Google+ Badge

sexta-feira, 11 de dezembro de 2015

NUMEROLOGIA ESOTÉRICA: 5...HUMANIDADE CÓSMICA...



Uma estrela de 5 pontas e no centro um homem ou uma mulher ereto(a), pernas e braços abertos...olhando para frente confiantemente...rodeando o pentagrama um quadrado e um círculo. Este é o grande arcano deste número.

Nos mundos manifestos as entidades primeiro, manifestam-se como uma ideação de Deus(mundo da emanação), depois começam, individualizadas, a criar imaginativamente como Deus que as imaginou e emanou, suas envolturas(mundo da criação), em seguida formatam as mesmas com as vestes da matéria(mundo da formação) e por fim penetram em um mundo onde diversas interações físicas cada vez mais fortes e atritantes são um cenário factual(mundo da ação).

A humanidade esta em cena!

Homem e Mulher deixam de ser um protótipo na Mente Divina e passam a ser progressivamente em todos os mundos protagonistas de uma Grande História tecida por eles mesmos.

Vejam, segundo a leitura oculta não somos massa de manobra de ninguém a não ser de nós mesmos!

Deus nos emana(ou cria como queiram) enquanto imagens surgidas em sua Mente mas estas mesmas trazem em si o potencial de serem co-criadoras com Ele dos mundos a seguir e de suas próprias Histórias. Qualquer entidade que no meio do caminho torna-se ditadora e escraviza outras entidades, o direito das mesmas em Ser, é usurpadora.

Somente assim, entendo, uma leitura oculta de um demiurgo criador que usurpou no coração de almas que à ele em algum momento se ligaram energeticamente o direito de ELAS MESMAS serem diretoras de suas vidas  faz sentido. O mesmo, se real criador é do mundo holográfico em quem estamos, traz para este mundo seu contexto "rebelião" e com isto turva esta holografia com seu "pecado" mas o mundo em que estamos não é ruim em si, de natureza, mesmo porque o demiurgo seria ruim, mas o seria porque esta em rebelião, e isto cria um estado ruim nele mesmo e em tudo o que lhe cerca. Ou seja; o problema não esta na natureza do mundo, já que o demiurgo usa da mesma energia divina pela qual cria-se todos os mundos, mas na deturpação desta energia por meio de uma intenção errada deste e das almas que aqui encarnando, aceitam prazerosamente esta ilusão.

A questão a meu ver que temos que tratar é... porque almas encarnam em um mundo deturpado?

E não se o mundo material é um erro pois isto ele não é...estava e sempre esteve na mente Divina criar-se tal esfera de experiência e isto  envolvendo as grandes hierarquias criadoras, incluso nelas este tal demiurgo, e não só ele, mas cada alma encarnada, ainda que de linhagens mais básicas e menos, digamos, gloriosas.,,as quais receberam o seu "um talento' para ao menos criar seu mundo pessoal.


Qual o motivo de, mesmo o mundo estando como esta, almas continuarem aqui encarnando?

Isto é algo que se encontra no Coração da Divindade não de um demiurgo. Temos que ter em mente que, em existindo ou não um demiurgo aqui, e sendo este o tal IALDABAOTH, o orgulhoso e revoltoso criador do mundo material contra Deus o criador do mundo espiritual dos gnósticos ou o SATAN da teologia oficial(ainda que a teologia oficial não o veja como um criador do mundo material mas tão somente um rebelde), ESTE DEUS(o dito criador do mundo espiritual), e não o demiurgo é que continua a permitir que almas venham em um mundo assim pois do contrário Ele seria uma completa nulidade, já que o outro pinta e borda aqui e Ele nada pode fazer apesar de não gostar ...e eu tenho certeza:

 DEUS NÃO É UMA NULIDADE...DEUS É SOBERANO...TRANSCENDENTE...IMANENTE...EMANENTE... ETERNO...IMUTÁVEL...ILIMITADO...ONISCIENTE...ONIPRESENTE...ONIPOTENTE...e portanto tudo...absolutamente tudo...ATÉ O DEMIURGO...reza por sua cartilha ou Lei Maior.

Poderíamos conjecturar que estas almas estão aqui desde sempre, que desde o momento que este mundo foi formado, e muito antes do contexto rebelião desta entidade(se é que isto existiu) estas almas aqui encenam este drama...algumas já tendo passado de ano singram já distantes por outras esferas do Ser mas a grande maioria ainda jaz por aqui. Ou então como creem alguns, aqui estão almas em remissão de outros orbes, de outras esferas...se assim for, então não podemos falar de um mundo em rebelião com  um demiurgo rebelde mas em um ESTADO que o próprio Deus Eterno permite que exista para que seres em erro de diversas paragens se encontrem aqui e com o tempo se acertem...e se este for o caso a pergunta agora muda de figura...Agora a pergunta é:

Até quando isto se dará?

A Terra também passará de ano e deixará de ser um "mundo de remissão", onde almas vem para purgar pecados e passará a ser  um "mundo de ascensão" ?

E se isto for, o demiurgo então não seria "O Mal" em si, mas um verdadeiro "feitor divino" que zelaria como um feitor de obras sobre a Grande Obra que é este mundo de provas...

Percebem como as implicações vão mudando na medida em que novas perguntas são feitas?

Penso que num cenário assim qualquer conclusão definitiva é temerária - claro, sempre um e outro vai dizer que "VIU"qual é a verdade, mas como são vários os que dizem isto e nem sempre esta "verdade" que "viram" se coadunam entre si -...o melhor que podemos fazer é aproveitarmos esta chance evolutiva. Temos as leis divinas inscritas em nosso corações; temos os ensinos dos grandes mestres repassados de geração em geração e ainda que cá ou ali deturpados, o fio de ouro e a luz neles é tamanha que a mesma brilha em meio a lama humana que tenta dela se utilizar para construir seus impérios de ignorância.

O demiurgo portanto muda de figura conforme diverge a visão que as pessoas tem do processo da vida aqui(um rebelde contumaz e deturpador do criado e não criador em verdade; o criador do mundo material em rebelião contra o espiritual; ou quem sabe, um criador que até hoje é absolutamente fiel ao propósito para o qual aqui se manifestou, ainda que nos pareça tão doloroso)...entretanto seja esta visão  qual for um ponto de partida TODAS devem ter se quisermos ver Deus como justo:

"NO INÍCIO DEUS OLHOU E VIU QUE TUDO ERA BOM"

Ou seja; no início toda a atividade demiúrgica aqui era boa...conforme o plano divino...quer este mundo fosse um paraíso pleno ou um mundo paradisíaco de recuperação para almas de outras esferas em pecado... Se o demiurgo é um ente rebelde posterior ou sempre foi um feitor divino isto pouco importa ante a única verdade: O início começou segundo os planos divinos e mesmo uma suposta rebelião no fim se revelará para o Bem maior...como tem que ser quando Deus de fato É além da mortal aparência!


Porque estamos a falar tudo isto aqui?

Porque geralmente o pentagrama é demonizado como um símbolo do Mal...e a imagem do homem vitruviano como a soberba decaída humana em pessoa, quando NENHUM dos dois o são.

O pentagrama é um símbolo do humano, anterior à queda e também de sua restauração na figura do homem vitruviano dentro dele!

Alguns estudiosos explicitam que o pentagrama é o número da união(as duas pernas e braços) com a síntese(a ponta).

Dentro do contexto mágico talvez seja o mais emblemático dos símbolos(o hexagrama talvez seja seu grande rival) e a Wicca hoje, dentre todas as religiões pagãs, o adota mais que qualquer outra corrente espiritual.

Para os antigos hebreus o pentagrama era o símbolo da Verdade...a Verdade divina manifesta no mundo, estando cada um dos 5 livros da Torah em uma de suas pontas:
Gênesis no pico, Êxodo no braço esquerdo, Levíticos no pé esquerdo, Números no outro pé e Deuteronômio no outro braço...(as posições da imagem e não de nossa visão)...
A Verdade da revelação sobre Deus engloba o humano todo...no centro do pentagrama o ser humano se vê completamente envolto pela Verdade divina. Pela revelação das verdades eternas.

Um símbolo universal por excelência o pentagrama manifestou em cada povo uma faceta deste sagrado...o poder real na Suméria, a saúde e conhecimento entre os pitagóricos, um símbolo das pirâmides entre os egípcios, o ciclo da criação/destruição entre os chineses sendo que cada braço do pentagrama estava associado a um elemento: terra, água, fogo, madeira e metal e ainda aos 5 elementos primários da Natureza na Magia...Espírito/Éter, Água, Terra, Ar, e Fogo...nisto podemos ver como este símbolo pode se tornar um poderoso talismã mágico se imantado com a fé certa para tanto!

O Pentagrama é o grande símbolo do microcosmo; da humanidade evolutiva, em ascensão rumo ao sagrado em si e em todas as coisas.


O cinco é um número ligado a grandes realizações...

Uma pessoa com este numeral em sua vida, dependendo da posição em que se encontra em seu mapa demonstrará ser uma pessoa realizada ou a necessidade da mesma realizar-se como entidade individualizada, livre, leve e solta. Na aventura da vida os cinco plenos são pessoas extremamente audaciosas, que enfrentam na vida os altos e baixos da mesma com a cabeça erguida. São extremamente espertas, inteligentes, vivazes, adaptáveis, expressivas, otimistas e muito cultas. As artes, o conhecimento e a sabedoria são muito naturais para eles.  Isto falamos de quem vibra esta energia, que tem isto como natural em si...mas aqueles que tem quer como missão desenvolver isto, como expressão de personalidade vibrar isto, como destino atingir isto, talvez devam trabalhar de forma diferente este número em suas vidas do que quem o tem.

Seja como for, um 5 pleno é um ente poderoso do contexto EU SOU no mundo!

Observar-se, perceber as energias em si, como elas atuam em si é a Grande Obra que os humanos podem fazer para que a vida se torne mais e mais dignificante.

"Mãos à Obra" ...portanto é o grande lema do 5 em ação!


Em Amor e Luz

Valter Ludwig Taliesin

Paz e Bem

VÍDEOS SAGRADOS

MUSICA DE FLAUTA













Nenhum comentário:

Postar um comentário