Google+ Badge

sexta-feira, 27 de novembro de 2015

MISTÉRIOS DA HUMANIDADE: OS MEROVÍNGIOS, O SANTO GRAAL, OS TEMPLÁRIOS, A ARCA DA ALIANÇA E ATLÂNTIDA...










QUANDO PENSAMOS NOS GRANDES MISTÉRIOS QUE EXISTEM NO MUNDO NOSSA MENTE VOA AO ENCONTRO DO CENTRO DOS TEMAS QUE DESPERTA-NOS PARA OS MESMOS...
EXISTEM VÁRIOS GRANDES MISTÉRIOS; NESTE TEXTO PROCUREI FOCAR 5 DELES, EM VERSO E PROSA...SÃO PEQUENOS TEXTOS ONDE PROCURO CAPTAR UM POUCO A ESSÊNCIA DO MITO...
COM O TEMPO E VEZ OU OUTRA PROCURAREI VOLTAR AO TEMA E ENFOCAR OUTROS GRANDES MISTÉRIOS SE DEUS NOS PERMITIR...PAZ E LUZ...VALTER LUDWIG TALIESIN...


Mistérios da Humanidade...

OS MEROVÍNGIOS...

Reis e Rainhas...
Príncipes e Princesas...
Duques e Duquesas...
Condes e Condessas...
Marqueses e Marquesas...
Viscondes e Viscondessas...
Barões e Baronesas...
Famílias que hoje se escondem
atrás de nomes tão comuns mas
outrora poderosos:
SILVA, OLIVEIRA, MELO, FONSECA,
etc..isto só para ficar na cepa portuguesa
e espanhola...
Muitos nem lembram, nem sabem o que
são e de onde vieram...travestidos de
"cristãos novos" seus ancestrais ocultaram
o grande segredo para fugir da impiedade
dos que se dizem e nunca foram!
Mas no fundo são eles que foram os mais
primitivos entre os tais...os mais próximos
de facto...da FONTE...DELE...e não
da barbaridade que se fez em seu Nome...
Entretanto o mito permanece...
e em torno dele se criam outros mitos,
outras histórias...outras imagens que
misturam suas faces novas com faces ancestrais...
Uma linhagem...um sangue que entoa
canções de fora da Terra inclusive.
Vozes do DNA do Grande Mistério...
No veio oculto da espiritualidade contudo
eles espreitam e esperam...
Esperam o momento exato e certo...
A Hora em que as mentiras cessarão e a verdade
surgirá em todo o seu esplendor...quando então
o mundo perceberá que por baixo do pano negro
dos ditos e ditos oficiais...existe um mundo que
ele nem sonha.
E então a cepa dourada...
Os Senhores e Senhoras do alvorecer...
As Filhas e Filhos D'Alva...
Os Rebentos do Sol da Justiça...
As Abelhas da Sabedoria...
A família do Santo Graal...
Sairão do seu segredo e se mostrarão ao
mundo...e ajudarão todas as cepas humanas a se
descobrirem pela primeira vez...
UMA SÓ CEPA HUMANA...FINALMENTE!
Pois esta é a sua missão...a sua função
ancestral que aparentemente foi morta
mas somente ocultou-se nas sombras para
dali poder criar com calma o cenário
do Retorno Dele que é o centro Deles...
E o Centro de toda Humanidade!

Valter Ludwig Taliesin





Mistérios da Humanidade...

O SANTO GRAAL

Da sagrada mesa entre os convivas...
Brilhou e luziu as gemas multicores
entre o dourado mais vivo...
Mas tal Vaso simboliza realmente a
perfeita santidade do Amor do Cristo
encerrada em um Vaso comunal de
Ágape fraterno?
Ou refulge no Corpo que Ele
tanto amou que se fez Linhagem?
Ou ainda está esta Santidade encerrada 
em seu Corpo, seu invólucro carnal?
Quem santifica o Vaso é o Sangue,
e não o Vaso ao Sangue...
O Sangue Real...o Sang' Real...o Sangreal,
o Sangrial, o Santo Graal...
O que é o Vaso?
Um Cálice feito por mãos humanas?
O Corpo e Ventre de uma Mulher?
Ou o próprio Corpo do Cristo, sua Humanidade?
O que é o Sangue?
Com certeza no Sangue esta a Vida, o fluxo
da Alma, o Grande Labirinto das Catedrais Góticas
representam sua via e circuito...
O Sangue portanto é a morada da Alma ilustre,
da divindade feita Homem...
Mas este Sangue santificou um Vaso feito por mãos?
Um corpo de Mulher Amada em Vaso metáfora?
Ou o próprio Corpo do Amado em pura figura?
O que é o Graal?
Ou...À quem Ele serve?
Perguntava a Voz no Castelo do Graal!
E somente a resposta certa curaria as chagas do 
Rei Pescador, elegeria seu sucessor e curaria
toda a Terra!
Dá-se a entender que de tão cifrada, poucos;
se é que alguém conseguiu, respondeu a contento!
Desde então inúmeros Cavaleiros do Graal empreendem
jornada, estudam significados, viajam pelos lugares ditos,
Do Graal, e hoje podemos dizer que as Cavaleiras,
também existem...muitas delas antigas Dominas, Damas, 
do Graal de outrora e que agora, neste mundo novo,
cavalgam pela descoberta como os homens.
Entretanto acalmem-se Damas...melhor que qualquer
homem como Dominas vocês tem esta resposta em
vosso próprio corpo pois seja lá o que signifique o Vaso
em realidade ele é o Grande Símbolo da Vida que cada
uma de vós traz em potencial dentro de si, para receber
o Graal; sem que os próprios Cavaleiros se deem conta
de que o Amor genuíno e real que doam para suas
mulheres amadas...é o mais vivo de todos os Graais...

Valter Ludwig Taliesin




Mistérios da Humanidade...

OS TEMPLÁRIOS...

Entre guerras e ideais dúbios
estão corações que amam o Mistério
mais até do que sua religião.
Sob a capa da doutrina e do dogma
eles tentam forjar um mundo novo.
Debaixo do pano das aparência eles
confabulam com supostos inimigos,
tentam curar feridas ancestrais sem
que o vulgo perceba as tramas deste
imenso e intricado fio de Ariadne.
Cortam terras, singram mares,
são os tradicionais guardiões de um
segredo de eras, e trazem no nome
o Cristo que realmente amam e veneram
e é o grande arquétipo do novo humano
que projetam para si e para os demais,
e o Templo que é o protótipo e imagem
dos próprios mundos de manifestação,
criação, formação e expansão do
divino entre os humanos.
Espadas e lanças, escudos e maças
um dia foram ostentados como armas
de ataque e defesa mas pouco a pouco
uma compreensão maior foi surgindo,
uma visão que o Grande Segredo tornou
real e apagou qualquer outra visão que
porventura um dia houvesse tentado
justificar as empresas das armadas
dos grandes guerreiros, como meramente
fanáticas e devotas.
Com o tempo, ao perceber o objetivo
real de sua cria, a criadora os tentou
devorar; revoltada e sentindo-se traída,
quando viu que estes em verdade trabalhavam
por um mundo bem diferente da visão
monocromática que tinha, "a mãe" tenta
devorar seu filho mais glamouroso e poderoso;
um filho que não traiu a Verdade mas apenas
revelou a verdadeira faceta dos medos mais
mesquinhos que podem dominar os corações
dos humanos com a Coragem mais viva
e poderosa, aquela que cria no mundo as grandes
idades das humanidades!
Aparentemente sumidos nas brumas do tempo,
desde o fatídico e nefasto 13 de Outubro de 1307
os guardões do Graal disfarçam que estão mortos
mas quem tem olhos para ver sabe que as
aparências mais que enganam... tonteiam...

Valter Ludwig Taliesin




MISTÉRIO DA HUMANIDADE...

A ARCA DA ALIANÇA...

Tu da estirpe de Abraão...
Tu da estirpe do Segredo.
Tu nascido da Fé que é como
um selo de remissão.
Na Arca se oculta o sigilo dos
universais.
Na Arca deposita-se os símbolos
arcanos dos grandes Mistérios.
A Arca é qual ventre de Shekinah,
de onde brotava a Nuvem de Glória
que preenchia o Santuário.
Uma Arca levou a bom termo
o Manu da Era Ariana, Noah
e os 3 grandes Senhores árias:
Sem, Cam e Japhet.
Japhet é Zeus, Cam é Hades,
Sem é Poseidon e Noah é 
Cronos, o Senhor do antigo
paraíso, da era dourada que findou
e acabou-se em Dilúvio e o Manu
regente da era que se iniciava e
nos bastidores atuava através dos filhos
recriando o mundo para uma nova
humanidade que de seus lombos
quer literais ou iniciáticos renascia.
Em Abraão e sua estirpe a Arca
se materializa enfim como uma
Linhagem de destino entre todas
as grandes Linhagens daquela
 Nova Era que então surgia.
E dentro desta linhagem de destino
surge o Rebento de Jacó, a Raiz de Davi,
a Linhagem do Graal que guarda o mais
profundo segredo das iniciações do
Cristo Cósmico.
De Moisés, o iniciado de Osíris/Yahveh
vem a recriação do símbolo oculto;
do pássaro BenBen que encimava a
grande pirâmide de Quéophs;
A Grande Pedra testemunhal, A Fênix radiante...
A Arca como coroa do poder que ligava dimensões!
Neste contexto tanto ela quanto a pirâmide são
encarados e vistos como mistérios antediluvianos. 
Alguns dizem que o grande hierarca
diante das degradações dos Mistérios no Egito
foi comissionado pela Fraternidade para em verdade
LEVAR a Arca da Grande Pirâmide; outros pensam
que ele a sequestrou...mas o mais provável é que
simplesmente ele tenha recebido o protótipo
para recriar a mesma para seu povo.
Se assim for, onde estará aquela que ornava
a Grande Pirâmide?
Se não é a mesma do Êxodo, talvez esteja oculta
em câmaras mais que secretas embaixo
do Grande templo que um dia coroou.
E hoje até mesmo aquela do deserto, do Templo
de Jerusalém tornou-se um profundo mistério.
Maior até do que a sua suposta original.
A Arca do Concerto, A Arca dos filhos da Promissão!
Iniciados Jedih e Sith a buscam com igual empenho
pois sabem que ela é mais que um símbolo,
um grande repositório de poder oculto.
Nas sagas religiosas poucos mitos são tão desejados
que sejam reais quanto este.
Será que um dia veremos a mesma em todo o seu
esplendor de eras?
Aguardemos!

Valter Ludwig Taliesin 





Mistérios da Humanidade....

ATLÂNTIDA...

Das brumas do Tempo...
Das espumas sombrias
do Grande Oceano de Atlas...
De entre as colunas que
sustentam misticamente o
Universo e onde eternamente
jaz em pé o titã potente...
Ali, entre o canto das sereias,
e o brado dos tritões; os rebentos
de Poseidon, o Senhor dos
vastos, profundos e misteriosos
Oceanos, por sua inspiração e
para a Glória da divindade interior
criaram o mais brilhante dos povos
de então...forjados no leito do amor
e da paixão sublime do Grande
Deus pela bela e pequena Clito,
nasceram o 5 pares de gêmeos
da Nova Aurora...e a partir deles
milhões de almas cá descidas das
mais altas e sublimes esferas, criando
assim um poder tal que nem Lemúria
ou Hiperbórea sonharam um dia atingir;
não porque não fossem gloriosas, mas
porque Atlantis, este é o nome que ficou
para as eras, foi palco de um destes
momentos únicos entre as raças universais,
ondes as humanidades crescem em suas
casas e depois singram o universo em
barcas celestes e povoam(e muitas vezes
poluem) outros rincões do Oceano de cima.
Quem poderá garantir que os restos supostamente
vistos na Lua ou em Marte não sejam os rastros
dos atlantes terrestres? Em eras onde os
mesmos "beijaram a sola dos pés dos deuses"
e tanto os "ameaçaram" que estes incomodados
"desceram" para ver o barulho que estes faziam?
Quem pode nos garantir que a dita Babel não seja
um mito atlante anterior e não posterior ao Dilúvio
universal, o qual mudou a face do mundo de tal forma
e a maneira que as humanidades de então aqui
viviam, que nada mais nos resta que opacos
80 e tantos anos de vida quando milhares
eram brincadeira de criança para eles naqueles idos?
Quem pode nos garantir que a própria Atlântida neste
crescer a ponto de atingir os céus, através de portais de luz,
em Stargates que ainda jazem ocultos sob águas
profundas ou sob neves eternas - ou quase diante
da nova hecatombe que se aproxima e chamam
"carinhosamente" de Aquecimento Global e que ameaça
revelar o que, por exemplo, "as terras da Rainha Maud,
na imensa Antártida ocultam e trazem sob gelo de eras -
que esta Atalanta mágica não criou seu próprios deuses?
Entidades poderosas, quase ou iguais aos pais que
lhes forjaram e que nas brumas dos tempo ficaram
conhecidas como Osíris, Isis, Thoth, Hathor, Hórus,
Néftis e Seth dentre outros?
Grandes senhores e senhoras civilizadores(as) que quando
diante do marulhar do Oceano, do grito de guerra das entranhas
revoltas de Gaia, guiaram os eleitos para terras distantes;
tanto daqui, desta pequena esfera como também mais longe
no espaço profundo?
E porque houve o grande fim atlante?
"Inveja" e "Medo" dos deuses superiores e criadores pelo
poder de seus rebentos? Ou realmente houve um momento
que os "Gigantes" que andavam sobre a Terra começaram a
se degradar e a "devorar" os filhos dos homens? Ou seja;
os miscigenados semideuses abusando de seus poderes e
grandeza escravizando, usando e abusando dos humanos
autóctones?
E agora?
Estamos, como dizem muitos sensitivos, diante do retorno dos
atlantes através da atual humanidade e perigamos repetir
o mesmo roteiro deles em oitavas superiores tanto de
degradação quanto de glória?
E esta era será definitiva por ser a de entrada da Terra na
quinta dimensão e enfim, libertação da dita quarentena
cósmica imposta depois da queda atlante?
Estaremos finalmente entrando no seio da comunidade
cósmica, agora em paridade com os deuses e aceitos por
estes como iguais e não como "crianças abusadas"?
O que nos fala os mitos do passado?
Sim, reconheço; trago neste momento mais indagações
que respostas para vocês mas eu gosto disto;
Gosto de despertar perguntas e levar à meditação...
Ainda mais em assuntos como este!
Primeiro porque existem relatos diversos sobre estes
tempos idos, cada um querendo ser mais certo que
o outro(até colocam Atlântida noutro planeta) depois
porque tenho visto mais pretensão, tanto em
cientistas quanto espiritualistas quando tratam
deste que, considero um dos mais importantes e determinantes
assuntos não do passado; mas do presente, pois os atlantes
para mim...Yeah!...Estão aqui de novo! Tanto os que acertaram
na meta quanto os que pegaram "prisão domiciliar"; os primeiros
vieram cá de novo em busca de seus irmãos para ascenderem...juntos
e estes simplesmente tinham que aqui este neste "Momentum" tremendo
e único "queima de carma!
E assim uma nova epopeia atlante esta a ser escrita; com outros rostos e
nomes mas com a mesma paixão de outrora!
Saudações atlantes para todos!

Valter Ludwig Taliesin


Vídeos sagrados

Filmes documentários sobre os temas atinentes

Os merovíngios


O Santo Graal


Os templários



A Arca da Aliança


Atlântida


Fonte de vídeos Youtube







Fonte de imagens Google

Nenhum comentário:

Postar um comentário