e nos lembra de que para
que a roupa fique bem no corpo
precisamos dar uma arrumada geral.

São teus toques de amor que me
fazem antenado com esta alminha
linda que tens e distribuis ao mundo
pasmado com tanta belezura...

Vem minha fadinha..vem...vem!!!

Alex(Valter)

A Grande liberação de Amor Divino vem agora e vai tocando progressivamente vidas que se percebem sagradas diante do divino dentro de si.
O Amor divino toca e cura vidas todos os dias, todos os momentos. Todos os instantes pessoas se permitem sentir Deus dentro delas e a partir delas operando o Amor no mundo.

Esta grande liberação de Amor tem em si o cerne da Sabedoria divina, este toque de Deus com este toque feminino, do eterno sagrado feminino. Este feminino que como  A Mãe envolve filhos e filhas em seu regaço. Que como a Mãe , cuida e vela por cada um de seus filhos e filhas...
Sabedoria...Sophia...Sofia...

Esta Mãe e este Amor estão no centro do atuar da Vontade divina. Esta Vontade que como um Pai promove no mundo o querer de Deus. Que como um Pai exerce o controle, a direção e o rumo das coisas.
Esta Vontade que é tolerante sim mas enérgica em impedir que o mal impere no mundo e que seus filhos e filhas se percam pela vida.
Esta Vontade que como Logos...Palavra criativa gera e cria novos mundos.

Deste Amor, desta Sabedoria, desta Vontade gera-se todas as coisas em todos os mundos de manifestação de Deus.

Gera-se a Paz que excede todo o entendimento e toda compreensão.

Gera-se a Verdade que é o centro revelador de todos os mistérios divinos.

Gera-se a Inteligência criativa que tudo coordena nos universos de Deus.

Gera-se o Conhecimento onde não há sombras nem variações.

Gera-se a Liberdade que nos faz escolher conscientemente nossos caminhas na vida.

Gera-se a Prosperidade que é nosso caminhar iluminado pelo mundo.

Gera-se a Abundância que é nosso senso de plenitude nesta iluminação.

Gera-se a Justiça que é o equilíbrio entre o querer e o fazer, o árbitro entre acertos e erros.

Gera-se a Cura que remove todos os obstáculos internos e externos para nossa expressão.

Gera-se a Beleza, algo vindo de dentro mais que exposta fora, algo que se torna ligado absolutamente aos filhos e filhas de Deus.

Gera-se a Fraternidade entre os humanos, que constrói pontos e através destes, pontes de ligação entre humanos e humanos...

Gera-se a Igualdade entre irmãos e irmãs, filhos e filhas de um mesmo Pai e Mãe do céu em Amor e em profunda Graça.

Gera-se a Iniciação nos mistérios divinos, pois progressivamente vamos mais e mais conhecendo o divino em nós pulsante...

Gera-se a União das chamas gêmeas, estas entidades sagradas ligadas por luzes que entre regozijo e dor formam experiência e um aprofundar supremo nesta Vontade, Sabedoria e Amor...

Gera-se Caminhos abertos diante dos caminhantes para que os possam trilhar sem medos e vencendo todas as oposições...

Gera-se Vitória sobre vitória sobre tais oposições, vencedores que vencem e curam o mundo no processo!

Gera-se Felicidade, plena e viva dentro, através e ao redor de nós, felicidade que se expande, se expande, se expande envolvendo tudo e todos...

Gera-se Unidade em Deus pura e simplesmente, Unidade que não precisa mais ser nem adjetivada nem substantivada mas apenas É...

SOHAM!

Valter Taliesin

VÍDEOS SAGRADOS

A MUSICA DO ANJOS














FONTE YOUTUBE





FONTE DE IMAGENS GOOGLE


Nenhum comentário:

Postar um comentário