Google+ Badge

domingo, 18 de dezembro de 2016

O ATUAR DA MÃO DA PROVIDÊNCIA

Direto do túnel do tempo...3 anos atrás... nestes 3 anos pude ver "A MÃO DA PROVIDÊNCIA" agir e cuidadosamente atuar na medida de minha fé e neste atuar pouco a pouco conheci mais e mais do divino em Mim.
Valter Luis Taliesin

Estou oscilando intensamente entre excitação e calma estes dias...
estranhas expectativas associadas à certezas...
Isto mesmo; expectativas e certezas, NADA de incertezas graças
a Deus!
Mas os estados entre excitação e calma são complicados de administrar às vezes.
Complicados de serem entendidos, compreendidos e sou um cara criterioso neste ponto.
Gosto de saber onde piso, porque piso, com quem piso e se pisar vale a pena.
As pessoas continuam nos surpreendendo e algumas para melhor, isto é bom.
Mas nossas expectativas e certezas, excitações e calma não devem de maneira nenhuma focar-se, firmar-se exclusivamente nas pessoas.
O caminho se abre diante de nós e um leque absurdo de opções parece abrir-se ante nós mesmo quando conhecemos ou achamos que conhecemos as pessoas e o que queremos ou elas querem.
Esta é a glória e a tragédia de sermos seres cientes e com escolhas!
A maior das glórias ao tratarmos de relacionamento é quando duas pessoas combinam perfeitamente suas incertezas na certeza de que se querem e se amam...as incertezas particulares ficam totalmente em segundo plano e passam a trabalhar como companhias obedientes da grande certeza que norteia suas vidas.
A maior das tragédias é quando as certezas pessoais de duas pessoas que se amam se fortalecem e se firmam tanto em campos antagônicos que o estar junto e construir algo junto se torna uma grande incerteza.
O periférico, o que deveria ser suplementar e complementar e o diverso nos dois, se tornam inimigos mortais da relação e não o tempero que dá sabor e cor.
O ideal talvez seria um estado de ser absolutamente calmo e centrado onde não houvesse oscilação quanto à resultados, mesmo quando sabemos que tais resultados são claramente certos no bom sentido, como as vezes acontece.
Mas talvez seria pedir muito, nem Jesus teve controle sobre este tipo de expectativa quando sua hora estava chegando....um misto de excitação e calma dominou o coração do Mestre diante da certeza do que viria até o embate no monte das oliveiras; quando o estado centrado perfeito se concretizou no simbolismo do suor de sangue.
Suar sangue...
Quer literal ou figurado exibe um estado supremo de excitação a que pode chegar um ente diante de um momento decisivo de sua vida.
E também o fim absoluto dela ante a calma resoluta!
Neste momento ter pessoas de seu lado que te deem amor, conforto, aquele olhar cúmplice, aquele toque de mão que alivia é maravilhoso!
Ele não os teve apesar de pedir insistentemente aos discípulos que vigiassem e orassem com ele!
E nos tempos que estamos vivendo agora piorou; esta cada um e cada qual tão preocupado consigo mesmo que encontrar este momento, este ponto de ligação com a alma do outro esta cada vez mais rareando.
Costumo dizer e assusto algumas pessoas com isto que estranhamente consigo ser amigo e confidente de todos os que se aproximam de mim 'precisados' mas não consigo encontrar um ouvido amigo, um ombro amigo que seja meu ouvido confidente; quando começo a abrir a boca...desconversam.
É uma situação e posição que já percebi, causa inveja em algumas pessoas que acham que você resolve tudo e consegue tudo sozinho e ainda ouve e ajuda outros, mas uma posição extremamente solitária por percebermos que nem as pessoas mais queridas realmente percebem nossas carências em meio a tanta...'fortaleza'.
As cobranças assim vem desde o lar até aos sites de relacionamentos da internet e se você bobear e choramingar um pouquinho corre o risco de perder uns '10 amigos' de uma tacada só!
Estranho este mundo que estamos construindo não?
Onde alguns elegem uns para serem absolutamente paredes e muros de lamentações e outros como os lamentadores ad eternum sem direito de um ou outro as vezes precisar inverter as posições.
Em suma!
SIM!
EU TAMBÉM TENHO OS MEUS DIAS DE CÃO!
Aliás, até o supremo avatar Jesus os teve e quando teve saiu da boca dele; raças de víboras, sepulcros caiados, hipócritas e até chicote no lombo de gente que esperava sempre dele a mesma atitude de santidade absoluta; como se santidade absoluta fosse ser eternamente o muro de lamentações alheia!
Para um que o chamou bom num destes dias de 'cão' ele virou abruptamente e disse...'BOM É SÓ VOSSO PAI DO CÉU EU NÃO SOU BOM'!
E findou o papo!
Se fosse eu que fizesse isto acho que perdia metade de 'amigos' virtuais aqui!
Noutro a família dele apareceu toda solícita para acudi-lo pois ouvira que estava dias e dias pregando sem comer e achavam que ele tinha perdido o juízo...'elegantemente' ele disse' MINHA FAMÍLIA SÃO OS QUE OUVEM E OBEDECEM AQUILO QUE FALO' !
Que dia de cão não?
Enfim, porque estou escrevendo isto?
PARA AQUELES AMIGOS E AMIGAS QUE QUANDO NOS AUSENTAMOS UM POUQUINHO JÁ ACHAM QUE ESTAMOS EM CRISE TOTAL OU PERDEMOS 'A GRAÇA DIVINA' E PARA AQUELES QUE QUANDO ÀS VEZES PERDEMOS O TOM DE 'MESTRE' VEZ OU OUTRA E 'DESCEMOS DO SALTO E RODAMOS A BAIANA'(não, não estamos mudando de time please!) DEIXAMOS DE SER EVOLUÍDOS, E ESPIRITUAIS!!!
Enfim...é isto!
Amor e Luz!
Valter Luis Taliesin

Música Sagrada

BACH - JESUS alegria dos homens


BACH - Air

BACH - Tocata in dó menor

BACH - Adagio

BACH- Magnificat

BACH - Johannes Passion



Nenhum comentário:

Postar um comentário